Insinuações palmeirenses contra o Corinthians terão de ser esclarecidas no TJD

9.0 mil visualizações 108 comentários

Por Meu Timão

Lance que resultou na expulsão de Jaílson

Lance que resultou na expulsão de Jaílson

Reprodução/TV

As insinuações dos palmeirenses Jaílson e Alexandre Mattos feitas ainda na Arena Corinthians após a derrota alviverde por 2 a 0 para o Timão terão de ser esclarecidas no Tribunal de Justiça Desportiva de São Paulo. Isso é o que revelou o delegado Antonio Olim, presidente do órgão, em entrevista concedida nesta segunda-feira à Rádio Jovem Pan.

"Mesmo sem ler a súmula do juiz, mandei convocar o goleiro (Jailson). Mesmo sem ter lido o que foi feito ou não, ele vai ser chamado para dar explicações sobre o que falou. Não interessa se ele estava no calor do jogo, falou demais", explicou Olim.

Leia também:
Vídeo de torcida do Corinthians 'invadindo' estação de trem a caminho do Dérbi viraliza; assista
Romarinho mantém 'tradição' e volta a provocar rival do Corinthians após Dérbi: 'Eu já sabia'

Inconformado com a expulsão e a marcação do pênalti em cima de Renê Júnior, Jaílson insinuou que a arbitragem teria beneficiado propositalmente o Corinthians. O goleiro palmeirense, vale lembrar, deixou buracos com a sola da chuteira na perna do volante.

"Posso ser punido, e muito, mas passaram a mão na gente de novo aqui dentro. De novo, todo ano que a gente vem aqui é alguma coisa. Vou ser punido, mas tenho que falar a verdade. Passaram a mão de novo na gente", declarou o arqueiro na saída do estádio.

Já com relação a Alexandre Mattos, o problema não diz respeito a entrevistas, mas sim à atitude de interpelar o árbitro Raphael Claus nos bastidores da Arena Corinthians. O diretor de futebol palmeirense foi até mesmo citado na súmula da partida (confira abaixo).

"Mandei chamar também o diretor de futebol do Palmeiras. Estive ontem com o Andrés, o Andrés disse que ele estava na boa, mas ele deu uma tumultuada. Também vai ser chamado para dizer por que abordou o juiz, o que ficou perguntando. Só vou esperar a súmula do juiz para ver se ele vai colocar alguma coisa sobre esse diretor, mas é bem provável que eu chame também", argumentou Olim.

Na súmula do Dérbi, Claus relatou "que após o termino da partida, quando adentrávamos a zona mista, em direção ao vestiário da arbitragem, o sr. Alexandre Mattos (...) veio ao meu encontro respeitosamente perguntando sobre minha decisão no campo de jogo. Conversa esta realizada com a presença do (...) sr. Andrés Sanchez".

Veja mais em: Dérbi e Campeonato Paulista.

Veja Mais:

  • Duelo teve muita luta e poucas chances de gol

    Corinthians cria pouco e fica no empate sem gols na primeira final do Campeonato Paulista

    ver detalhes
  • Cássio recebe a maior nota dos leitores do Meu Timão após Dérbi sem gols

    Cássio 'se salva' e é o melhor do Corinthians em noite de avaliações ruins; meia é o pior

    ver detalhes
  • VÍDEO: Corinthians x Palmeiras | Ao vivo | Final do Campeonato Paulista 2020

    ver detalhes
  • Tiago Nunes analisou o Dérbi desta quarta-feira

    Tiago Nunes aponta equilíbrio em primeira final e projeta jogo de volta: 'Decidida no detalhe'

    ver detalhes
  • Luan foi o jogador mais criticado pela torcida nas redes sociais

    Torcida do Corinthians critica Tiago Nunes, questiona Luan e pede mudança para segunda final

    ver detalhes
  • Atacante Jô durante jogo contra o Palmeiras, pela final do Paulistão 2020

    Final entre Corinthians e Palmeiras bate recorde de audiência após paralisação

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: