Gabriel exalta trabalho de Tiago Nunes e evita falar em favoritismo contra Mirassol: 'Fica no papel'

3.2 mil visualizações 32 comentários

Por Meu Timão

Gabriel valorizou o trabalho coletivo do Corinthians na classificação para a semifinal do Campeonato Paulista

Gabriel valorizou o trabalho coletivo do Corinthians na classificação para a semifinal do Campeonato Paulista

Rodrigo Coca/Ag. Corinthians

O Corinthians enfrenta o Mirassol, às 16h do próximo domingo, pela semifinal do Campeonato Paulista. Em busca do título estadual, o volante Gabriel valorizou a atuação alvinegra nas quartas de final e descartou um possível favoritismo da equipe para chegar à final.

A confirmação da vaga corinthiana na semifinal veio após o triunfo por 2 a 0 diante do Red Bull Bragantino. O Timão abriu o placar com 27 segundos de jogo e, em uma noite de boas atuações, soube administrar a partida e ampliar o placar.

"A gente fez o nosso gol muito cedo. Sair ganhando com 30 segundos de jogo é muito importante, conseguimos ter mais tranquilidade. Acredito que não recuamos tanto, a gente procurou marcar bem a equipe do Bragantino, que é uma equipe chata e de muita qualidade. Fizemos um jogo muito seguro", analisou o camisa 5 em entrevista à Fox Sports.

O Corinthians, que vinha sofrendo antes da paralisação do futebol, alcançou bons números, principalmente na defesa, e agora completa três jogos sem perder - o que não acontecia há um ano. Para Gabriel, não só os jogadores, mas também Tiago Nunes tem grande mérito nesse cenário.

"O Tiago estuda bastante o adversário, sabe os pontos fortes para que a gente possa neutralizar. Acredito que eu, junto com o grupo, fiz uma grande partida. Sem a bola, todo mundo se doou, marcou e fez o papel que tinha que fazer. Mas com a bola, também demos opções de linha de passe e tivemos personalidade para sair jogando em lugar apertados. Futebol é assim, a gente tem que se enquadrar dentro da partida", pontuou.

A equipe alvinegra, cabe lembrar, busca o tetracampeonato estadual. Para chegar ao título, no entanto, o Timão precisa passar pelo Mirassol, adversário do próximo domingo, às 16h, na Arena. Cauteloso assim como Ramiro, o camisa 5 evitou falar em favoritismo corinthiano.

"A gente sabe que o favoritismo fica só no papel. No futebol, pode acontecer de tudo. Temos que pensar primeiro no Mirassol e não na decisão. A nossa decisão é domingo, na semifinal, para fazermos nosso melhor e garantir nossa vaga na final", garantiu.

Veja mais em: Gabriel e Campeonato Paulista.

Veja Mais:

  • Gustavo Mosquito deve retornar ao Corinthians nos próximos dias

    Corinthians pede retorno do atacante Gustavo Mosquito ao Paraná

    ver detalhes
  • Mercado da bola ao vivo: Corinthians vai às compras e Tiago Nunes pede devolução de emprestado

    VÍDEO: Mercado da bola ao vivo: Corinthians vai às compras e Tiago Nunes pede devolução de emprestado

    ver detalhes
  • Luan treina normalmente no CT

    Corinthians se reapresenta com Luan e inicia preparação para duelo com Grêmio; veja provável time

    ver detalhes
  • Live do Meu Timão: Augusto Melo, candidato à presidência do Corinthians

    Meu Timão entrevista Augusto Melo: candidato à presidência do Corinthians

    ver detalhes
  • Meia não foi relacionado por Sampaoli nos jogos do Brasileirão

    Corinthians encaminha acerto com Romulo Otero do Atlético Mineiro

    ver detalhes
  • Jô marcou o gol que abriu o placar no Mineirão

    Jô se iguala a Tevez em número de gols pelo Corinthians; atacante é o sexto artilheiro do século

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: