Orçamento do Corinthians prevê R$ 66 mi em vendas e eliminação nas oitavas da Libertadores em 2020

11 mil visualizações 73 comentários Comunicar erro

Por Meu Timão

Corinthians foi pouco otimista nas projeções para o orçamento de 2020

Corinthians foi pouco otimista nas projeções para o orçamento de 2020

Danilo Fernandes/ Meu Timão

O Corinthians foi pouco otimista nas projeções para o orçamento de 2020. Isso porque o clube do Parque São Jorge faz as contas para a próxima temporada com as seguintes previsões: chegar nas oitavas de final da Copa Libertadores e da Copa do Brasil e terminar o Campeonato Brasileiro na sétima colocação.

Diante desse roteiro, então, a diretoria alvinegra ainda pretende arrecadar R$ 66 milhões em vendas de jogadores. No entanto, a previsão do Timão é encerrar o ano que vem novamente no vermelho, com déficit de R$ 21,2 milhões. A informação foi divulgada pelo GloboEsporte.com.

Cabe destacar que as projeções citadas acima são obrigatórias para a formulação de um novo orçamento. Inclusive, dirigentes acreditam que é melhor ser cauteloso neste momento da temporada. Por conta do alto investimento, é claro, as previsões da alta cúpula corinthiana são mais otimistas.

Mesmo com esse planejamento, portanto, os conselheiros do clube não aprovaram o orçamento quando analisaram na última semana. Sendo assim, a votação foi adiada para o fim de janeiro.

"Houve alguns questionamentos e achamos por bem adiar a votação. Existiu requerimento do conselheiro Romeu Tuma Júnior nesse sentido", resumiu Antonio Goulart dos Reis, presidente do Conselho Deliberativo do Corinthians, ao GloboEsporte.com.

O Conselho Fiscal, que reprovou o documento, indicou que determinados detalhes no orçamento podem ser rejeitados pelo estatuto do Profut (Programa de Modernização da Gestão de Responsabilidade Fiscal do Futebol Brasileiro). Vale lembrar que o Corinthians registrou déficit de R$ 94,4 milhões no primeiro semestre de 2019. Com isso, a dívida total alvinegra foi para R$ 626,2 milhões.

Confira as principais receitas previstas no orçamento de 2020

  • Direitos de TV: R$ 230,5 milhões
  • Patrocínios: R$ 77 milhões (R$ 51,3 milhões com marcas no uniforme e R$ 25,6 milhões da Nike, fornecedora de material esportivo do clube)
  • Fiel Torcedor: R$ 13,2 milhões
  • Contribuição dos associados: R$ 15,2 milhões
  • Royalties / Licenciamentos da Marca: R$ 4,8 milhões
  • Licenciamentos e Franquias: R$ 5 milhões

* O Corinthians ainda espera receber cerca de R$ 70,8 milhões com vendas de ingressos para jogos na Arena, em Itaquera, mas todo o valor da bilheteria será destinado ao pagamento do estádio de Itaquera.

Veja mais em: Diretoria do Corinthians.

Veja Mais:

  • Corinthians encara Botafogo-SP nesta quinta-feira, pela primeira rodada do Paulistão

    Com caras novas, Corinthians recebe Botafogo-SP em estreia no Paulistão-2020; saiba detalhes

    ver detalhes
  • Corinthians estreia nesta quinta-feira no Paulistão

    Estreia do Corinthians no Paulistão será exibida apenas em TV fechada; veja como acompanhar

    ver detalhes
  • San José e Guarani começaram a definir o adversário do Corinthians na noite desta quarta

    Saiba como foi o 1º jogo entre San José e Guaraní, que define o rival do Corinthians na Libertadores

    ver detalhes
  • Tiago Nunes definiu suas opções para o duelo frente ao Botafogo-SP

    Corinthians divulga relacionados para estreia do Paulista contra o Botafogo-SP

    ver detalhes
  • Corinthians treina na Arena antes de estreia no Paulistão

    Tiago Nunes comanda treinos na Arena Corinthians antes de estreia no Paulistão; veja escalação

    ver detalhes
  • Corinthians bateu o São Paulo e sagrou-se campeão do Paulistão de 2019

    Guia Meu Timão do Paulistão: tudo sobre a busca do Corinthians pelo tetra estadual

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: