Gil lamenta novo gol sofrido em bola parada e cobra concentração para o Corinthians voltar a vencer

1.1 mil visualizações 36 comentários

Por Andrew Sousa, Rodrigo Vessoni e Vitor Chicarolli, na Arena Corinthians

Gil lamentou o gol sofrido pelo Timão na única chance do Santo André na partida

Gil lamentou o gol sofrido pelo Timão na única chance do Santo André na partida

Daniel Augusto Jr./Ag. Corinthians

Em partida prejudicada pela condição ruim do gramado da Arena, Corinthians e Santo André ficaram no empate por 1 a 1 na noite dessa quarta-feira. Como tem sido frequente, o gol adversário veio em jogada pelo alto, após falta cometida por Fagner. Pilar do sistema defensivo, Gil lamentou o novo tento em jogada aérea.

"Incomoda bastante. Eu mesmo fico me remoendo quando tomamos um gol. Mas estamos nos cobrando, fazendo tudo certo e chega na hora do jogo tomamos o gol em um momento de desconcentração. Não adianta achar culpado agora, é todo mundo junto para que isso não venha mais a acontecer e que voltemos a vencer o quanto antes", resumiu o camisa 4, na zona mista da Casa do Povo.

Leia também:
Dupla do Corinthians critica condição do gramado da Arena em empate: 'Nunca vi isso acontecer'
Tiago Nunes assume erro em titularidade de Yony González e expõe carência no ataque do Corinthians

A desconcentração relatada por Gil, inclusive, é um dos motivos que o zagueiro enxerga para os resultados recentes ruins da equipe. Por isso, o zagueiro cobrou foco total para os próximos dias - a equipe só volta a jogar daqui uma semana e meia, no dia 7 de março, contra o Novorizontino.

"É concentrar um pouco mais e se dedicar um pouco mais para conseguir as vitórias. Estamos chateados, mas todos estão se empenhando no que o professor tem pedido. Nesses dias sem jogo, vamos trabalhar mais para reencontrar o caminho das vitórias", analisou.

"Acho que vamos ficar agoniados nesses dez dias sem jogos, mas é um tempo para a gente trabalhar. O grupo sabe que as coisas acontecem quando trabalhamos. É ter tranquilidade para entrosar ainda mais todo mundo nesses dez dias. Aproveitar esse período para fazer o nosso melhor", concluiu.

Até aqui, cabe ressaltar, o Corinthians tem se destacada negativamente na defesa. Em 12 partidas, a equipe sofreu 13 gols - média de 1,08 por jogo.

Veja mais em: Gil e Campeonato Paulista.

Veja Mais:

  • Giuliano marcou o gol de empate do Corinthians diante do América-MG

    Giuliano 'rouba' noite de Willian e Corinthians empata com o América-MG pelo Brasileirão

    ver detalhes
  • Giuliano foi eleito o melhor jogador da partida contra o América-MG neste domingo

    Giuliano é eleito o melhor do Corinthians contra o América-MG; Sylvinho beira o zero

    ver detalhes
  • Willian fez sua reesteia pelo Corinthians após 14 anos

    Gol de Giuliano, estreia de Willian e críticas a Sylvinho: torcida repercute empate do Corinthians

    ver detalhes
  • Sylvinho explicou não utilização de Róger Guedes, Giuliano, Renato Augusto e Willian juntos em campo

    Sylvinho explica motivos para não utilizar o quarteto do Corinthians ao mesmo tempo neste domingo

    ver detalhes
  • Gabriel não enfrenta Palmeiras e Red Bull Bragantino pelo Brasileiro

    Gabriel recebe terceiro amarelo, é expulso após o jogo e desfalca o Corinthians por duas rodadas

    ver detalhes
  • Corinthians venceu o clássico contra o Santos na Fazendinha

    Corinthians bate o Santos e volta a vencer no Campeonato Brasileiro Sub-20

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x