Pressão sobre Sylvinho aumenta no Corinthians; dois fatores jogam a favor do treinador

79 mil visualizações 1.241 comentários

Sylvinho tem 16 jogos no comando do Corinthians, com mais derrotas (seis) do que vitórias (quatro), além de seis empates; saldo de gols também é negativo (12x16) e o aproveitamento é de 37,5%

Sylvinho tem 16 jogos no comando do Corinthians, com mais derrotas (seis) do que vitórias (quatro), além de seis empates; saldo de gols também é negativo (12x16) e o aproveitamento é de 37,5%

Danilo Fernandes/ Meu Timão

A derrota para o Flamengo, com enormes diferenças técnica, tática e física, pressionou Sylvinho no Corinthians. A corneta soou como nunca após a quinta derrota do treinador em oito jogos na Neo Química Arena - pior aproveitamento desde a construção do estádio.

Das mensagens espalhadas por WhatsApp, incluindo grupos de sócios e conselheiros do clube, passando pelas pelas principais redes sociais, a intensidade dos pedidos pela saída de Sylvinho aumentou em relação às últimas semanas.

A reportagem do Meu Timão conversou com pessoas próximas a Duilio Monteiro Alves, que informaram a ciência do presidente em relação ao sentimento de boa parte da torcida. Essas mesmas pessoas, porém, fizeram duas ponderações a favor do treinador:

  • Esperança por reforços - análise interna é de que Giuliano e Renato Augusto eleverão o nível técnico da equipe que, assim, poderá encarar com mais força os principais adversários. Há uma certeza também de que a dupla potencializará os demais, principalmente os mais jovens. Roger Guedes pode ser o terceiro.
  • Tabela do Brasileirão - o Timão ocupa a 11ª colocação, com 17 pontos. Apesar de o aproveitamento não ser alto (40,5%), cinco adversários separam a equipe de Sylvinho da zona de rebaixamento. A situação parece controlada, apesar de ser mais fruto da baixa pontuação dos demais do que mérito corinthiano.

Ao total, Sylvinho tem 16 jogos no comando do Corinthians, com mais derrotas (seis) do que vitórias (quatro), além de seis empates. O saldo de gols também é negativo (12x16). O aproveitamento é de 37,5%, maior apenas do que dois treinadores desde 2008: Oswaldo de Oliveira (37,03%) e Jair Ventura (31,57%).

Veja mais em: Sylvinho, Diretoria do Corinthians, Duílio Monteiro Alves, Alessandro e Roberto de Andrade.

Veja Mais:

  • Corinthians terá quarteto de reforços disponíveis para uma partida pela primeira vez

    Com presença de quarteto, Corinthians divulga lista de relacionados para duelo contra o América-MG

    ver detalhes
  • Marcelo Robalinho, empresário e advogado de Jadson, ao lado do ex-camisa 10 do Corinthians

    Justiça bloqueia valor da dívida do Corinthians com empresário de Jadson; veja os detalhes

    ver detalhes
  • Róger Guedes e Willian em último treino do Corinthians antes de enfrentar o América-MG

    Corinthians encerra preparação para enfrentar o América-MG; veja provável escalação

    ver detalhes
  • Paulinho rescindiu contrato com o clube árabe

    Paulinho rescinde contrato com clube árabe; entenda a situação do jogador

    ver detalhes
  • Última foto de Danilo Avelar divulgada pelo Corinthians, no fim de março; jogador treina todos os dias no CT, como manda a legislação, mas o clube não divulga imagens

    Corinthians tem apenas seis dias para realocar Avelar na Série A; poucos países ainda têm janela

    ver detalhes
  • Jogadoras, comissão e estafe do Corinthians feminino doaram 70 cestas básicas neste sábado

    Jogadoras, comissão e estafe do Corinthians feminino doam cestas básicas para população carente

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

x