Boselli analisa calendário brasileiro e cita diferenças com o futebol mexicano

Boselli analisa calendário brasileiro e cita diferenças com o futebol mexicano

Por Andrew Sousa e Rodrigo Vessoni, na Arena Corinthians

11 mil visualizações 51 comentários Comunicar erro

Mauro Boselli fez sua estreia na partida contra a Ponte Preta

Mauro Boselli fez sua estreia na partida contra a Ponte Preta

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

A noite desse sábado foi especial para o Corinthians, que conquistou sua primeira vitória da temporada ao bater a Ponte Preta por 1 a 0. O embate, porém, teve significado ainda maior para o argentino Mauro Boselli, que fez sua estreia oficial vestindo a camisa alvinegra. Feliz pelo momento, o jogador sabe o que lhe espera a partir de agora: um calendário apertado e de muitos compromissos.

"Carille nos disse que vai precisar de todos, então temos que estar sempre preparados. Isso é bom porque faz com que a competição interna seja boa e todos estejam prontos para aproveitar a sua oportunidade. Como são muitos jogos, tem que aproveitar os momentos que estão em campo", destacou o argentino, na zona mista da Arena.

Leia também:
Carille relata 'evolução absurda' de Gustavo e agradece a Rogério Ceni
Boselli comemora primeiro jogo no Corinthians e elogia postura da torcida durante e após a chuva

O ritmo alto de partidas pode acabar sendo positivo para o centroavante de 33 anos. Enxergando uma série de diferenças do futebol praticado no Brasil e no México, o jogador reconhece que precisará de tempo para se adaptar à nova realidade.

"Aqui é muito mais físico. No México tinha mais espaço para jogar e aqui não tem muito, ainda mais contra uma equipe que joga mais atrás, como a Ponte Preta. Por isso acredito que não vai ser de um dia para o outro que irei me adaptar, mas irei me esforçar ao máximo para diminuir esse tempo junto com meus companheiros e entregar o que o treinador pede", pontuou.

Leia também:
Gustagol, Jadson, Boselli... Veja as avaliações da vitória corinthiana sobre a Ponte Preta
Carille revela intenção de utilizar dois centroavantes no time do Corinthians

As mudanças, cabe ressaltar, não ocorrem apenas dentro das quatro linhas. Fora delas, o jogador também tem de se acostumar com a rotina em São Paulo, sua nova casa. Até aqui, a cidade foi aprovada.

"Estou gostando, mas não muito do trânsito. Mas é uma cidade bonita e com muita qualidade. Me sinto muito bem aqui e espero a minha família chegar para poder aproveitar com eles também", concluiu.

Novidade alvinegra na parte final do jogo contra a Ponte Preta, Boselli atuou ao lado de Gustavo, que deve ser seu principal concorrente de posição na equipe titular. Em coletiva concedida neste sábado, Carille deixou clara a ideia de atuar com Love e mais um camisa 9 no ataque do Timão.

Veja mais em: Mauro Boselli.

Veja Mais:

  • Fagner é titular absoluto do Corinthians para Majestoso deste domingo

    Em clássico à flor da pele, Corinthians e São Paulo se enfrentam neste domingo; saiba tudo

    ver detalhes
  • Junior Urso está relacionado para seu primeiro jogo pelo Corinthians

    Primeira vez de Junior Urso! Corinthians relaciona 23 jogadores para clássico contra São Paulo

    ver detalhes
  • Arena Corinthians é a casa do Timão desde maio de 2014

    Fundo da Arena Corinthians abate R$ 260 milhões de dívida com Odebrecht

    ver detalhes
  • Torcedor do Corinthians tem 'compromisso majestoso' na noite deste domingo em Itaquera

    Fiel garante 39 mil ingressos para Corinthians x São Paulo; resta um setor disponível

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes