O Corinthians que eles querem

Danilo Augusto

Corinthiano e programador dedicado que tem um orgulho imenso de ter criado essa comunidade chamada Meu Timão.

ver detalhes

O Corinthians que eles querem

O Corinthians que eles querem

Parque São Jorgem se mantém com os ganhos do futebol

Foto: Divulgação

7.7 mil visualizações 139 comentários Comunicar erro

Por que Fiel Torcedor não tem direito a voto?

Porque eles perdem o controle e, consequentemente, o poder. Nosso penúltimo presidente disse que seria um absurdo alguém que nunca viu a piscina do clube votar nas eleições. Ele esqueceu que somos 33 milhões, e não 3 mil. É tão ridículo o argumento como seria se apenas moradores de Brasília votassem para a presidência do Brasil.

Por que o clube social dá R$ 30 milhões de prejuízo num ano e não há nenhum alarde sobre isso?

Por que boa parte dos quem frequentam o clube e escolhem o presidente estão pouco preocupados com o prejuízo. Muitos nem corinthianos são, apenas moram próximo ao Parque São Jorge.

Por que existe dois tipos de programas de sócios no clube totalmente distintos?

Porque durante os últimos dez anos, ninguém que esteve no comando do Corinthians teve real interesse em unificar os sistemas.

Vamos aos fatos.

Outrora já tivemos um clube social grande, com 30 mil sócios, que bancavam o futebol. Décadas se passaram. Os tempos mudaram, e ficamos para trás. Condomínios com lazer e piscina; trânsito absurdo para atravessar a cidade; opções de lazer dentro de casa... tudo conspira contra um clube na cidade de São Paulo ser auto-sustentável.

No Parque São Jorge, há muitos que pagam mensalidade só pelo corinthianismo, que não frequentam o local, nunca entraram na piscina, não praticam nenhum esporte. Este é o meu caso, e provavelmente de uns 70% dos poucos sócios que o clube ainda tem.

Quem sustenta a sede social do Corinthians é o torcedor corinthiano que compra a camisa, paga ingresso, assina o Premiere, tem chaveiro do Corinthians, toalha do Corinthians, etc. É ele que mantém a mensalidade baixa do Parque São Jorge, para que os sócios do clube definam o presidente do Corinthians.

Desnecessário tudo isso.

Fiel Torcedor deveria ter direito a voto.

Sócios do clube social deveriam poder comprar ingressos no Fiel Torcedor.

Poderia haver alguma espécie de plano, integrando sistemas do clube e OMNI. É realmente necessário o torcedor pagar duas mensalidades? Não é!

O Corinthians que eu quero, eu disse aqui: transparente, competitivo e responsável.

O que eles querem, por outro lado, é a manutenção das coisas como estão. Poucos sócios e o poder na mão do mesmo grupo de pessoas que, sendo oposição ou situação, tem pensamentos similares.

Veja mais em: Parque São Jorge.

Coluna do Danilo Augusto

Por Danilo Augusto

Corinthiano e programador dedicado que tem um orgulho imenso de ter criado essa comunidade chamada Meu Timão.

O que você achou do post do Danilo Augusto?

  • 1000 caracteres restantes