Chicão explica abraço em Jorge Henrique: 'Não racharão o time'

774 visualizações 0 comentários

Por Meu Timão

Chicão indo comemorar com Jorge Henrique após marcar o gol

Chicão indo comemorar com Jorge Henrique após marcar o gol

AE

O gol do zagueiro Chicão na vitória por 3 a 2 sobre o Grêmio, nesta quarta-feira, foi dedicado a Jorge Henrique. Depois de cobrar pênalti no fundo do gol de Victor, o jogador, acompanhado do restante do time titular, correu em direção ao atacante para abraçá-lo no banco de reservas.

Até então titular absoluto, Jorge Henrique perdeu a posição para a entrada do meia Edenílson. A explicação dada pelo técnico Tite, na véspera do confronto, é de que a equipe vinha sofrendo muitos gols (foram oito nas últimas quatro rodadas do Campeonato Brasileiro), e ele decidiu realinhar o time com losango no meio-campo para fortalecer a defesa.

No entanto, no início da tarde desta quarta-feira, horas antes da partida no Pacaembu, a diretoria do clube emitiu nota oficial negando denúncia de que Jorge Henrique havia sido sacado, em decisão conjunta entre a comissão técnica e os dirigentes, por excessivas saídas noturnas.

"Fui comemorar o gol com ele porque ficam falando muita bobeira fora de campo, coisas que não têm nada a ver. A gente fica chateado que algumas pessoas queiram rachar nosso grupo, e isso não vai acontecer", explicou o defensor e capitão do Corinthians, também alvo de denúncia de frequentar a noite paulistana - e juntamente com o presidente do clube, Andrés Sanchez.

"Fiquei chateado porque, como capitão, tenho que dar exemplo. Quem disse tem que comprovar, até porque nem telefone do Andrés eu tenho. O contato que eu tenho com ele é no clube. A gente fica chateado, porque ninguém prova nada e falar o que quiser", defendeu-se Chicão.

Fonte: Gazeta Esportiva

Veja Mais:

  • Corinthians fica no empate por 1 a 1 com o Ituano, na Arena, em seu último compromisso antes da paralisação

    Clubes e FPF se reúnem nesta sexta-feira para alinhar retorno do Campeonato Paulista; veja detalhes

    ver detalhes
  • O 1º jogador negro do Corinthians: medo de punição e preconceito pós-escravidão

    VÍDEO: O 1º jogador negro do Corinthians: medo de punição e preconceito pós-escravidão

    ver detalhes
  • Sem espaço no Corinthians, volante Thiaguinho defende o CRB atualmente

    Meu Timão entrevista volante Thiaguinho em live nesta quinta-feira; saiba como assistir

    ver detalhes
  • Corinthians pretende bater o martelo sobre Jô até o final deste mês

    Corinthians e Jô tentam equacionar diferença financeira para acordo; diretoria trabalha com prazo

    ver detalhes
  • Cássio participou de uma entrevista virtual coletiva nesta quinta-feira

    Cássio reforça discurso de maior corte salarial no Corinthians para evitar demissões

    ver detalhes
  • Bruno Méndez (20), Lucas Piton (19) e Carlos Augusto (21) são considerados três dos principais ativos do Corinthians, com boa chance de venda ao exterior

    Novo Pedrinho? Corinthians tem 22 jogadores com idade para despertar interesse de clubes de fora

    ver detalhes

Últimas notícias do Corinthians

Comente a notícia:

Nenhum comentário ainda. Seja o primeiro a comentar!