Pablo reclama sobre renovação frustrada com o Corinthians: 'Não cumpriram o combinado'

Pablo reclama sobre renovação frustrada com o Corinthians: 'Não cumpriram o combinado'

Por Meu Timão

8.4 mil visualizações 163 comentários Comunicar erro

Pablo argumenta que negociações não deram certo por causa do Corinthians

Pablo argumenta que negociações não deram certo por causa do Corinthians

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Entre os destaques do Corinthians na temporada passada, Pablo era tratado com uma das prioridades do clube para 2018. Emprestado pelo Bordeaux, o zagueiro negociou uma possível renovação com o Timão durante todo o ano, mas acabou sem chegar a um acordo e voltou para a França. Dois meses depois, o jogador finalmente falou sobre o tema.

"No meio do ano saiu que tínhamos acertado a renovação de contrato. Algumas semanas depois, o Corinthians avisou a gente que não queria mais fechar aquele acordo que tínhamos acertado. O Fernando (César, empresário) e eu somos muito transparentes e honestos e sei que não fizemos nada de errado", explicou o defensor, em entrevista ao Estadão.

"Eles não cumpriram o combinado, mas ficou como se nós tivéssemos mudando o discurso, que pedimos mais, que somos mercenários e aquelas coisas todas. Não mudamos em nada. O Corinthians que aceitou um acordo e depois chamou a gente para fazer outro. Até tentamos conversar, mas não deu certo", completou.

Leia também:
Ídolo de Matheus Matias já fez golaço no Corinthians, jogou no São Paulo e batizou arquibancada
Técnico do Millonarios, primeiro adversário do Corinthians na Libertadores, é internado na Colômbia
De três 'futebóis' em Natal ao Corinthians: conheça o recém-contratado atacante Matheus

Apesar do desgaste e do tratamento hostil de alguns torcedores em suas redes sociais, Pablo faz questão de falar de sua gratidão ao Corinthians. Além de não guardar mágoas da diretoria ou da torcida, o jogador mantém contato com o técnico Fábio Carille, que foi importante no enorme processo de evolução que ele viveu no Brasil.

"O que eu queria deixar claro é que minha passagem foi muito marcante para a minha carreira. Voltei para o Bordeaux de outra forma. Antes, eu era um jogador que ninguém conhecia e hoje isso mudou. Não guardo mágoa de ninguém do Corinthians e queria falar também que o Fábio Carille é um cara excepcional, de conhecimento tático espetacular e um amigo, que a gente conversa até hoje. Quero deixar bem claro tudo isso", finalizou.

Veja mais em: Ex-jogadores do Corinthians e Pablo.

Veja Mais:

  • Timão pode erguer troféu da Liga Ouro já na sexta-feira, na casa do São José

    Corinthians vence batalha com quatro prorrogações e fica a uma vitória do título da Liga Ouro

    ver detalhes
  • Maioria dos titulares de Loss já completou sétimo jogo no BR; Cássio e Fagner, sequer seis

    Doze corinthianos já completaram sete jogos no Brasileirão; veja quem ainda pode se transferir

    ver detalhes
  • Caetano tem 18 anos e estava no Botafogo

    Corinthians acerta contratação de zagueiro indicado por Barroca, técnico do Sub-20

    ver detalhes
  • Léo Jabá tem contrato de cinco temporadas com o FC Akhmat Grozny

    Jabá encaminha transferência à Grécia, e Corinthians pode ganhar mais de R$ 4 milhões

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes