Superintendente de marketing do Corinthians explica saída temporária de patrocinador da camisa

8.2 mil visualizações 41 comentários

Por Giovana Duarte e Rodrigo Vessoni

Superintendente de marketing do Corinthians explicou situação incômoda com patrocinador

Superintendente de marketing do Corinthians explicou situação incômoda com patrocinador

Rodrigo Coca / Agência Corinthians

Em pouco mais de 20 dias de gestão, o presidente Duilio Monteiro Alves, ao lado de José Colagrossi Neto, trabalharam para trazer novidades ao clube, como a parceria com a Ambev, o patrocínio máster do BMG e um patrocinador exclusivo para o futebol feminino.

Apesar das novidades dos patrocínios, a parceria com a Galera.Bet vinha sendo questionada pela torcida. O motivo é que o site do patrocinador estar fora do ar desde agosto de 2020, trazendo algumas diretrizes de funcionamento e um aviso: "lançamento previsto para setembro" do ano passado.

Em entrevista coletiva nesta terça-feira, o superintendente José Colagrossi Neto, explicou a situação do patrocinador, que passou por uma pesquisa de marcado para alterar o nome. Colagrossi também explicou que, apesar da situação, a empresa não suspendeu os pagamentos ao clube.

"Houve um atraso (no lançamento do site) por uma razão justa. Eles estavam trabalhando numa plataforma mais robusta, então o espaço deles não estava funcionando e isso gerou um estresse. Como todos os outros, engajamos uma conversa para suspender o aparecimento na camisa, mas o pagamento não foi suspenso", explicou.

"Eles saem temporariamente, o espaço será ocupado pelo Serasa até o fim do contrato deles (Serasa). Foi tudo feito em comum acordo. Queremos contratos de parceria a longo prazo, então montamos isso em comum acordo", completou o superintendente.

Dessa forma, a Serasa, que estampava o ombro do uniforme alvinegro, agora ocupado pelo BMG, ficará na manga da camisa até o final de seu contrato - o fim da parceria com a Serasa (abril) irá coincidir com o retorno do site Galera.Bet à manga alvinegra.

Vale lembrar que, em julho de 2019 o Corinthians anunciou o acordo com a empresa de apostas esportivas Galera Group que, então, passou a estampar sua logomarca nas mangas do uniforme. Na época, o clube anunciou um recebimento mínimo de R$ 40 milhões durante os cinco anos da parceria.

Veja mais em: Duílio Monteiro Alves, Diretoria do Corinthians e Ações de marketing.

Veja Mais:

  • Corinthians finaliza preparação para enfrentar o Palmeiras nesta quarta-feira

    Com nove desfalques, Corinthians finaliza preparação para clássico com Palmeiras; veja provável time

    ver detalhes
  • Matheus Donelli briga por uma vaga no gol e pode fazer sua estreia pelo Corinthians

    Corinthians relaciona 23 jogadores e pode ter quatro estreias no profissional; veja lista

    ver detalhes
  • Caíque França passa a ser o substituto imediato de Cássio

    Corinthians inscreve mais dois jogadores na Lista A do Campeonato Paulista; veja nomes

    ver detalhes
  • Fagner e Cássio testaram positivo para a Covid-19 e não enfrentam o Palmeiras

    Corinthians confirma oito jogadores contaminados pela Covid-19 antes de Dérbi; veja lista

    ver detalhes
  • Elenco feminino tenta defender o seu título de campeão continental na Argentina

    Corinthians é impedido de embarcar para a Argentina, local da Libertadores da América Feminina

    ver detalhes
  • CBF sorteou a primeira fase da Copa do Brasil

    Corinthians conhece primeiro adversário da Copa do Brasil de 2021; torneio começa em março

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x