Coelho diz que principal objetivo no Corinthians está sendo alcançado e comenta alterações ofensivas

4.3 mil visualizações 101 comentários Comunicar erro

Por Meu Timão

Coelho exaltou a ofensividade do Corinthians, mesmo com os resultados não sendo alcançados

Coelho exaltou a ofensividade do Corinthians, mesmo com os resultados não sendo alcançados

Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

O técnico interino Dyego Coelho comandou a equipe do Corinthians em mais uma partida do Campeonato Brasileiro neste domingo. Apesar da derrota pelo placar de 2 a 1 para o Atlético-MG, o treinador falou sobre a boa atuação da equipe alvinegra e disse que o objetivo, de transformar o método de jogo do time até então, está sendo alcançado.

"Foi o que a gente combinou no primeiro dia de treino com os jogadores. Independente de qualquer situação, dentro ou fora de casa, íamos fazer com que o torcedor entendesse que a gente ia jogar para frente. Essa era a minha questão, tive respostas boas deles e às vezes o resultado não vem. Mais um vez jogamos para frente, buscando o gol e não sei os números ainda, mas quando o time joga para frente eu fico muito satisfeito", disse o treinador após a partida.

Leia também:
Fábio Santos relembra tempos de Corinthians e ressalta dificuldade em bater pênalti contra o Cássio
Corinthians chega a segunda pior marca de derrotas numa temporada nesta década

Com o resultado adverso na segunda etapa, Coelho optou por colocar o Corinthians ainda mais no campo de ataque e fez substituições ofensivas. No final da partida, a equipe alvinegra estava com Gustavo, Boselli e Vagner Love em campo pela primeira vez na temporada, mas isso ainda não foi suficiente para buscar o empate.

"Para você colocar três atacantes você precisa organizar bem o centro para a bola chegar com mais qualidade para eles. Tentei colocar o Pedrinho com o Vital para ter a sustentação do Gabriel, o Fagner um pouco mais na frente. A grande questão é que a gente precisava jogar um pouco melhor no meio, mas foi aquilo, do outro lado colocando para trás e a gente colocando para frente. Independente de estar ganhando, empatando ou perdendo, vamos procurar fazer isso", complementou.

Confira um trecho da coletiva de Dyego Coelho

Os dois gols do Atlético-MG surgiram de boas jogadas do meia Cazares, que marcou o primeiro depois de um bom chute na entrada da área e sofreu a penalidade que resultou no segundo. Por isso, Coelho falou sobre a dificuldade em enfrentar um jogador diferenciado, mas disse que não muda a estratégia da equipe apenas por um atleta.

"Ele desequilibra realmente. Mas eu, particularmente, me preocupo mais com o meu time atacar. Temos que tomar cuidado com esses jogadores, então dobramos a marcação, pega firme, tira o espaço, mas quando o jogador é diferente não tem como. É realmente muito difícil jogar contra o Atlético aqui, tem grandes jogadores. Para mim foi um jogo equilibrado no começo, lá e cá, e no segundo tempo tivemos oportunidades e não fizemos. Aconteceu o pênalti, mas buscamos, botamos o time para frente e agora temos que pensar no Ceará", finalizou Coelho.

O Corinthians agora enfrenta o Ceará pela penúltima rodada do Campeonato Brasileiro. Em oitavo na tabela da competição nacional, o Timão precisa de apenas uma vitória para garantir a sua classificação para a Libertadores de 2020.

Veja mais em: Dyego Coelho e Campeonato Brasileiro.

Veja Mais:

  • Corinthians conta com apoio do BMG se necessário para comprar Luan

    Corinthians confia em ajuda de patrocinador para ter Luan em concorrência com o Atlético-MG

    ver detalhes
  • Atacante André Luís disputou apenas cinco partidas pelo Corinthians

    Na espera de Tiago Nunes, atacante do Corinthians desperta interesse do Goiás

    ver detalhes
  • Presidente Andrés Sanchez detonou as últimas entrevistas do mandatário gremista

    Andrés Sanchez ataca presidente do Grêmio por negociação com Luan e diz: 'Não ofereci nenhum atleta'

    ver detalhes
  • Banco BMG é o patrocinador master do Corinthians desde janeiro deste ano

    Saiba quantas contas foram abertas via parceria entre Corinthians e BMG no primeiro ano

    ver detalhes
  • Matias Romano Ávila é diretor financeiro do Corinthians

    Diretor nega 'Corinthians quebrado' e esclarece busca por Luan e Michael

    ver detalhes
  • VÍDEO: Luan, Michael e Jorge: resumo do mercado da bola do Corinthians

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: