Lucas Piton lembra que usava Cássio no videogame e conta como foi a chegada ao Corinthians

1.9 mil visualizações 28 comentários

Por Meu Timão

Lucas Piton conseguiu a titularidade do Corinthians neste início de temporada

Lucas Piton conseguiu a titularidade do Corinthians neste início de temporada

Rodrigo Gazzanel/Ag. Corinthians

O lateral-esquerdo Lucas Piton, titular do Corinthians neste começo de temporada, contou em entrevista à TV oficial do clube a respeito do seu início de trajetória no Timão. Para o jovem de 19 anos, a jornada de sair da Copinha direto para a temporada reserva encontros que ele nem imaginava pouco tempo atrás.

"Estou aqui jogando com Cássio, Gil, Fagner... jogava com eles no videogame, cara. Agora 'bora' para a próxima (risos)", disse o jogador, que deve ser, por exemplo, o titular do setor na Pré-Libertadores da América, marcada para semana que vem, contra o Guaraní-PAR, no Paraguai.

Leia também:
Corinthians faz solicitações e consegue tirar jogo contra o Guaraní de estádio pequeno no Paraguai
Corinthians recusa duas propostas do futebol europeu por Ángelo Araos
Everaldo fala sobre retorno ao Corinthians após lesão: 'Tempo muito difícil da carreira'

"Encaro isso como uma oportunidade. Estar com o Sidcley é muito bom, ele já foi campeão, já fez história aqui. O nome dele está marcado aqui no clube", avaliou o atleta sobre seu concorrente no setor. O jundiaiense ainda fez questão de se derreter pelo que tem vivido nos últimos dias.

"Não tem como explicar o que é esse clube, é muito grande. A torcida também, muito gostoso jogar na Arena. A assistência, quando eu vi que o Gustavo cabeceou para o gol, foi muita felicidade", relembrou, citando o passe para o gol do centroavante na derrota para o Fluminense, sua estreia no profissional. Uma atuação decisiva para ele estar hoje no time de cima.

"Eu estava na Copinha, em Franca, fiz o primeiro jogo. Mas me ligaram de manhã, falaram para eu me apresentar para o profissional na terça-feira. Falei: 'ô, louco' (risos). Fiquei feliz, liguei para o meu pai. Não esperava, mas já estava preparado", concluiu Piton.

Início da trajetória

O vídeo ainda conta como foi a chegada do canhoto às categorias de base do clube. Vindo do futsal, ele lembrou a expectativa para atuar no campo desde que deixou Jundiaí e contou algumas passagens marcantes na base.

"Comecei com quatro anos em Jundiaí, em um clube chamado Nacional. Em 2016, eu recebi uma proposta para vir ao futsal do Corinthians, falei com o meu pai. O técnico que fez a proposta falou do campo: 'olha, tem chance de ir' e tudo mais. Aí isso deixou eu e meu pai mais tentado pela proposta. A gente veio para o futsal e passou 2016 inteiro jogando futsal", começou Piton.

"Em 2017, chegaram em mim e mais dois moleques, falaram que tinha uma oportunidade no campo. Ficamos uma semana, pediram para voltar. Outra, pediram para voltar. Aí depois disso aprovaram eu e mais um. Eu era lateral, mas não tinha vaga na ponta. Falaram para eu fazer o teste ali por isso. Joguei 2017 inteiro de ponta, extrema. Aí quando subi ao sub-20, não tinha o terceiro lateral. O Coelho perguntou se eu queria fazer ali, era um amistoso. Aí eu falei que sim. Estou na lateral até hoje", relatou o jogador, dono de marcantes gols na base.

"Teve um jogo lá em Rio Preto, contra o América. Eu fui bater o pênalti e perdi. Na cobrança do escanteio eu acabei ficando na área, coisa que eu nunca faço. Foi até o centroavante que bateu rápido. Eu cabeceei e fiz. Esse aí foi marcante", finalizou.

Confira o vídeo do Corinthians sobre Lucas Piton

Veja mais em: Lucas Piton e Campeonato Paulista.

Veja Mais:

  • Renato Gaúcho é o nome favorito da torcida para assumir o comando técnico do Corinthians

    Diretoria do Corinthians e empresário de Renato Gaúcho se reúnem no CT; saiba mais

    ver detalhes
  • Corinthians voltou a treinar no CT Joaquim Grava na manhã desta terça-feira

    Corinthians segue preparação para Sul-Americana com trabalho técnico sob o comando de interinos

    ver detalhes
  • Caso a diretoria não consiga contratar um substituto para Mancini até quinta, Fernando Lázaro será o treinador da equipe no banco de reservas da Neo Química Arena

    Duelo do Corinthians com Huancayo pode ter fato inédito em quase 111 anos de história do clube

    ver detalhes
  • Jemerson pode ter feito seu último jogo pelo Corinthians neste domingo

    Corinthians confirma lesão muscular de Jemerson; Dérbi pode marcar despedida

    ver detalhes
  • Corinthians garantiu a primeira colocação do Grupo B

    Corinthians empata com Delta Te Quiero e espera adversário das quartas de final da Libertadores

    ver detalhes
  • Corinthians vence Grêmio por 3 a 1 no Brasileirão Feminino

    Corinthians cresce no segundo tempo, vence Grêmio e assume a liderança do Brasileirão Feminino

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x