Mancini destrincha nova tática e projeta sequência, mas não descarta volta de centroavante ao time

14 mil visualizações 71 comentários

Por Andrew Sousa e Rodrigo Vessoni

Mancini já implementa mudanças táticas no Corinthians

Mancini já implementa mudanças táticas no Corinthians

Rodrigo Coca / Agência Corinthians

Com apenas três jogos de Vagner Mancini, a torcida do Corinthians já consegue ver algumas mudanças significativas na forma de jogar da equipe. Nessa quarta-feira, por exemplo, ele escalou um time sem centroavante para bater o Vasco por 2 a 1, com tento heroico de Everaldo no fim.

Em sua coletiva, o treinador explicou um pouco do que colocou em campo para a partida - ele chegou a ser questionado sobre o esquema 4-1-3-2, que teve enorme sucesso com Jorge Jesus no Flamengo.

"Adotamos mesmo esse sistema, com uma linha de três a frente do Xavier, com dois atacantes por dentro. Ela surtiu efeito. Quando a equipe se encolhia, ela voltava no 4-4-2. Era uma variação para dar liberdade quando chegávamos a frente, mas quando recuava, tinha a necessidade de fazer essas duas linhas de quatro, às vezes no 4-4-2, às vezes no 4-4-1-1. Por que? Porque o Vasco afastava o volante para sair jogando com três e às vezes fazia saída com dois. Quando saiam com dois, o Cazares pegava o volante. Quando fazia de três, o Cazares ficava ao lado do Mantuan para não sofrermos com infiltração dos zagueiros por fora", explicou o treinador.

"O sistema tático, é óbvio que todo técnico tem seus preferidos, mas é importante olhar a característica do seu elenco. Isso acaba te dando respostas dentro de campo. Os atletas às vezes se sentem mais confortáveis jogando de um jeito ou de outro. Resumindo, tivemos variações e gosto que minhas equipes tenham. Saída de três, quatro. São variações que aos poucos vamos introduzindo, para mostrar algum tipo de surpresa sempre", completou.

O tema, cabe destacar, já foi motivo de muito debate entre os torcedores na atual temporada. Nas redes sociais, vários alvinegros criticavam a insistência de Tiago Nunes em um esquema que parecia não encaixar com as características do elenco.

Próximos passos

Com a boa atuação, o treinador admitiu o desejo de dar sequência ao esquema, mesmo sem contar com Gustavo Mantuan, que se junta a Seleção Sub-20 e desfalca o Timão nos próximos dois jogos. Ainda que estude a possibilidade de manter o time sem uma referência, ele não descartou a volta de um camisa 9 - sobretudo Jô, que trata de lesão.

"A ideia é que comece a manter a mesma equipe. Mantuan se apresenta à Seleção, então não o teremos. Mas acho importante. Em alguns momentos fazer as trocas, temos um elenco grande e a equipe está sentindo os estímulos diferentes. Isso acaba mostrando uma certa fragilidade ao longo da partida, porque o atleta cansa com o estímulo diferente. Possivelmente eu tenha a volta do Jô contra o América, então vamos estudar. Sobre a participação dos atacantes, não podemos jogar um peso em Boselli e Jô. Hoje nós tínhamos um meia. O Cazares fez um grande jogo até cansar. Ele tem uma visão grande. A estratégia montada para hoje foi para isso, com a zaga do Vasco. Botar um jogador de velocidade que tivesse infiltrações. Em uma ele fez o gol e em outra acho que foi pênalti. O atleta entendeu a movimentação e a equipe cresceu", disse.

"Acho que temos uma situação que pode acontecer, mais uma alternativa, mas não quer dizer que seja sempre assim, sem centroavante. Sempre que tem dificuldade n montagem do elenco, você recorre ao que tem. O futebol é amplo, te dá possibilidades de mexer, mudar esquema, características... Se esperavam o centroavante, teve surpresa, porque o Mantuan foi falso 9, com jogo técnico. ele e Cazares incomodaram bastante. Pode ser usada essa alternativa. Sobre a cara do time, aos poucos colocamos nosso método de treinamento, que é meio diferente, e talvez por isso a equipe caia no segundo tempo, porque os estímulos são diferentes, conceitos diferentes... faz o jogador precisar de adaptação, e estão todos indo bem rápido atrás disso", finalizou.

E mais: olha o que Mancini aprontou no Corinthians contra o Vasco

Veja mais em: Vagner Mancini.

Veja Mais:

  • Corinthians fez treino diferente nesta quinta-feira

    Corinthians treina em praia de Fortaleza antes de voltar para a capital paulista

    ver detalhes
  • Timãozinho foi superado pelo São Paulo

    Corinthians é superado pelo São Paulo fora de casa e perde liderança do Brasileiro Sub-20

    ver detalhes
  • Thalisson renova vínculo com o Corinthians até 2022

    Corinthians prorroga contrato de atacante do Sub-20 por uma temporada

    ver detalhes
  • Corinthians se classificou para a semifinal da LNF

    Corinthians supera Carlos Barbosa e garante vaga na semifinal da Liga Nacional de Futsal

    ver detalhes
  • Empate com o Fortaleza brecou mais uma chance de vitórias seguidas no Corinthians

    Corinthians não engata série de duas vitórias desde o Campeonato Paulista

    ver detalhes
  • Cássio tira a bola dos pés de adversário na partida contra o Fortaleza

    Fiel elege Cássio e Jô como os melhores do Corinthians contra o Fortaleza; meia é o pior

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: