Provável titular, Léo Santos vê ganho de qualidade técnica no Corinthians com sua entrada

Provável titular, Léo Santos vê ganho de qualidade técnica no Corinthians com sua entrada

27 mil visualizações 325 comentários Comunicar erro

Léo Santos entrou logo nos primeiros minutos do jogo contra o Colo-Colo

Léo Santos entrou logo nos primeiros minutos do jogo contra o Colo-Colo

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

O Corinthians deve ter uma novidade em sua zaga para o jogo deste sábado, contra o Atlético-MG, na Arena, pelo Campeonato Brasileiro. Com o joelho contundido, Pedro Henrique deve ser desfalque. Se tal cenário se confirmar, Léo Santos será o titular. E quem ganha é o próprio Timão, ao menos no que diz respeito à qualidade técnica da defesa.

Quem diz não é o Meu Timão. Mas sim o próprio Léo Santos, que concedeu entrevista coletiva na tarde desta sexta-feira, no CT Joaquim Grava, antes do último treino voltado à partida. Ao ser questionado sobre o que o Corinthians ganha com sua provável entrada, o jovem zagueiro de 19 anos de idade mostrou personalidade ao responder:

"A minha qualidade técnica é o que me diferencia dos outros. Não que os outros não tenham aqui no elenco. Mas acho que ali, em questão de uma saída de bola, controle de jogo, jogar mais pra frente, achar passes, fazer ligação direta para o Jadson, o Douglas... Posso ajudar muito nessa questão pela minha qualidade", argumentou.

Leia também:
Henrique reforça críticas à arbitragem por falta de cartão amarelo a goleiro do Colo-Colo
Feliz por desempenho, Fagner pede que Corinthians mantenha postura desta quarta

A afinidade de Léo Santos com a bola nos pés não é novidade no Corinthians. Não à toa, o técnico Osmar Loss já chegou a escalá-lo como volante - justamente visando conciliar suas características defensivas e a perspectiva de uma melhora na ligação com o ataque.

Pressão? - Léo Santos também falou sobre a responsabilidade de assumir a condição de titular do Corinthians no atual cenário (pós-eliminação na Libertadores, precisando se reerguer no Brasileirão e já de olho nas semifinais da Copa do Brasil).

"Essa questão de pressão... Eu e o Mantuan estamos desde pequenos no Corinthians, e rola pressão desde a base. Lógico que aqui no profissional é o dobro, o triplo. Mas estamos acostumados. O que muda é o sistema de jogo, a forma como joga, questão de adaptação de cada um", disse o zagueiro, citando o lateral-direito que concedeu entrevista ao seu lado.

Veja mais em: Léo Santos, Pedro Henrique, Elenco do Corinthians e Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Thiago Neves desperta interesse no Corinthians

    Corinthians formaliza interesse em Thiago Neves e Sassá, relata Cruzeiro

    ver detalhes
  • Ramiro foi peça importantes nos últimos títulos do Grêmio

    Pai de Ramiro revela conversas adiantadas com o Corinthians e fala em acerto ainda nesta semana

    ver detalhes
  • Matias Ávila, diretor financeiro, e Roberto Gavioli, gerente financeiro, em coletiva nesta quarta-feira

    Corinthians confirma déficit em 2018, mas prevê explosão de receitas com TV e patrocínios

    ver detalhes
  • Meio campista está bem perto de se tornar novo reforço do Corinthians

    Diretor do Fluminense confirma 'sim' de M. Gabriel e Corinthians se aproxima de acerto por Sornoza

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes