Venha fazer parte da KTO
x

Corinthians supera Pinheiros em casa e acaba com série de três derrotas seguidas no NBB

450 visualizações 16 comentários Reportar erro

Jogadores do Corinthians reunidos na quadra do Ginásio Wlamir Marques

Jogadores do Corinthians reunidos na quadra do Ginásio Wlamir Marques

Beto Miller / Agência Corinthians

Pinheiros 92 X 94 Corinthians

NBB 2023
30 de novembro de 2023, 20:00
Pinheiros 92 x 94 Corinthians
Wlamir Marques, São Paulo, SP.

O Corinthians recuperou o caminho da vitória no Novo Basquete Brasil. Na noite desta quinta-feira, em uma partida equilibrada no Ginásio Wlamir Marques, a equipe alvinegra superou o Pinheiros por 94 a 92, quebrando uma sequência negativa de derrotas na competição.

Os cestinhas do Corinthians no jogo foram Léo Demétrio, com 21 pontos, 12 rebotes e duas assistências, e Lucas Cauê, que contribuiu com 15 pontos e oito rebotes. No lado adversário, Adyel foi o destaque, registrando 27 pontos, três rebotes e uma assistência.

Com esse resultado, o Corinthians volta a vencer após três derrotas consecutivas. A equipe do Parque São Jorge agora acumula um total de quatro triunfos e cinco reveses no campeonato.

Agenda alvinegra: o próximo desafio da equipe de basquete do Timão está marcado para a terça-feira, dia 5 de dezembro. O confronto será contra o Mogi Basquete, com início às 20h, e mais uma vez será realizado no Ginásio Wlamir Marques.

Escalação

Em busca da vitória, Silvio Santander optou por manter a base de sua escalação, realizando apenas uma alternância ao substituir Clark por Daniel Onwenu. O quinteto inicial foi composto por Daniel Onwenu, Cauê Borges, Lucas Cauê, Elinho e Léo Demétrio.

O jogo

Primeiro tempo

O Corinthians demonstrou sua superioridade durante o primeiro quarto, destacando-se pela eficácia dentro do garrafão e capitalizando as falhas defensivas do adversário. Foram 16 pontos de jogadas internas, além de seis de longa distância e mais quatro em lances livres.

Léo Demétrio brilhou nos primeiros dez minutos, emergindo como o grande destaque da equipe alvinegra ao acumular nove pontos e oferecer uma assistência. O quarto terminou com uma vantagem significativa para o Timão, que fechou o período com um placar de 26 a 21.

O segundo quarto foi marcado pelo equilíbrio, com o placar alternando-se entre as equipes. Inicialmente, o Corinthians, modificado, enfrentou dificuldades em suas tentativas de ataque, permitindo a virada. No entanto, uma reorganização estratégica durante o tempo técnico permitiu que o Timão retomasse a dianteira

Os comandados de Silvio Santander foram ao intervalo com uma vantagem de seis pontos, liderando o placar com uma pontuação de 51 a 45 e encerrando o primeiro tempo de maneira mais assertiva em quadra. Onwenu foi o destaque no segundo quarto, acumulando oito pontos.

Segundo tempo

Ao retornar do intervalo, o Corinthians protagonizou um início marcado por dificuldades e uma postura aparentemente mais "relaxada", o que facilitou a sobressaída do adversário. Foi necessário um tempo técnico para a equipe realinhar sua estratégia, resultando em melhorias nas infiltrações e na presença no garrafão.

Mesmo com o Pinheiros apresentando um desempenho inicial mais sólido no terceiro quarto, chegando a virar o placar em determinado momento, o Corinthians recuperou a vantagem e encerrou o período com uma liderança de 77 a 72.

Léo Demétrio mais uma vez destacou-se como peça fundamental, assumindo o papel de cestinha do Timão no terceiro quarto, ao converter um total de dez pontos.

O último quarto do jogo manteve-se fiel ao padrão anterior, caracterizado por um embate truncado no qual as equipes se alternaram na vantagem do placar. Contudo, o Corinthians perseverou, mantendo sua estratégia de envolver o adversário por meio de uma movimentação de bola consistente.

Dessa forma, a vitória corinthiana foi consolidada com um placar final de 94 a 92, refletindo uma vantagem de dois pontos. Cauê Borges destacou-se como o cestinha do Timão no último quarto, contribuindo com cinco pontos e solidificando a atuação decisiva da equipe para garantir o triunfo no confronto.

Veja mais em: Basquete.

Personagens da partida

Jogadores

  • Elio Corazza Neto

    Elinho

    Pontos: 12
    Rebotes: 4
    Assistências: 13
    Tempo em quadra: 35m08s

  • Cauê Borges dos Santos

    Cauê Borges

    Pontos: 13
    Rebotes: 0
    Assistências: 3
    Tempo em quadra: 33m10s

  • Leonardo Demétrio

    Léo Demétrio

    Pontos: 21
    Rebotes: 12
    Assistências: 2
    Tempo em quadra: 33m09s

  • Daniel Ifedi Ferreira Onwenu

    Daniel Onwenu

    Pontos: 14
    Rebotes: 4
    Assistências: 1
    Tempo em quadra: 25m09s

  • Rafael Hettsheimeir

    Hettsheimeir

    Pontos: 14
    Rebotes: 1
    Assistências: 1
    Tempo em quadra: 20m50s

  • Lucas Cauê de Almeida Pereira

    Lucas Cauê

    Pontos: 15
    Rebotes: 8
    Assistências: 0
    Tempo em quadra: 18m50s

  • Isaac Rafael Gonçalves

    Isaac

    Pontos: 2
    Rebotes: 1
    Assistências: 1
    Tempo em quadra: 14m10s

  • Lázaro Rodrigues Leal Rojas

    Lázaro Rojas

    Pontos: 0
    Rebotes: 0
    Assistências: 0
    Tempo em quadra: 4m50s

  • Gabriel Campos

    Gabi Campos

    Pontos: 1
    Rebotes: 1
    Assistências: 0
    Tempo em quadra: 4m04s

  • Elyjah Clark

    Elyjah Clark

    Pontos: 0
    Rebotes: 1
    Assistências: 0
    Tempo em quadra: 3m10s

  • Gabriel de Andrade Landeira

    Gabriel Landeira

    Pontos: 2
    Rebotes: 0
    Assistências: 0
    Tempo em quadra: 3m09s

  • Kauan Nascimento Raymundo

    Kauan Raymundo

    Pontos: 0
    Rebotes: 2
    Assistências: 0
    Tempo em quadra: 2m50s

Comente a notícia: