Airton

Airton Campana

Torcedor do site número: 506.014, cadastrado desde 02/11/2015

Aqui é Corinthians

male

Estatísticas no Meu Timão

Última atividade no site em 15/11/2018 às 18h43

Ranking do Fórum

7.478º lugar

Ver Ranking

Ranking de comentários

Faltam 32 comentários para o Airton entrar no Ranking

Ver Ranking

18 Comentários

100% de aprovação

95 Posts

87% de aprovação

31 Tópicos

11.793 Visualizações

1.474 Views por tópico

Atividades do Airton no Meu Timão

Última interação no site em 15/11/2018 às 18h49

  • Airton

    Airton postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "henrique refugo do fluminense"

    há 2 dias

    Quanto os empresarios e Andrés ganharam para trazer esse refugo do Fluminense?

    Marlon dez x melhor que esse lixo do Henrique, mas a quadrilha não deve ter participação

    detalhes do post
  • Airton

    Airton postou em Notícias, no tópico "Cancer dentro Timão andrez omini oganizada CONSELHO"

    há 4 semanas

    De acordo com testemunhas de dentro do Corinthians, a quadrilha formada foi Andrés, omini é a empresa de lavagem de dinheiro. Torcida organizada comprada, e 15 conselheiros que comandam o cof, teremos um futuro caótico

    detalhes do post
  • Airton

    Airton comentou na notícia: "Corinthians deve trocar Omni pela IBM na gestão do Fiel Torcedor, diz portal"

    há 3 meses

    Luiz alberto ravaglio é sócio do Andrés

    detalhes do comentário
  • Airton

    Airton comentou na notícia: "Corinthians deve trocar Omni pela IBM na gestão do Fiel Torcedor, diz portal"

    há 3 meses

    Porque essa quadrilha formada codificada OMNI cujo o laranja ravaglio do pt não é desmascarada, procuradores, jornalistas se omitem,

    OMNI é esquema que ninguém comenta e os conselheiros do Corinthians se calam

    detalhes do comentário
  • Airton

    Airton postou em Notícias, no tópico "Omni reportagem completa da corrupção"

    há 3 meses

    Luiz alberto ravaglio sócio da OMNI

    N. Filiação 006476760175 pt

    14/05/1981 o sócio da OMNI é fliado ao pt desde 1981, é a quadrilha roubando o Timão

    detalhes do post
  • Airton

    Airton postou em Notícias, no tópico "Omni reportagem completa da corrupção"

    há 3 meses

    Luiz alberto ravaglio

    N. Filiação 006476760175 pt

    14/05/1981 o sócio da OMNI é fliado ao pt desde 1981, é a quadrilha roubando o Timão

    detalhes do post
  • Airton

    Airton postou em Notícias, no tópico "Omni reportagem completa da corrupção"

    há 3 meses

    Uma empresa criada em 2009 com um capital de 50.000,00, fatura milhões com o Corinthians e ainda é credora de 27.000.000,00

    Vejam a reportagem completa

    https://www1.folha.uol.com.br/esporte/2016/04/1764769-de-socios-a-estacionamento-empresa-concentra-propriedades-do-corinthians.shtml De sócios a estacionamento, empresa concentra propriedades do Corinthians - 26/04/2016 - Esporte -... De sócios a estacionamento, empresa concentra propriedades do Corinthians - 26/04/2016 - Esporte -... Criadora do programa de sócio-torcedor do Corinthians, a Omni se transformou em uma das principais parceiras do clube em menos de sete anos e hoje controla... www1.folha.uol.com.brwww1.folha.uol.com.br

    CNPJ
    10.996.690/0001-34
    Nome fantasia
    OMNI Service
    Razão social
    Omnisys Solucoes e Servicos Em Tecnologia Ltda - ME
    Data de abertura
    17/7/2009
    Endereço
    R Brigadeiro Vilela Junior, 114, Terreo Sala 01, Jardim Cachoeira, São Paulo, SP, CEP 02763-000, Brasil

    Telefone
    (11) 5068-3554
    Email
    [email protected]
    Natureza jurídica
    Sociedade Empresária Limitada - Código 2062
    Status da empresa
    Ativa
    Atividade econômica principal
    Tratamento de dados, provedores de serviços de aplicação e serviços de hospedagem na internet - CNAE 6311900
    Capital Social
    R$ 50.000,00 (Cinquenta mil reais)
    Quadro Societário
    Nome: Marta Alves de Souza Cruz
    Qualificação: 49-Sócio-Administrador
    Nome: Luiz Alberto Ravaglio
    Qualificação: 22-Sócio



    AnteriorPróxima
    CAMILA MATTOSO
    DE São Paulo
    26/04/2016 12h00
    Compartilhar143

    Mais opções

    Criadora do programa de sócio-torcedor do Corinthians, a OMNI se transformou em uma das principais parceiras do clube em menos de sete anos e hoje controla vários dos principais ativos do clube.

    São cinco contratos que a empresa tem com a diretoria alvinegra atualmente: ela dá o nome ao teatro da sede social do clube no Parque São Jorge, controla a bilheteria do estádio em Itaquera, gerencia o programa de sócios Fiel Torcedor, toma conta do estacionamento da arena e presta serviço de administração no local.

    De propriedade de um casal, Marta Alves de Souza Cruz e Luiz Alberto Ravaglio, ela consegue arrecadar milhões anualmente com a parceria. Os valores que recebe com os negócios no clube não são divulgados, nem quanto a empresa paga para o Corinthians pelos direitos às propriedades.

    Só com o programa de sócios, que tem cerca de 130 mil fidelizados, a receita da empresa no ano passado chegou em cerca de R$ 9 milhões, exatamente metade do total.

    O contrato em vigor, como mostrou a Folha em outubro do ano passado, prevê que 50% do faturamento no segmento seja repassado para a OMNI.

    Pelo serviço de administração da bilheteria, a arrecadação é de quase R$ 100 mil por jogo, cuidando das catracas e do controle de acesso dos torcedores –função que nada tem a ver com a do programa de sócio, ou seja, poderiam ser feitas por empresas diferentes.

    Considerando 35 partidas que o Corinthians jogo em média em casa no ano, a OMNI pode ganhar R$ 3,5 milhões neste setor.

    Para administrar toda a estrutura montada na parceria com o clube, a empresa tem três firmas abertas, com objetos sociais distintos. Duas delas apresentam, segundo dados da Junta Comercial, apenas R$ 10 mil reais de capital; a outra, R$ 50 mil.

    Uma dessas empresas tem como endereço a Avenida Miguel Ignácio Curi, 111, exatamente o endereço da arena.

    No estacionamento, ela desembolsa cerca de R$ 1 milhão por ano pela concessão, que está sendo pago com investimentos, como cancelas, e fica com a receita nos dias de jogos.

    Na administração da arena, que envolve ainda todo o trabalho de tecnologia, ela recebe uma taxa 20% sobre o valor da folha de pagamento que ela tem. A folha hoje está em cerca de R$ 200 mil mensais. O Corinthians banca o valor e paga cerca de R$ 40 mil à empresa.

    AJUDA PARA SALÁRIOS

    Parceira do clube, a OMNI muitas vezes é quem dá o fluxo financeiro necessário para a arena, liberando dinheiro para pagamentos urgentes, evitando que o Corinthians demore com as burocracias do fundo criado para administrar o estádio, que conta com a Caixa, com o clube e com a Odebrecht.

    A empresa chegou a pagar salário atrasado de funcionário, como reembolsar gastos e arcar com custos de reformas internas da arena –os valores eram descontados do repasse final.

    'Todos os serviços prestados por nós para o Corinthians estão rigorosamente de acordo com os contratos assinados, que estão cobertos por cláusulas de confidencialidade, como é de praxe. Não comentaremos unilateralmente afirmações sem origem e embasamento definidos, nem suposições sobre negociações presentes ou futuras', afirmou Marta Alves de Souza Cruz.

    Procurado pela Folha, o Corinthians disse que não irá se pronunciar.

    NAMING RIGHTS

    A Folha apurou que a parceria entre Corinthians e OMNI está perto de se desfazer.

    Com a efetivação da venda dos direitos de nome, os naming rights, da casa corintiana, a OMNI deverá deixar o controle do Fiel, e também dos demais serviços.

    A empresa que negocia a aquisição dos naming rights da arena quer a saída da OMNI para que tenha acesso amplo e irrestrito ao banco de dados de torcedores, item estratégico para os novos produtos que lançarão.

    O imbróglio neste momento, como mostrou o blog do Perrone, no UOL, é financeiro. A OMNI quer ganhar cerca de três vezes mais do que o grupo ofereceu pagar.

    Segundo apurou a reportagem, é esse o único e último detalhe que atrapalha o anúncio da assinatura dos naming rights.

    O Corinthians espera resolver isso nos próximos dias. Uma auditoria foi contratada para tentar descobrir o valor real que vale a empresa

    detalhes do post
  • Airton

    Airton postou em Notícias, no tópico "andres omini"

    há 4 meses

    Infelizmente na coletiva de hoje, esses jornalistas incapazes ou também corruptos não perguntaram sobre esquema omini, lamentável

    detalhes do post
  • Airton

    Airton postou em Notícias, no tópico "omini quadrilha"

    há 4 meses

    A RESPOSTA DE UM CIDADÃO, ESTAMOS SENDO ROUBADOS

    Não sei se o dado é real, mas foi citado pelo apresentador do Debate Bola da Kiss FM, hoje, 4a feira, 25/07/2018, às 18h30. Sabe quanto a OMNI ganhou do Corinthians em 2017? R$ 27 MILHÕES. Sabe qual a porcentagem que essa empresa obscura tem para GERIR o sócio-torcedor? 50%. Sabe qual a porcentagem de outras agremiações e mundo afora? 6%-7%.

    É caso de polícia. Só o que se tem a dizer.

    A torcida vai ter que tomar medidas mais enérgicas contra essa diretoria. Não sei quanto a vocês, mas eu estou sentindo saudades de Roberto de Andrade. A.Sanchez é o Nicolas Maduro do futebol brasileiro. Pra quem não entendeu a analogia, vejam a atual situação da Venezuela, com 1.000.000 de inflação em 2018.

    detalhes do post
  • Airton

    Airton postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "18 mil ingressos vendidos, culpa de quem?"

    há 4 meses

    Da quadrilha omini

    detalhes do post
`