Cássio relembra erro contra o Corinthians em 2017 e ignora reclamações do rival: 'O choro é livre'

3.6 mil visualizações 42 comentários

Por Andrew Sousa e Rodrigo Vessoni

Goleiro ignorou as reclamações dos jogadores do Palmeiras

Goleiro ignorou as reclamações dos jogadores do Palmeiras

Rodrigo Vessoni / Meu Timão

Após três partidas sem vitória no Paulistão, o Corinthians se recuperou na competição ao bater o rival Palmeiras por 2 a 0, neste sábado. O triunfo deu ao Timão a quarta vitória seguida em Dérbis. Alguns lances da partida, no entanto, causaram extrema revolta no goleiro Jailson, expulso durante a partida, e em Dudu, capitão palmeirense. Em coletiva concedida nesta segunda-feira, no entanto, Cássio deu de ombros para a reclamação.

"O choro é livre. Todo mundo fala o que quiser. Difícil porque só lembram agora o erro. Acho que aquele lance não diferenciou em nada, o Corinthians foi superior ao Palmeiras o jogo todo", pontuou o arqueiro, em coletiva após o treino desta segunda-feira, antes de relembrar um erro grotesco contra o time alvinegro no Paulistão de 2017.

"Lógico que reclamações vão ter, mas se formos lembrar o último jogo do Paulistão teve um erro bizarro do árbitro, que expulsou um jogador do nosso time e conseguimos ganhar ainda sim. Erros acontecem, mas acho que foi pênalti. O árbitro pode ter demorado pra dar, mas foi uma jogada forte, foi unanimidade pelos comentários que vi", concluiu.

Leia também:
Sidcley faz primeiro treino no Corinthians em reapresentação do grupo antes de viagem à Colômbia
Sem Kazim e Alex, Corinthians divulga lista dos 30 jogadores inscritos na Libertadores 2018
Embalado pelo gol no Dérbi, Corinthians relembra grandes dribles de Rodriguinho; veja

A declaração do goleiro vai de encontro com o que disse Rodriguinho ao deixar o gramado. Na oportunidade, o meia também usou a frase "o choro é livre" quando perguntado sobre as declarações de Dudu, que insinuou que a arbitragem sempre beneficia o Corinthians na Arena. Tranquilo, Cássio fez questão de valorizar o peso e a forma com que o Timão conquistou os três pontos em cima do rival.

"Não podemos deixar que esse tipo de declaração tire o brilho da nossa vitória. O Corinthians foi merecedor, desde o primeiro momento mostrou que queria ganhar e serve de exemplo para os próximos jogos. A vitória dá mais confiança para a equipe, mas sabemos que quarta-feira já tem Libertadores, no domingo outro clássico. Então, nos dá moral, mas temos os pés no chão que precisamos melhorar e evoluir", concluiu

Veja mais em: Cássio e Dérbi.

Veja Mais:

  • Mauro Boselli precisará renovar seu contrato para disputar Brasileirão até o fim

    Corinthians pode perder dois jogadores por questões contratuais antes do fim do Brasileirão; entenda

    ver detalhes
  • Vitória do Botafogo contra o Guarani pode manter sonho do Corinthians vivo no Paulistão

    Restam dois jogos: o que o Corinthians precisa para se classificar no Paulistão?

    ver detalhes
  • Carlinhos disputou apenas duas partidas pelo time principal do Corinthians

    Atacante do Corinthians com poucos minutos no profissional será emprestado ao Atibaia

    ver detalhes
  • Justiça penhora R$ 428 mil das contas do Corinthians após ação movida pelo América-MG

    Corinthians sofre penhora de quase R$ 500 mil na Justiça por dívida com América-MG

    ver detalhes
  • Xavier, volante de 20 anos, pode ganhar chance de treinar com o elenco principal do Corinthians no CT

    Capitão do Corinthians na Copinha pode ser mais um jovem a ganhar chance com Tiago Nunes no CT

    ver detalhes
  • Atuação de Amarilla revoltou Tite e os corinthianos em 2013

    Corinthians parabeniza Conmebol por aniversário e Fiel se revolta ao lembrar eliminação de 2013

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: