Fabrício Oya completa um ano como profissional e relembra estreia pelo Corinthians

1.5 mil visualizações 28 comentários Comunicar erro

Por Meu Timão

Fabrício Oya celebra um ano de sua estreia pelo time principal do Corinthians

Fabrício Oya celebra um ano de sua estreia pelo time principal do Corinthians

Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Destaque nas categorias de base do Corinthians, o meia Fabrício Oya completou nesta sexta-feira um ano de sua estreia entre os profissionais. O memorável feito aconteceu na vitória por 1 a 0 sobre o Ituano, pela última edição do Campeonato Paulista.

Atualmente emprestado ao Oeste, o jogador de 20 anos relembrou a simbólica partida pelo time principal do Timão e também fez uma retrospectiva de sua carreira até o momento. Na sequência, detalhou suas projeções futuras.

“Eu não poderia ter estreado numa equipe melhor, onde eu sonhava, em um dos maiores clubes do Brasil. Momentos antes, fui convocado para o jogo, já deu aquela ansiedade e durante o intervalo, o auxiliar Fabinho falou que era para eu me preparar que provavelmente eu ia entrar no jogo, então eu aqueci, e nesse momento vinham situações na minha cabeça, eu estava bem animado, fiz minha estreia no lugar de um cara que eu admiro bastante que era o Jadson. Foi muito bom, estava muito feliz, minha família estava toda no estádio, foi tudo que eu sonhei”, disse.

“Aprendi muito nesse um ano de profissional, é bem diferente do que eu imaginava que seria quando eu estava na base. Tive momento difíceis, momentos bons, então a gente consegue amadurecer, eu amadureci bastante e acredito que desde esse dia da estreia, nesse um ano, sou uma pessoa totalmente diferente, e um profissional melhor, espero que eu tenha ainda muito anos de carreira e de muito mais momentos bons, e que eu possa usufruir e me divertir disso tudo, afinal, a gente faz o que ama, então espero que dê tudo certo daqui para frente, só tenho a agradecer", completou.

Leia também:
Ex-Corinthians destaca dificuldades vividas na Itália com a pandemia de coronavírus
Corinthians inglês aluga campo a rival por ajuda nas finanças e vê chance de Timão crescer na Europa
Ao Meu Timão, joia da base valoriza sequência de empréstimos, mas revela 'mágoa' com Corinthians

Apesar de certa badalação, Oya ainda não conseguiu engrenar pelo Oeste. Concorrente direto na posição de Mazinho, ex-Palmeiras, um dos ídolos da equipe de Barueri, o ex-corinthiano até chegou a receber oportunidades nos primeiros jogos de 2020, mas logo foi para o banco de reservas.

Desde que foi promovido ao profissional, o jovem meia-campista não conseguiu engatar uma sequência de jogos pelo Timão e entrou em campo somente diante do Ituano. Com pouco espaço no elenco alvinegro, foi emprestado ao São Bento na temporada passada - onde também teve um desempenho discreto.

Veja mais em: Fabricio Oya e Jogadores emprestados.

Veja Mais:

  • Vagner Love teve uma passagem discreta pelo futebol francês

    Quarteto ligado ao Corinthians aparece em lista de piores brasileiros que atuaram na França; confira

    ver detalhes
  • Ex-candidato à presidência fala em possibilidade de rebaixamento do Corinthians

    [Marco Bello] Ex-candidato à presidência fala em possibilidade de rebaixamento do Corinthians

    ver detalhes
  • Apito amigo? Arbitragem de Amarilla não sai da cabeça da Fiel até hoje

    1º de abril! Meu Timão esclarece oito grandes mentiras que rivais contam sobre o Corinthians

    ver detalhes
  • Deco teve excelente passagem pelo Fluminense na reta final de sua carreira

    Ex-jogador de Portugal revela que quase voltou ao Corinthians antes de boa passagem pelo Brasil

    ver detalhes
  • TV Globo informa que não adiantará última cota do Campeonato Paulista pelo surto do coronavírus

    Corinthians 'deixa de arrecadar' com Paulistão após decisão da TV Globo durante quarentena

    ver detalhes
  • Técnico aprovou desempenho de sua equipe na primeira fase do NBB

    Técnico do Corinthians admite oscilação, mas faz balanço positivo da campanha no NBB

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: