É a hora do Corinthians trazer Arana de volta definitivamente

Jorge Freitas

Colunista esportivo do portal 'No Ângulo', este internacionalista é mais um louco do bando e busca analisar o Timão com comprometimento com a realidade e as necessidades do maior clube do planeta.

ver detalhes

É a hora do Corinthians trazer Arana de volta definitivamente

Coluna do Jorge Freitas

Opinião de Jorge Freitas

9.3 mil visualizações 91 comentários Comunicar erro

É a hora do Corinthians trazer Arana de volta definitivamente

Guilherme Arana pode voltar ao Corinthians em 2019

Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

O Meu Timão noticiou no começo desta tarde que o Corinthians trabalha com a ideia de trazer Guilherme Arana de volta em definitivo. A primeira proposta de compra, inclusive, já foi enviada ao Sevilla.

Embora nossos cartolas indiquem abertamente que o clube não está disposto a fazer investimentos vultosos, ter de volta o melhor lateral-esquerdo do Brasileirão 2017 é uma oportunidade excelente.

Isso por vários motivos. Primeiramente, porque não há lateral de qualidade acessível no mercado, muito menos um que seja tão identificado com o Timão, que dê o sangue pela nossa camisa e que mande até um abraço pra torcida rival quando resolve mitar dentro do estádio adversário.

Mas identificações à parte, Guilherme Arana é um negócio espetacular porque é jovem (21 anos) e seu potencial de retorno financeiro é enorme. Se o Corinthians vendeu sua parte por R$ 20 milhões há um ano, a chance de ter de volta a sua porcentagem de direitos econômicos (ou mais), além dos 100% dos direitos federativos por quantia quase que aproximada é uma oportunidade de upgrade nas contas alvinegras.

Além disso, Arana é um lateral excelente, do tipo que está escasso no mercado. Chegaria para ser dono da posição com um treinador que sabe o seu estilo de jogo e já o fez melhor do país num passado nada distante.

Pensemos: a oportunidade de compra de um jogador jovem, desvalorizado na Europa, por um preço viável e para uma posição deficiente do clube, que tende a atingir novamente o seu alto nível com o treinador que lhe deu sucesso para, posteriormente, ser vendido por, quem sabe, o dobro de seu preço atual.

Soma-se a isso o fato de que o Corinthians previu R$ 42,2 milhões em contratação no início deste ano, mas só gastou R$ 22 mi. Sobram R$ 20,2 mi, algo próximo do que o clube espanhol pede inicialmente para liberar em definitivo o jogador.

O Flamengo também se interessou, mas Arana dá prioridade ao Timão.

Moral da história toda: é hora de trazê-lo de volta definitivamente!

Veja mais em: Guilherme Arana.

Coluna do Jorge Freitas

Por Jorge Freitas

Colunista esportivo do portal 'No Ângulo', este internacionalista é mais um louco do bando e busca analisar o Timão com comprometimento com a realidade e as necessidades do maior clube do planeta.

O que você achou do post do Jorge Freitas?