Primeiro semestre: Meu Timão faz análise do desempenho dos jogadores do Corinthians

11 mil visualizações 166 comentários Comunicar erro

Elenco do Corinthians, que participou de quatro competições, terá folga até o dia 23

Elenco do Corinthians, que participou de quatro competições, terá folga até o dia 23

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Na noite desta quarta-feira, o Corinthians disputou o último compromisso do primeiro semestre de 2019. Agora, com a parada da Copa América, a equipe de Fábio Carille só volta a jogar oficialmente no dia 14 de julho. Até agora, o Timão conquistou o Paulistão e foi eliminada nas oitavas da Copa Brasil, segue vivo na Copa Sul-Americana (oitavas) e faz uma campanha apenas regular no Brasileirão, ocupando a décima colocação na tabela.

Mas e os jogadores nesses primeiros seis meses? Quem foi ótimo? Quem foi bem? Quem foi apenas regular? E quem foi mal? O Meu Timão, pensando em responder essas questões, faz agora um raio-X de todos os 42 jogadores que entraram em campo pelo Corinthians ou que ao menos treinaram no CT Joaquim Grava em 2019.

Veja abaixo a análise do desempenho dividida em quatro categorias

Ótimo

Fagner jogou muita bola desde o início do ano. Forte atrás e na frente

Fagner jogou muita bola desde o início do ano. Forte atrás e na frente

Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Cássio, Fagner e Ralf - os três velhos conhecidos mantiveram o alto nível do primeiro ao último jogo. Experientes, com história no clube, tomaram conta de suas posições, cumpriram suas funções e fizeram a diferença em diversos jogos. O trio é importante também na parte de liderança do elenco.

Bom

Júnior Urso fez a equipe melhor taticamente, além dos gols marcados

Júnior Urso fez a equipe melhor taticamente, além dos gols marcados

Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Walter - foram seis participações, diversas boas defesas e desempenho satisfatório;
Danilo Avelar - foi um dos mais regulares do primeiro semestre, além de marcar alguns gols decisivos;
Bruno Méndez - teve duas chances e, mesmo improvisado, deixou ótima impressão;
Júnior Urso - fez o time crescer de produção e marcou gols. Caiu um pouco na reta final;
Sornoza - poucos jogos de destaque absoluto, mas foi o maior garçom do elenco (nove assistências);
Pedrinho - faz um bom ano e é o artilheiro do elenco no Brasileirão-19. Equipe sentiu sua falta;
Gustagol - artilheiro do elenco em 2019, com dez gols. Apesar da queda após lesão, é um dos destaques;
Vagner Love - aos 35 anos, é um dos mais regulares e mais presentes em campo. Fez o gol do título.

Regular

Clayson teve um período de ótimo futebol, mas não deu sequência

Clayson teve um período de ótimo futebol, mas não deu sequência

Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Carlos Augusto - não comprometeu nas nove partidas disputadas, ainda fez um gol de vitória;
Michel Macedo - atuou 12 vezes e, se não brilhou, também não comprometeu em nada. É o que mais teve lesão (2);
Manoel - melhorou bastante nos últimos jogos, mas o início foi bastante comprometedor;
Pedro Henrique - não comprometeu nos dez jogos em que entrou;
Marllon - não comprometeu nos doze jogos em que entrou;
Ramiro - foi importante em algumas partidas, mas mal em outras muitas. Ainda pode render muito mais;
Mateus Vital - alternou boas e más partidas. Melhorou bastante na reta final, mas o início foi bem complicado;
Clayson - teve um período incrível, com gols e assistências. Mas outros momentos bastante ruins.

Ruim

Richardo não foi bem nas vezes que teve chance durante os jogos

Richardo não foi bem nas vezes que teve chance durante os jogos

Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Henrique - não cometeu erros graves, mas não foi o mesmo do ano passado;
Richard - entrou e foi mal em praticamente todas as oportunidades;
Jadson - muito aquém da sua qualidade; melhorou na reta final, mas menos do que sabe;
Boselli - fez alguns bons jogos, mas pouco para quem veio com tanta expectativa.

Jogou pouco

Everaldo chegou por último e teve apenas duas chances de jogar

Everaldo chegou por último e teve apenas duas chances de jogar

Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

Gabriel (1), Léo Santos (4), Douglas (1), Thiaguinho (3), Araos (3), Marquinhos (1), Fabricio Oya (1), Régis (3), André Luis (5), Roger (1), Gustavo Mosquito (6), Sergio Díaz (2), Janderson (1), Everaldo (2) - jogadores com poucas chances de atuar; alguns deixaram o elenco durante o semestre.

Não jogou

Renê Júnior ainda não conseguiu voltar após duas cirurgias no joelho

Renê Júnior ainda não conseguiu voltar após duas cirurgias no joelho

Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Caíque França, Filipe, João Victor, Renê Júnior e Romero - não tiveram a chance de atuar na primeira parte do ano.

Veja mais em: Fábio Carille, Campeonato Brasileiro, Copa do Brasil, Copa Sul-Americana, Campeonato Paulista e Elenco do Corinthians.

Veja Mais:

  • Duílio voltou a bancar a permanência de Carille no Corinthians

    Carille tem multa regressiva e segue bancado no Corinthians mesmo em má fase

    ver detalhes
  • Crivelari marcou o primeiro gol do Timão no jogo

    Corinthians supera desfalques, vence chilenas e garante vaga na semifinal da Libertadores Feminina

    ver detalhes
  • Sorteio de grupos do Paulistão 2020 aconteceu nessa terça-feira

    FPF sorteia, e Corinthians conhece seu grupo e adversários do Paulistão 2020; veja como ficaram

    ver detalhes
  • Manoel vive a expectativa de permanecer no Corinthians para 2020

    Davó e Manoel: diretor atualiza situação de chegadas e saídas no Corinthians

    ver detalhes
  • Dirigente acredita na classificação do Corinthians para a Libertadores

    Diretor confia em ida do Corinthians à Libertadores, mas não condiciona chegada de reforços à vaga

    ver detalhes
  • Corinthians de Fábio Carille pode voltar à Libertadores em 2020

    Veja pontuação histórica que Corinthians precisa para ir à Libertadores-2020

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: