Trabalhando em dois períodos nas férias, Renê Júnior projeta retorno e sequência no Corinthians

Trabalhando em dois períodos nas férias, Renê Júnior projeta retorno e sequência no Corinthians

Por Meu Timão

2.2 mil visualizações 44 comentários Comunicar erro

Renê Júnior tem trabalhado duro durante pausa para a Copa do Mundo

Renê Júnior tem trabalhado duro durante pausa para a Copa do Mundo

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Entre os desfalques do Corinthians na reta final da primeira parte da temporada, o volante Renê Júnior deve ganhar importância diferente depois da parada da Copa. Com a saída de Maycon e sua recuperação de lesão, a tendência é que ele seja um dos principais postulantes a vaga de titular na equipe de Osmar Loss.

"Independentemente de o Maycon estar ou não, sei que, se eu estiver bem, tenho condições de jogar. Nas duas vezes que me machuquei eu vinha jogando. O Corinthians tem um grupo qualificado, temos que trabalhar todo dia para entrar e permanecer. Se der brecha, quem entrar vai dar conta", analisou, em entrevista ao GloboEsporte.com.

Ciente da grande chance que pode ganhar, Renê Júnior tem aproveitado as férias para trabalhar. Recuperado de cirurgia realizada no joelho direito, o volante tem buscado se recondicionar até mesmo quando está em casa.

"Faço mais a parte de academia, de fortalecimento muscular. O pessoal do Corinthians que indicou. Inclusive, preferi ficar em São Paulo com a minha família, para priorizar o condicionamento físico, assim, na volta, não estarei defasado e consigo voltar. Eu estava precisando mais do que o restante do elenco, pois eles vinham jogando. Tem dias que tenho feito dois períodos. Um na academia, outro no meu prédio mesmo", afirmou.

Leia também: Com cartilha de alimentação e até de exercícios, Corinthians define programação na parada da Copa

Com o empenho, a expectativa do jogador é chegar 100% para o duelo contra o Botafogo, no dia 18 de julho - o primeiro compromisso alvinegro pós-Copa. Até lá, no entanto, os exercícios vão se intensificar, com o objetivo de adquirir confiança e ritmo de jogo - há três amistosos para isso.

"É difícil falar que estou está zerado. Já tive uma lesão parecida. Quando você volta, não é a mesma coisa. Você volta com dor, mas é normal. Depois, você vai jogando, e a dor vai sumindo, você acostuma com o movimento. Só preciso de ritmo de treinos e jogos. E confiança para fazer algum giro, dividida, passe... Nos últimos treinos eu já fui pegando, mas aí teve a parada. Acredito que nesse primeiro jogo depois da parada estarei 100%", concluiu.

Veja mais em: Renê Júnior.

Veja Mais:

  • Jair conta com Romero para surpreender Cruzeiro fora de casa; time viaja à noite

    Jair preserva titulares, e Corinthians não tem treino tático antes de pegar Cruzeiro

    ver detalhes
  • Livre de incômodo, Douglas deve ser novidade no time titular do Corinthians

    Com retorno de volante, Corinthians relaciona 22 para viagem a Belo Horizonte

    ver detalhes
  • Andrés (à dir.) ao lado do diretor de futebol Duílio Monteiro

    Presidente do Corinthians viaja à Europa em busca de contratações

    ver detalhes
  • Corinthians passou a levar mais torcedores na Arena após diminuição dos valores

    Corinthians diminui valor de ingresso e vê médias de público e renda aumentarem no Brasileirão

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes