Atacante do Colo-Colo pede time 'fechado atrás' e transfere responsabilidade

Atacante do Colo-Colo pede time 'fechado atrás' e transfere responsabilidade

Por Meu Timão

3.4 mil visualizações 40 comentários Comunicar erro

Esteban Paredes atuou os 90 minutos da partida de ida, no Monumental David Arellano

Esteban Paredes atuou os 90 minutos da partida de ida, no Monumental David Arellano

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O Colo-Colo (CHL) não pretende ceder espaços ao Corinthians no jogo de volta das oitavas de final da Copa Libertadores da América, nesta quarta-feira, na Arena Corinthians. Com a vantagem obtida em Santiago, onde venceu pelo placar mínimo, o time chileno se prepara para jogar fechado e explorar eventuais contra-ataques cedidos pelo Timão, que precisará se mandar ao campo ofensivo dentro do tempo normal.

O atacante Esteban Paredes, opção para o duelo, tocou no assunto durante o desembarque do Colo-Colo para o Brasil, na tarde desta segunda-feira. De acordo com o veterano, a equipe visitante necessita atuar com inteligência, já que a pressão pelo triunfo estará do lado alvinegro.

“Vamos com a esperança de trazer a classificação. Eu já disse na semana passada: temos que jogar a partida, nos fecharmos atrás e sair para atacar, ainda que sempre com cuidados. Mas são eles que têm a pressão e nós devemos aproveitar os espaços”, afirmou Paredes, de 38 anos, em declaração reproduzida pelo portal AlAireLibre.

Paredes também colocou o Colo-Colo na briga pelo título da Libertadores. Segundo o atacante, o elenco à disposição nas mãos de Héctor Tapia reúne condições de buscar o segundo troféu do clube – o primeiro e único foi erguido em 1991.

“A gente, o clube, todos estamos muito esperançosos e se fizermos bem, e creio que assim será, podemos sonhar com a Copa”, finalizou.

¡Bienvenidos!

A delegação do Colo-Colo chegou a São Paulo nesta noite de segunda-feira. A equipe faz o único treinamento antes da decisão ao longo da tarde de terça, nas dependências do rival Palmeiras, a partir das 16h.

Para ir às quartas de final, o Corinthians tem de bater os chilenos por dois ou mais de gols de diferença. Se devolver o placar, decide a vaga nas penalidades máximas.

Veja mais em: Libertadores da América e Arena Corinthians.

Veja Mais:

  • Timão de Jadson pega o Guarani no Brinco de Ouro; Léo Santos é novidade

    Com novidade na escalação, Corinthians revê Osmar Loss em busca da primeira vitória em 2019

    ver detalhes
  • Corinthians lançou camisa em homenagem a Senna no ano passado

    Corinthians lidera ranking de camisas mais vendidas de 2018 no Brasil

    ver detalhes
  • Corinthians de Jadson busca primeira vitória da temporada nesta quarta-feira

    Veja como assistir ao jogo entre Corinthians e Guarani ao vivo na televisão

    ver detalhes
  • Vagner Love tem conversas com o Corinthians, mas precisa resolver situação na Turquia

    Turcos tentam atravessar Corinthians por Vagner Love, que reforça desejo de deixar o país

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes