Incerteza causada pela eleição deve manter Dyego Coelho no Corinthians até o fim do ano; entenda

34 mil visualizações 529 comentários

Por Yago Rudá

Dyego Coelho tem respaldo dentro do Corinthians

Dyego Coelho tem respaldo dentro do Corinthians

Rodrigo Coca/ Ag. Corinthians

A busca do Corinthians por um novo treinador pode levar mais tempo do que o esperado. Embora a Fiel tenha preferência pelo espanhol Miguel Ángel Ramírez, conforme apontado em enquete do Meu Timão, a tendência é de que a diretoria dê tempo para o interino Dyego Coelho exercer seu trabalho no CT Joaquim Grava. A explicação está nas eleições presidenciais do clube, agendadas para o dia 28 de novembro.

O atual momento do Corinthians é complicado. A equipe não vive sua melhor fase e está próxima da zona do rebaixamento no Brasileirão. No cenário político, restam apenas dois meses para que o clube conhecerá seu novo presidente. Diante disto, Andrés Sanchez (que hoje também acumula o cargo de diretor de futebol) tenta ter precaução antes de fechar com um treinador e, consequentemente, não interferir na nova gestão.

Caso o Corinthians contrate alguém para substituir Tiago Nunes, o contrato assinado deverá ir, no mínimo, até o fim do Campeonato Brasileiro desta temporada (fevereiro de 2021). Nesse cenário, o clube teria dois problemas a serem resolvidos. O primeiro seria o vínculo com algum treinador sem o aval do novo presidente, enquanto o outro seria a interferência direta no planejamento para 2021.

Diante desse cenário, conforme apuração do Meu Timão, o Corinthians está disposto a dar tempo para Dyego Coelho. Afinal, no ano passado, o interino conseguiu classificar a equipe para a Copa Libertadores e manteve uma relação saudável com jogadores e funcionários. A aposta é dar tempo ao comandante do Sub-20 até que os bastidores do clube esfriem e um novo planejamento comece a ser desenhado. A proposta, claro, depende da manutenção de bons resultados.

O primeiro desafio de Coelho no comando do time principal do Corinthians será domingo, às 16h (horário de Brasília), contra o Fluminense, no Maracanã. Em seu primeiro contato com os jogadores, o interino buscou motivá-los e cobrou vitórias do elenco. O Timão soma apenas nove pontos ganhos em 24 disputados no Campeonato Brasileiro e flerta com a possibilidade de entrar na zona do rebaixamento nas próximas rodadas.

Veja mais em: Eleições no Corinthians, Dyego Coelho e Mercado da bola.

Veja Mais:

  • Corinthians, de João Victor, enfrenta o São Paulo nesta segunda-feira

    Saiba como assistir ao clássico entre Corinthians e São Paulo nesta segunda-feira

    ver detalhes
  • Róger Guedes está relacionado para o Majestoso e deve ser titular

    Corinthians visita o São Paulo para retomar sequência de vitórias no Campeonato Brasileiro

    ver detalhes
  • Corinthians inicia semana com um Majestoso fora de casa pelo Brasileirão

    Majestoso e semana recheada na base: veja os compromissos do Corinthians

    ver detalhes
  • Jô voltou a ser relacionado após ficar fora contra o Fluminense

    Com Jô e João Pedro, Corinthians divulga lista de relacionados para enfrentar o São Paulo

    ver detalhes
  • Róger Guedes, Renato Augusto e Fábio Santos durante o treino do Corinthians deste domingo

    Corinthians encerra a preparação para o Majestoso na tarde deste domingo; veja provável escalação

    ver detalhes
  • Sylvinho falou sobre o aproveitamento do Corinthians em cobranças de escanteio

    Corinthians fez um gol em 135 escanteios no Brasileirão; Sylvinho fala em novas estratégias

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x