Marcelinho explica polêmica com Mascherano e demissão do Corinthians: 'Criaram uma situação'

Marcelinho explica polêmica com Mascherano e demissão do Corinthians: 'Criaram uma situação'

Por Meu Timão

6.3 mil visualizações 67 comentários Comunicar erro

Marcelinho não obteve sucesso em sua terceira passagem pelo Timão

Marcelinho não obteve sucesso em sua terceira passagem pelo Timão

Foto: Reprodução/Youtube

A terceira e última passagem de Marcelinho Carioca não foi das melhores. Após fechar contrato de duas temporadas para acerto de pendências com o ex-presidente Alberto Dualib, o Pé de Anjo permaneceu apenas seis meses no Parque São Jorge até ser demitido.

"Quem mandava naquela época era o Kia. Ele trouxe o Mascherano, Sebá e o Tevez, que tinha que ser a estrela. E eu não vim pelo Kia, vim pelo Dualib, naquela composição financeira que estava brecando o Corinthians. Então, me trouxeram por conveniência", relembrou, em entrevista ao Desimpedidos.

Na visão do ídolo alvinegro, então, quem comandava o clube naquele momento não o queria ali. Sendo assim, qualquer deslize acarretaria em uma possível punição. E o deslize veio. Em treino, Marcelinho se irritou com duas entradas do volante Mascherano e acabou sendo dispensado pouco tempo depois.

"O Mascherano me deu a primeira pegada, aí deu a segunda e eu já falei pro Geninho que ia dar uma porrada. Ele pegou a bola e eu dei uma nele. Já fui saindo fora. No vestiário, conversamos e ele falou que estava de cabeça quente e que no dia seguinte conversaríamos. Cheguei à tarde no clube e não podia nem me trocar, tinha sido mandado embora, mesmo com toda minha trajetória no clube", contou o Pé de Anjo.

"Criaram uma situação, teve um álibi para poder mandar o Marcelinho embora. Tevez não tinha culpa, Sebá também não e nem o Mascherano. Depois de dois dias ele chegou para mim e falou que foi uma situação meio proposital. Ele deu a entender que fez aquilo para deixar a bola quicando para que os caras pudessem me mandar embora", completou.

Na época, vale lembrar, a imprensa creditou a saída a opções técnicas do Emerson Leão, que teria recusado contar com o jogador até mesmo na equipe de aspirantes. Foram apenas cinco partidas disputadas nesta passagem.

Veja mais em: Ex-jogadores do Corinthians e Ídolos do Corinthians.

Veja Mais:

  • Pedrinho tem sido relacionado com grandes clubes da Europa

    Jornal espanhol coloca Pedrinho na mira do Real Madrid; meia seria emprestado ao time de Ronaldo

    ver detalhes
  • Equipe de Jair Ventura se afastou da zona de rebaixamento e pode respirar mais tranquila

    Chances de rebaixamento do Corinthians beiram zero após vitória decisiva contra o Vasco

    ver detalhes
  • Após cumprir suspensão, Douglas volta a ser opção para Jair no Paraná

    Dúvidas, retornos e ausências no Corinthians para o jogo contra o Atlético-PR na quarta-feira

    ver detalhes
  • Basquete do Corinthians tem jogo importante longe de seus domínios nesta semana

    Jornada dupla no Brasileirão e nas quadras: os compromissos do Corinthians na semana

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes