Ex-professor de Mantuan, técnico de futsal do Corinthians descreve substituto de Fagner

Ex-professor de Mantuan, técnico de futsal do Corinthians descreve substituto de Fagner

Por Meu Timão

4.1 mil visualizações 59 comentários Comunicar erro

Chegou a hora de Mantuan engatar jogos como titular do Corinthians. E agora?

Chegou a hora de Mantuan engatar jogos como titular do Corinthians. E agora?

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Provável titular do Corinthians nas próximas semanas como substituto do lesionado Fagner, o jovem Guilherme Mantuan, de apenas 20 anos de idade, ganhou senhores elogios de um "ex-professor": André Bié, atual treinador da equipe profissional de futsal do Timão.

"Sempre um grande atleta, ser humano ímpar. Muito sério, comprometido. Fico muito feliz pela evolução desse garoto, tem tudo para ser um excelente jogador de futebol. Pelas características como ser humano e profissional, dentro e fora da quadra e do campo também", disse Bié, em entrevista concedida ao site da ESPN Brasil e publicada nesta terça.

Leia também:
Lesões podem dar chance repentina a jovem recém-chegado ao Corinthians
Carille mudará estratégia de escalações do Corinthians a partir de domingo

Guilherme Mantuan atuava pelas categorias de base do futsal corinthiano em seus primeiros anos como jogador do Timão. Foi nas quadras do Parque São Jorge que o ainda adolescente conheceu e passou a ser treinado pelo ainda não muito conhecido André Bié, que só em 2016 foi promovido à equipe profissional de futsal do clube.

"Era um jogador muito técnico, inteligente, comprometido e, mais do que isso, solidário. Entendia o jogo e trabalhava pelo coletivo. Sua habilidade, inteligência, emocional e técnica, facilitava muito no futsal. Pensava no coletivo e, com sua grandeza, humildade, ajudava muito nossa equipe. Garoto que respeitava muito o que nós treinadores falávamos", descreveu Bié.

Cabe aqui ressaltar que Mantuan já viveu no último domingo seus primeiros minutos na lateral direita nessa sequência que deve engatar até o mês que vem. Ele entrou logo no início na vaga de Fagner, sofreu falta não marcada pela arbitragem no lance do gol atleticano e acabou mal avaliado pela Fiel após a derrota do Timão em Belo Horizonte.

Mantuan foi promovido como volante ao elenco profissional do Corinthians no segundo semestre de 2016. Ele desceu ao Sub-20 em 2017 para ser campeão da Copa São Paulo de Futebol Júnior e então ser integrado em definitivo ao elenco principal do clube, pelo qual soma oito jogos (sete deles na atual temporada, quando se tornou opção como lateral).

Veja mais em: Guilherme Mantuan, Fagner e Futsal do Corinthians.

Veja Mais:

  • Jadson é o artilheiro do elenco em 2018, com 15 gols; é o que mais fez com Jair Ventura

    Jadson se torna artilheiro da era Jair Ventura; meia participou de 12 dos últimos 20 gols do Timão

    ver detalhes
  • Roger entrou aos 13 minutos do segundo tempo e conseguiu fazer um dos gols do Timão em Salvador

    Roger é o atacante do Corinthians que precisa de menos tempo em campo para fazer um gol

    ver detalhes
  • Corinthians foi da água ao vinho: campeão em 2017 e candidato ao rebaixamento em 2018

    Corinthians luta contra reviravolta jamais vista no Brasil e raríssima no futebol mundial

    ver detalhes
  • Duelo ganhou ares dramáticos com prorrogação, mas terminou em alívio e comemoração dos corinthianos

    Em jogo dramático, pivô faz três, Corinthians segura empate na prorrogação e vai às quartas da LNF

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes