Eduardo
Eduardo

de Palmas

Eduardo Sanchèsz

Torcedor do site número: 448.089, cadastrado desde 27/05/2014

Aqui é Corinthians

male

Acessos no Meu Timão

Último acesso em 02/06/2020

Atividade no Meu Timão

Ranking do Fórum

10.671º lugar

Ver Ranking

Ranking de comentários

Faltam 38 comentários para o Eduardo entrar no ranking

Ver Ranking

12 Comentários

100% de aprovação

76 Posts

42% de aprovação

25 Tópicos

9.023 Visualizações

4.512 Views por tópico

Última atividade no site em 02/06/2020 às 05h33

Posts e comentários do Eduardo

Última interação no site em 03/01/2019 às 16h50

  • Eduardo

    Eduardo postou em Mercado da bola, no tópico "Love pode ser péssimo para o FUTURO do Corinthians"

    há 1 ano

    Love pode ser péssimo para o FUTURO do Corinthians

    Entendo que a torcida espera gols, tem a imagem de Love no campeonato de 2015, mas ele tem 34 anos, chegaria ganhando um alto salário, com uma pressão para estar sempre em campo, e explico como isso pode ser muito ruim pra o Timão, vejamos:

    . Um jogador como Love, para jogar no ataque, pode ser no 4-4-2 como segundo atacante ou no 4-2-3-1 como referência. No 4-4-2, Love tiraria espaço do último meia, ou ponta de lança, atrás do centroavante - Local onde Pedrinho, de 20 anos, com um potencial enorme, não teria bagagem pra barrar o Love - ficaríamos com uma jóia que está passando da hora de finalizar a transição e se firmar no profissional, mofando no banco, desvalorizando, enquanto Love não será mais vendido para nenhum outro clube, Pedrinho pode se tornar a maior transação do Timão na história, pelo hype que se criou, pela qualidade que tem, pela característica rara, pela pouca idade. Mas ele precisa de rodagem.

    Se vemos Love como referência, temos um problema ainda maior. No Corinthians hoje temos de Centroavante Roger, 33 anos, Jônathas que acaba o empréstimo no meio do ano, confirmando o Boselli, outro de 33 anos que chega para ser titular, e Gustagol, de apenas 24 anos e que fez uma temporada incrível com o Fortaleza, num time em que não tinha um meia como Jadson ou um elenco topo de linha, mas ele arrebentou fez gol até de falta
    Boselli e Love como camisas 9, Gustagol e Roger seriam terceira e quarta opção, estariam no fim da fila, e com certeza serão negociados a preço de banana, principalmente Gustagol, que está em alta no mercado. Mas se ele jogar e for bem no Timão, é infinitamente mais lucrativo de vender no futuro, pode se desenvolver ainda mais nas mãos do Carille, precisa de confiança, aí não dá pra por dois veteranos na posição dele que como ele vai se sentir?

    Então, minha opinião é que Love chegaria para desequilíbrio do elenco, seria um erro de projeto para o futuro, porque Gustavo e Pedrinho precisam ter espaço esse ano, pois é o ano de afirmação de ambos, se ficarem esquecidos agora, podem ser queimados para sempre e desperdiçados. Ou pior, vendidos por preço de banana e lá na frente, encontrarmos histórias de outras vendas por muito mais grana, como foi com William, Malcom, Marquinhos, Everton Ribeiro, e tantos outros.

    Não que eu não goste do Love. Mas chegando Boselli, temos que apostar no Gustagol, não existe razão pra preterir o artilheiro do Brasil no último ano, boa estatura, cabeceador, pra um jogador que sempre se destacou por uma parte física acima da média, velocidade de drible e em direção ao gol, mas que alterna no banco na Turquia, e tem 34-35 anos.

    Essa é só minha opinião, lembrando.

    Vai Corinthians!

    detalhes do post
  • Eduardo

    Eduardo postou em Mercado da bola, no tópico "O Corinthians que eu quero para mim... em 2019"

    há 1 ano

    O Corinthians que eu quero para mim... Em 2019

    Fala, fiel! Estive pensando, caso o Boselli chegue mesmo, as três negociações até agora especuladas com mais força porém não concretizadas, seriam Sornoza, Luan e Uendel.

    Caso cheguem esses nomes, seria incrível como teríamos mais opções para o elenco em 2019. Além do que, contamos com a volta de Carille pra 'recuperar' aqueles que querem ser recuperados, como Jô, Rodriguinho antes dele não era nem metade do que foi com ele, enfim, e ter opções de elenco para variar tacitamente entre os jogos e até mesmo durante o jogo.

    Como diz o título, o Corinthians que eu quero para mim é um time organizado, aguerrido, mas por favor, com mais talento! Tem que fechar com Luan e Sornoza, Uendel pode ajudar na lateral mas outros jogadores poderiam vir, como Dodô que está no Prantos, e precisamos de um zagueiro que esteja pronto, chegue pra botar moral, porque temos três jogadores que podem alcançar um novo patamar com Carille, Que são PH, Léo Santos e Marllon.

    Coloquei uma mesa tática, com uma sugestão de time titular, mas coloquei Renê Júnior no meio porque a posição de 2° volante quando Carille saiu era dele, e ele estará recuperado para 2019. Não gosto da ideia de jogar com dois volantes como Ralf e Richard, porque o time perde demais em saída de bola e o Corinthians é um time reativo, precisa de um bom toque já na primeira bola recuperada.

    Caso Boselli chegue, vem pra vestir a 9, fazer gols. Mas temos um centroavante que é o atual artilheiro do Brasil, Gustavo, e Roger, que pode melhorar num time mais encaixado.

    No Gol, Cássio e Walter não precisamos preocupar.
    Lateral direita é do Fagner, não sabemos como será a reserva com Michel Macedo mas pelo menos não é alguém improvisado lá.

    Zaga temos um zagueiro em ascendência e outro em decadência. Léo Santos ou PH, ambos precisam de um jogador com mais experiência para tarimbar eles e chamar a responsabilidade, dar as broncas, ajudar a se afirmar como zagueiros de alto nível.

    Lateral esquerda nossa, tem que contratar. Talvez Moisés poderia voltar, mas ele parece que não tem a confiança necessária pra entrar em campo por um time tão gigante. Capixaba é uma incógnita. Três bons jogos pelo Grêmio esse ano, e só. Carlos é muito bom. Se não chegar ninguém, torço pra que ele receba a oportunidade de titular e a torcida não queime ele com críticas ao primeiro erro.

    Volantes: estamos bem demais. Ralf, Gabriel, Richard e até Douglas. Só precisa organizar o time pra que voltem a jogar bem. Gabriel pra mim é o melhor deles nesse momento, porque precisamos de um jogador com mais mobilidade que Ralf na minha opinião. Mas Ralf e talvez até Richard possam ser titulares, cada um com sua característica.

    Meia de ligação: O segundo volante. Como faz falta ao esquema do Corinthians. Foi a derrocada de 2013, sem paulinho, e o erro de 2016, que trouxe meias e mais meias mas não trouxe um bom meia de ligação. Coloquei no mapinha Renê Júnior porque ele estava com Carille antes da lesão, mas é a posição mais em aberto no time hoje. Ao mesmo tempo que tem muitos nomes,, parece que nenhum encaixa perfeitamente. Araos chegou com a expectativa de fazer o elo entre o ataque e a defesa, mas não engrenou. A lesão de Renê Júnior foi um baque nesse sentido, já que ele tinha colocado até o Maycon no banco, e com justiça. Podemos nos surpreender com um bom rendimento de Araos, ou mesmo do Thiaguinho, que terminou o ano bem. Pode ser até que Ramiro venha fazer essa função, mas acredito que só se tiver Sornoza e Jadson, e talvez Pedrinho ou Vital em campo também. Se não ele jogaria na meia direita.

    Armadores: espero muito que não esqueçamos dos bons jovens Viral e Pedrinho. Além de termos o maestro Jadson, que foi o melhor do Corinthians no segundo semestre, e o Sornoza que queira Deus será anunciado em breve. É dado como certo mas se tratando de Corinthians, só vale quando estiver dentro do CT e contrato assinado. São ótimas opções.

    Pontas: Ramiro é um baita meia direito. Romero rendeu com Carille, mas pode sair sem renovar. Espero que o Timão dê um jeito de trazer o Luan ou outro ponta de alto nível. Ou podemos ver um Corinthians diferente com menos cara de 4.2.3.1 e podemos ver um 4.2.2.2 ou 4.5.1 talvez. Clayson terá que se redimir. Está muito queimado. Pedrinho acho desperdício deixar ele de ponta, atrás do centroavante, meteria muito mais gols, com menos obrigação defensiva. André Luis chega sem muito alarde, mas tem força física, pode ser que consiga seu espaço e seja importante, mas de uma forma diferente. Temos pontas que finalizam muito pouco e são baixinhos, ele é o oposto disso. Ele faz um gol a cada dois ou três chutes a gol, como dito no footstats.

    Centroavantes: Ah, o 9 no Corinthians. Nem do título de 2015 achei Love um grande centroavante. Depois de Guerrero, só vi Jô com a 9 como centroavante de respeito, como manda o manual do atacante. Mas essa posição é a cereja do bolo. Não faz verão sozinho. Então trazer Boselli, ótimo, mas mesmo Gustavo ou Roger poderiam ser melhores esse ano caso tivessem um time organizado atrás deles munindo o ataque. Torço pra que vingue, e Gustagol possa também ter seu espaço, pois dá pra ver na cara dele que ele é o tipo de jogador que sem confiança, não rende nada. Mas que dá seu máximo por aquilo em que acredita.

    Torço pra um ano com um Zagueiro, Lateral Esquerdo, e Sornoza e dois pontas como Luan e outro para o lugar de Romero. Temos nomes para todas as posições. Mas precisamos de um jogador com poder de resolver jogos, levar jogadores para o estádio, chamar a torcida na adversidade. Um líder pra zaga, como foi Gil e Castan.

    Tomara que seja um ano melhor que 2019. Que venham bons nomes. Que saiam aqueles que não agregam ao time e ao elenco. Caso vocês discordem, fórum foi feito pra isso. Vai Corinthians!

    detalhes do post
  • Eduardo

    Eduardo comentou no post: "'Corinthians tem vantagem na primeira fase do Paulista' WhatsAppTelegramFacebookTwitterEmail"

    há 2 anos

    Ia dar um soquinho para curtir seu comentário mas estava com 51 up então eu pensei... Esse número me lembra alguma coisa... Ah! Uma marca de pinga!

    detalhes do comentário
  • Eduardo

    Eduardo postou em Mercado da bola, no tópico "Corinthians: O melhor médico do país! O mais ocupado!"

    há 2 anos

    Corinthians: O melhor médico do país! O mais ocupado!

    Nunca vi fazer tanta CONSULTA! São tantos nomes ventilados, sondados, consultados, monitorados, Analisados, Apalavrados, etc etc e nada de contratar um centroavante de respeito! Absurdo vender o Jô, se já tinha vendido Arana e liberado Pablo. Como você vende seu craque sem ANTES comprar um substituto?

    Outra coisa: pra quê trazer Renê Júnior quando tem o maior ladrão de bola do BR e Paulo Roberto pra primeiro volante, tem Maycon e Camacho pra 2° volante, tem a garotada da base?

    Pra que Trazer Júnior Dutra sem dar espaço para Pedrinho e fim no Lucca e Giovanni Angústia que estão na mesma posição. Por que diabos Fellipe Bastos e Kazim vestem esse manto sagrado?

    É o que falar de dispensar um zagueiro promissor como Antônio Carlos, hoje titular no Guarani da capital, e bancar André Vinícius filho do André Negão na sua LandRover sem nunca ter jogado?

    Vamos ver Carille o que faz com esse bagaço de elenco inchado e desequilibrado! A sorte do Timão é o departamento. De futebol de outro mundo que temos.

    detalhes do post
  • Eduardo

    Eduardo postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Elenco 2018: O "Corinthians da Galera" Titulares e reservas/opções"

    há 2 anos

    Elenco 2018: O "Corinthians da Galera" Titulares e reservas/opções

    Pessoal, eu como corintiano fanático e à toa devido às férias kkkk sempre leio muitos tópicos no fórum, apesar de interagir muito pouco. Baseado nas minhas opiniões como torcedor e em tudo o que leio, vejo que o time que a maioria escalaria, à exceção de Romero na reserva de Mateus Vital, que ainda nem estreou, essa é só uma esperança minha - como já expliquei em outro tópico - de ter um jogador no setor de Romero com a disposição de um Jorge Henrique e a técnica de um Meia como Jadson - e vejo isso no Vital quando jogou pelo Vascaindo.

    Eu sei que cada torcedor tem uma opinião sobre time, jogadores que tem mais e menos apreço, então só peço àqueles que discordem, não sejam irracionais pois esse POST não fará a menor diferença na sua vida acaso não te agrade kkk Sempre é bom confrontar com opiniões mesmo que contrárias postas de forma inteligente.

    Vamos aos nomes!

    detalhes do post
  • Eduardo

    Eduardo postou em Mercado da bola, no tópico "Mateus Vital: Pode ter importância colossal para as características do Timão em 2018 e além"

    há 2 anos

    Contratualmente falta ser inscrito, mas a rescisão com o Vasco já foi publicada no BID. Fisicamente não deve demorar pois estava treinando normalmente no Vasco

    detalhes do post
  • Eduardo

    Eduardo postou em Mercado da bola, no tópico "Mateus Vital: Pode ter importância colossal para as características do Timão em 2018 e além"

    há 2 anos

    Mateus Vital: Pode ter importância colossal para as características do Timão em 2018 e além


    Fala Fiel, estive pensando, Mateus Vital foi uma contratação cirúrgica se conseguir produzir aquilo que se espera dele, mesmo hoje, não contando só com o potencial.
    Antes de concluir, já adianto: Não sou crítico do Romero - já vi o zagueiro Felipe ser prejudicial ao time e depois crescer bastante de produção com o trabalho da comissão técnica - e assim vejo Romero hoje.

    Dentro da proposta de jogo do time do Carille, ele cumpre o que se espera dele - Empenho defensivo exemplar dando equilíbrio ao sistema, desafogar o outro lado para subir ao ataque, oferecer alternativa de rápida saída de bola pela ponta em jogo com o meia esquerdo e o lateral.

    Mas, o Corinthians sofre de um mal crônico que não começou com o Romero nem terminará com ele - O jogador esforçado, porém sem características técnicas. Pois bem, é aí que Mateus Vital entra: Muitas vezes no Vasco, ele atuou recuado, voltando até linha de fundo, fechando passe pelo meio, correndo por ele e pelo Nenê e Luís Fabiano, e também sendo opção de saída é distribuição de jogo no contragolpe.

    A questão é: defensivamente, os outros jogadores que disputam posição com Romero perdem feio, por isso ficam no banco. Mas Vital, por sua característica, pode ser que consiga fazer esse papel, mas com um diferencial: 'Refino' técnico na parte ofensiva. E aí entra a analogia com Hulk na seleção de Felipão: Com William no banco Hulk era titular para cobertura de Dani Alves e as vezes Marcelo. O que era uma solução virou um problema, quando o time não era atacado com intensidade, mas tinha a bola para propor o jogo. Hoje Tite não precisa de um jogador sacrificado, por tem equilíbrio baseado no domínio e marcação do espaço, não do corpo a corpo.

    Vital, Rodriguinho e Jadson tem grandes chances de se entender muito bem, pois tem cabeça de armador, o que não é o caso dos nossos extremos hoje, Clayson, Lucca, Romero, Júnior Dutra, Pedrinho, etc.

    Em suma, achei uma contratação muito boa pelas possibilidades, espero muito que vingue e que principalmente não abandone o Corinthians cedo, mas faça uma bela história aqui.

    VAI CORINTHIANS!

    detalhes do post
  • Eduardo

    Eduardo comentou no jogo: "Jogo do Corinthians ao vivo"

    há 4 anos

    O que aconteceu com Giovanni Augusto, alguém sabe dizer?

    detalhes do comentário
  • Eduardo

    Eduardo postou em Bate-Papo da Torcida, no tópico "Sobre o Guilherme e sua Evolução"

    há 4 anos

    Infelizmente o time de fato está em construção, assim como o André. Mas Marlone tem feito falta, talvez pudesse ter ganho esse espaço, ou pela ponta deslocar Giovanni Augusto para o meio, e com Elias, formar o centro. A verdade é que o time tem algumas opções, mas a saída principalmente de Renato Augusto, a meu ver, dificultam a transição e o volume de jogo, o que prejudica toda a qualidade do futebol que o time apresenta.

    detalhes do post
  • Eduardo

    Eduardo postou em Off topic, no tópico "Alguém aqui faz curso em faculdade?"

    há 4 anos

    As únicas pessoas que vejo trabalhar são policiais, que fazem plantões noturnos nas ruas ruas, e quem já tem curso técnico ou é formado em enfermagem, que faz plantão noturno também no hospital. Eu não tenho nenhum horário livre nem de manhã nem a tarde.

    detalhes do post
`