Corinthians vence o Foz Cataratas e abre vantagem nas oitavas da Liga Nacional de Futsal

11 mil visualizações 38 comentários

Deives marcou mais um gol pelo Corinthians

Deives marcou mais um gol pelo Corinthians

Yuri Gomes

Corinthians 4 X 2 Foz Cataratas Futsal

Liga Nacional de Futsal 2021
25 de outubro de 2021, 18:00
Corinthians 4 x 2 Foz Cataratas Futsal
Wlamir Marques

Na noite desta segunda-feira, o Corinthians voltou a jogar pela Liga Nacional de Futsal. Em partida disputada no Ginásio Wlamir Marques, o Timão bateu o Foz Cataratas por 4 a 2 e abriu vantagem nas oitavas de final da competição nacional. Os gols corinthianos foram marcados por Léo Costa (contra), Lé, Deives e Jhol, enquanto Léo Costa e Kauê fizeram para os visitantes.

Com a vitória, o time de André Bié agora joga pelo empate na volta, no Paraná. Em caso de derrota, o Timão vai precisar vencer na prorrogação, já que o Foz Cataratas tem a vantagem do placar igual por ter feito uma melhor campanha na fase de grupos. É bom ressaltar que não existe saldo de gols no mata-mata.

O jogo desta segunda-feira marcou o retorno da Fiel ao Parque São Jorge após quase dois anos. Entre os torcedores, estava Vic Albuquerque, destaque do time feminino do Corinthians. Ela falou sobre a partida ao Meu Timão.

Agora é a volta! Na próxima segunda-feira, o Corinthians faz o segundo jogo das oitavas no Paraná. Às 18h, a bola rola no Caldeirão Azul, no Paraná.

Escalação

André Bié não teve João Victor, suspenso, além de Henrique e Jackson, machucados, para o jogo desta segunda-feira. Sendo assim, o Corinthians começou o jogo com a seguinte formação: Jhol, Lé, Leandro Caires, Tatinho e Deives. O treinador ainda contou com Alves, Rafa, Eder Lima, Guilhermão, Neguinho, Marcelo e Fernandinho no banco.

O jogo

Primeiro tempo

Como todo jogo de mata-mata pede, a partida foi muito disputada na primeira etapa, mas quem começou melhor foi o time visitante. Nos minutos iniciais, o time do Paraná pareceu mais ligado e assustou o Corinthians em algumas oportunidades.

Logo no minuto inicial, William cobrou escanteio e a bola bateu na trave após desviar em Tatinho. Pouco tempo depois, Pedro bateu forte e obrigou Jhol a fazer grande defesa. No lance seguinte, o goleiro corinthiano fez mais uma boa defesa.

Apesar da pressão inicial do Foz, o Corinthians foi quem abriu o placar. Após marcação alta de Eder Lima, Léo Costa tentou se livrar da bola e acabou chutando contra a própria meta e fez um gol contra bizarro.

A vantagem durou pouco, porém. Neguinho recuou a bola para Jhol, mas era o segundo toque do arqueiro antes da bola passar o meio de quadra. Sendo assim, a infração foi marcada. Na falta, Léo Costa recebeu, bateu forte e contou com desvio de Deives para empatar o jogo.

Depois do placar ficar igualado, o jogo ficou ainda mais disputado. As duas equipes passaram a jogar de forma ofensiva e com muita pegada. O Corinthians voltou a incomodar depois de receber uma série de escanteios. Neles, Tatinho e Lé chutaram de fora da área, mas não levaram perigo ao goleiro do time adversário.

Como de costume, o Corinthians aproveitou contra-ataques para criar jogadas perigosas. Em uma delas, Deives recebeu bom passe de Tatinho e perdeu chance de desempatar o jogo.

Nos minutos finais, a partida passou a ficar mais travada. As duas equipes cometeram as cinco faltas permitidas e o jogo não saiu do 1 a 1 no primeiro tempo.

Segundo tempo

A segunda etapa começou com o Foz mais ligado no jogo. No primeiro minuto, o time adversário pressionou o Corinthians e até chegou a acertar a trave, mas quem abriu o placar foi o Timão.

Guilhermão recebeu e fez o pivô, Deives fez jogada individual, cortou dois e a bola sobrou para Lé completar para o fundo do gol.

Depois do gol, o Timão seguiu no campo de ataque pressionando e criou boas chances. Duas delas foram com Tatinho. O camisa 2 bateu falta forte na primeira e depois aproveitou uma lacuna no lado direito, mas em ambas oportunidades parou no goleiro Peixe. Logo depois, Deives aproveitou sobra na área, mas o arqueiro fez defesa segura.

Após bom momento do Corinthians, Jhol voltou a fazer grande defesa, mas só. O Foz Cataratas sentiu o gol sofrido e o time de André Bié seguiu criando chances para aumentar o placar.

Com pressão no alto, o Timão não marcou forte e o time adversário não conseguia sair de seu próprio lado de defesa. Sendo assim, o Corinthians criou boas chances. Em uma delas, Eder Lima bateu forte e a bola explodiu no travessão. Logo depois, o camisa 5 rolou e Marcelo finalizou para fora do gol.

Durante todo o segundo tempo, o Corinthians aproveitou o jogo de pivô e usou muito Guilhermão, Deives e Eder Lima. Os defensores do Foz Cataratas apresentaram dificuldades para parar os avançados do Timão.

Após mais uma boa jogada de pivô de Guilhermão, Tatinho teve mais uma chance. O camisa 2 bateu cruzado e obrigou Peixe a fazer boa defesa.

O Foz Cataratas voltou a incomodar só aos 13 minutos, quando um erro de Guilhermão gerou contra-ataque e acabou em finalização de Willian, mas Deives chegou a tempo e desviou a bola para escanteio. Na cobrança, Pedro bateu de forma perigosa.

Logo depois de tomar o susto, o Corinthians marcou o terceiro. Lé fez boa jogada, tocou para Deives e o camisa 10 bateu de primeira, sem chances para Peixão, e aumentou o placar.

Depois de marcar o terceiro, o Corinthians passou a controlar ainda mais o jogo. Com a Fiel presente e cantando alto, o Foz Cataratas pouco criou e passou a usar o goleiro-linha nos minutos finais.

Após um erro do ataque do Foz, o Timão marcou o quarto. Jhol fez a defesa e bateu, de sua própria área, para fazer o quarto gol. No lance seguinte, porém, o time adversário anotou o seu segundo tento, com Kauê.

Após o segundo gol, o Foz Cataratas até tentou pressionar o Corinthians, mas não criou chances para marcar o terceiro. Sendo assim, a partida acabou com vitória corinthiana por 4 a 2. O jogo de volta acontece no Paraná, na próxima segunda-feira.

Veja mais em: Futsal do Corinthians.

Comente a notícia:

x