Cria da base, Carlos Augusto explica saída do clube e agradece: 'Devo tudo ao Corinthians'

15 mil visualizações 66 comentários

Por Meu Timão

Carlos Augusto marcou seu único gol pelo Corinthians contra a Chapecoense, em 2019; jogador foi revelado pelo clube

Carlos Augusto marcou seu único gol pelo Corinthians contra a Chapecoense, em 2019; jogador foi revelado pelo clube

Rodrigo Coca / Agência Corinthians

Negociado com o Monza em setembro desta temporada, o lateral-esquerdo Carlos Augusto, revelado pelas categorias de base do Corinthians, explicou a troca da equipe do Parque São Jorge pelo clube da segunda divisão italiana.

"O sonho de todo jogador brasileiro é jogar na Europa. Houve muita especulação, mas não teve nada concreto. Quando veio a proposta do Monza eu vi que era um projeto muito grande e bom para mim. Foi o momento certo de sair porque estava jogando bem. Precisava começar a me adaptar e a fazer as coisas na Europa. Quero jogar em grandes times, é claro, mas o Monza abriu as portas e é um grande projeto e um grande clube. Quero honrar esse projeto ao máximo", explicou o atleta ao ESPN.com.br.

O jogador relembrou sua passagem pelo Corinthians desde as categorias de base até a chegada a equipe profissional, em 2018. Carlos teve uma sequência maior em campo no início de 2020, com o técnico Tiago Nunes. O lateral se demonstrou grato ao clube pelas conquistas em sua carreira.

"Devo tudo na minha carreira ao Corinthians porque passei praticamente metade da minha vida por lá. A gente sabe o quanto é difícil vestir a camisa, mas quem joga na base vem crescendo com essa pressão que existe. O jogador da base é mais acostumado com isso. Quando subi ao profissional foi muito diferente porque tinha muito o que aprender", afirmou Carlos.

"Só fui ter uma sequência maior de jogos em 2020. Nos primeiros anos tive essa dificuldade por causa de modelo de jogo, velocidade, etc... Todo jogador passa por isso e sempre trabalhei para ser um grande jogador", completou.

Bicampeão Paulista nos anos de 2018 e 2019, Carlos Augusto tem 41 jogos pelo Timão e marcou um gol pela equipe. O jogador mencionou os momentos mais marcantes vividos por ele com a camisa do Corinthians e essas lembranças, é claro, não ficaram de fora.

"Os jogos mais marcantes foram a minha estreia em jogos oficiais contra o Athletico-PR e o gol que marquei na Chapecoense, em 2019. Mas o momento mais especial foi o Paulistão de 2019 que fomos campeões e joguei o primeiro jogo da final. Eu tinha vencido em 2018, mas não tinha jogado. A gente sabe que é muito bom ganhar no Corinthians, mas quando perde tem uma pressão enorme", finalizou Carlos.

Veja mais em: Carlos Augusto, Ex-jogadores do Corinthians e Base do Corinthians.

Veja Mais:

  • Elenco treinou na manhã desta segunda-feira

    Corinthians fez último treino antes de embarcar para Fortaleza; veja provável escalação

    ver detalhes
  • Cássio poderá enfrentar o Fortaleza nesta quarta

    Cássio recebe pena mínima e está liberado para reforçar o Corinthians contra o Fortaleza na quarta

    ver detalhes
  • Timãozinho goleou no encerramento da primeira fase no Paulista Sub-20

    Corinthians encerra primeira fase do Paulista Sub-20 com goleada diante do União Mogi

    ver detalhes
  • Corinthians decide Brasileirão Feminino nesta semana

    Agenda do Corinthians na semana tem duelo fora de casa, final no feminino e mais; veja

    ver detalhes
  • Kalil e Vilson devem deixar o futebol do Corinthians na nova gestão

    Trio deve deixar o comando de futebol do Corinthians na gestão de Duílio Monteiro Alves

    ver detalhes
  • Lucas Sanchez e Andrés Sanchez; filho do presidente corinthiano fez um desabafo nas redes sociais após a vitória de Duílio nas redes sociais

    Filho de Andrés Sanchez faz forte desabafo nas redes sociais após mais um triunfo na eleição

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia: