Corinthians lidera retrospecto contra o Vitória, mas luta contra tabu de nove anos no Barradão

Corinthians lidera retrospecto contra o Vitória, mas luta contra tabu de nove anos no Barradão

Por Meu Timão

1.3 mil visualizações 29 comentários Comunicar erro

Último encontro terminou em derrota do Corinthians, na Arena

Último encontro terminou em derrota do Corinthians, na Arena

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Pela primeira partida das oitavas de final da Copa do Brasil, Corinthians e Vitória se enfrentam nesta quarta-feira, às 19h30. O confronto, disputado no Barradão, marca o 44º encontro entre as equipes. Até o momento, o time alvinegro leva larga vantagem.

Ao todo, são 24 triunfos do Timão, 12 empates e apenas sete derrotas. A última delas, no entanto, teve um peso enorme. Pelo segundo turno do Brasileirão de 2017, os comandados de Carille somavam 34 jogos de invencibilidade quando foram surpreendidos pelos baianos em Itaquera - a partida terminou 1 a 0, com gol de Tréllez.

O tropeço, vale destacar, foi escolhido por Carille como derrota mais marcante desde que assumiu o comando alvinegro. "Quando falam de uma derrota de 2017, é essa que vem na memória", disse, em março deste ano.

Leia também: Corinthians encara o Vitória no Barradão em estreia na Copa do Brasil-2018

Apesar da liderança com certa folga no retrospecto geral, o Corinthians entra em campo com o peso de um longo tabu nas costas. Já são nove anos sem bater o Vitória no Barradão, palco do confronto desta quarta-feira - de lá para cá foram três empates e uma derrota. Os números são do Almanaque do Timão.

O último triunfo alvinegro no estádio foi em 28 de outubro de 2009, pelo Campeonato Brasileiro. Na oportunidade, o Timão venceu por 1 a 0, com gol do argentino Matias Defederico.

A curiosidade fica por conta do treinador do Vitória na oportunidade. Tratava-se de Vagner Mancini, que novamente comanda o time baiano frente ao Corinthians no confronto de logo mais. O técnico, inclusive, esteve envolvido em grande polêmica após o último embate entre as equipes. Na ocasião, vazou um áudio em que ele ofendia um jornalista, chamando-o de "babaca corinthiano", além de comemorar muito a vitória na Arena.

Veja mais em: Copa do Brasil e Retrospecto do Corinthians.

Veja Mais:

  • Corinthians jogou bem, mas não conseguiu sair vitorioso neste domingo

    Corinthians sofre gol impedido, reage no segundo tempo e fica no empate com o Internacional

    ver detalhes
  • Corinthians de Jair Ventura está em oitavo lugar no Brasileirão

    Corinthians 'volta uma casa' na classificação do Brasileirão, mas diminui distância para o G6

    ver detalhes
  • Danilo Avelar foi eleito o pior corinthiano em campo pela Fiel

    Novidade de Jair Ventura é enaltecida pela Fiel; lateral rouba cena e é eleito pior em campo

    ver detalhes
  • Mateus Vital fez bom jogo diante do Internacional neste domingo

    Análise: Corinthians reage após gol impedido e consegue empate contra o Internacional

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes