Saudade de 2007. Não do time, mas da torcida

Lucas Faraldo

Escrevendo sobre o Corinthians desde 2014

ver detalhes

Saudade de 2007. Não do time, mas da torcida

Coluna do Lucas Faraldo Knopf

Opinião de Lucas Faraldo

126 mil visualizações 383 comentários Comunicar erro

Saudade de 2007. Não do time, mas da torcida

Torcida do Corinthians ganhou alcunha de Fiel por sempre apoiar a equipe

Foto: Daniel Augusto Jr/Agência Corinthians

Há pouco mais de nove anos, no dia 28 de novembro de 2007, mais de 34 mil torcedores encheram o Pacaembu para apoiar um dos piores times que já entraram em campo pelo Corinthians. Naquele jogo, o último como mandante do Brasileirão de 2007, o time perdeu por 1 a 0 para o Vasco.

Sabe o que mais chamou atenção naquela fatídica derrota que antecedeu o empate de 1 a 1 contra o Grêmio e a confirmação da queda à Série B? A torcida.

Talvez mais do que nunca, a torcida alvinegra provou o porquê de ser apelidada de Fiel. Cleber Machado deixou de lado a transmissão da partida para, em determinado momento, dedicar os microfones apenas ao "aqui tem um bando de loucos".

Do início ao fim da partida, os torcedores cantaram, aplaudiram e deram força a nomes como: Fábio Ferreira, Fábio Braz, Amaral, Bruno Octávio, Lulinha e Arce. Quando o técnico Nelsinho Baptista tirou do banco de reservas Héverton, Vampeta (a versão fim de carreira) e Wilson, a torcida empurrou. Foi fiel ao Corinthians, acima de tudo.

Passados nove anos – e nove títulos –, muitas coisas mudaram. A torcida foi uma delas.

Em meio à contratação de um dos maiores jogadores da história do futebol mundial e da construção de um bilionário estádio, surgiu um novo tipo de corinthiano. Na noite dessa quarta-feira, contra o Santa Cruz, esse torcedores voltaram a dar as caras.

Em Cuiabá – provando não se tratar apenas de uma exceção da elite que visita Itaquera em dias de jogos –, o técnico Fábio Carille e o volante Willians foram vaiados. Mês passado, contra o Cruzeiro, na Arena, o mesmo fenômeno havia acontecido.

Há quem defenda a atitude alegando que as vaias eram contra a substituição, que recuaria o time. Há quem diga que eram contra o volante, que ainda não teria mostrado a que veio ao Corinthians.

Na minha opinião, tais vaias são injustificáveis e só significam uma coisa: a torcida do Corinthians vem perdendo sua identidade.

Fico me perguntando o que fariam esses mesmos torcedores que vaiam Willians e Carille se tivessem vendo Nelsinho Baptista preparar Zelão, Iran ou Marcos Tamandaré para entrar em campo. Arremessariam bombas em direção à área técnica?

Talvez mimados com os feitos conquistados pelo clube na última década, os torcedores que outrora eram fiéis e jogavam junto com time principalmente nos momentos de dificuldade agora parecem estar preocupados apenas com o espetáculo pelo qual estão pagando.

Isso não ajuda o Corinthians. Isso não condiz com a história do Corinthians. Isso não é Corinthians.

Pior do que lamentar para seus filhos ou netos no futuro que um dia o Corinthians sofreu em campo com atleta x ou y será admitir que você foi um dos que, ao invés de ser o 12º corinthiano, se acomodou vaiando x, y e, consequentemente, o próprio Corinthians.

Coluna do Lucas Faraldo Knopf

Por Lucas Faraldo Knopf

Jornalista pela ECA-USP e ex-Esporte Interativo, Jovem Pan e Lance!. Hoje trabalha no Meu Timão. Autor do livro 'Impedimento - Machismo, racismo, homofobia e elitização como opressões no futebol'.

O que você achou do post do Lucas Faraldo?

  • Comentários mais curtidos

    Foto do perfil de Vini

    Ranking: 3520º

    Vini 336 comentários

    por @coringada

    Acostumou tanto a ver o time sendo campeão de 2009 em diante, que muitos torcedores passaram a viver de títulos, não pelo amor ao clube. Me negativa se quiser. Mas a torcida do Corinthians nesses tempos tá igual a torcida do São Paulo no quesito ''modismo''

  • Foto do perfil de Herbert

    Ranking: 2554º

    Herbert 481 comentários

    por @herbertsnp

    Primeiramente, sou totalmente contra as vaias. Jamais iria ao estádio para vaiar (só fui uma vez até hoje). Porém, não acho que a torcida esteja mudando. Já vimos coisas piores, como no caso do Tevez. É como diz o Rapin Hood: "a torcida do Corinthians ama, mas também odeia".

    Vejo muitos usando 2007 como parâmetro. Não acho válido. Penso que a torcida hoje está inconformada porque quer o time brigando no topo. Sabe do potencial do clube. Conquistamos o mundo, Libertadores, paulista, brasileiros. Temos CT, um dos mais (talvez o mais) modernos estádios da América do Sul. O que queremos? Disputar a Série B novamente? Eu não quero isso e não me acho menos torcedor.

    O tempo do amadorismo já passou. Eu não vou deixar nunca de apoiar o Corinthians. Mas a cobrança é maior hoje do que em 2007, não só pelos títulos conquistados, mais porque temos uma das maiores receitas do Brasi e uma torcida que comparece (17 mil em fase ruim, qual time tem? ). É de direito a cobrança.

  • Últimos comentários

    Foto do perfil de Reginaldo

    Ranking: 8367º

    Reginaldo 105 comentários

    378º. por @naldohexa

    Eu nunca vou ti abandonar porque ti amo..eu sou Corinthians

  • Foto do perfil de Celso

    Celso 2 comentários

    377º. por @celso.zambotti

    Concordo com você, nasci Corinthians, com catorze anos, quando o nosso time estava em uma fila de mais de 20 anos sem ganhar títulos e, nunca deixamos de apoiar o time ou vaiar os nossos jogadores.

  • Foto do perfil de Leandro

    Ranking: 6585º

    Leandro 150 comentários

    376º. por @leandro.oliveira42

    Exatamente. Quem "fez" o time é ignorado.

    Foto do perfil de Moisés

    Moisés 162 comentários

    20/10/2016 às 11h54 por @mreis

    Pior que é, Leandro... Eu concordo com o texto, porém o torcedor que ia nessa época hoje não consegue ir para a arena... Só compra norte quem é TO, só compra Sul e Leste Inferior quem é FT, e para o povão sobra Leste e Oeste superior a 80,100,120 reais. O corinthiano que paga 120 no ingresso é simplesmente um cliente comprando um produto, esse quer assistir sentado, não quer pegar fila, e muito menos ficar rouco no fim da partida.

    A culpa disso, na minha opinião, foi da gestão do clube que se projetou para esse tipo de torcedor, e não para o povo, que foi quem fez o time.

  • Foto do perfil de Moisés

    Ranking: 6277º

    Moisés 162 comentários

    375º. por @mreis

    Pior que é, Leandro... Eu concordo com o texto, porém o torcedor que ia nessa época hoje não consegue ir para a arena... Só compra norte quem é TO, só compra Sul e Leste Inferior quem é FT, e para o povão sobra Leste e Oeste superior a 80,100,120 reais. O corinthiano que paga 120 no ingresso é simplesmente um cliente comprando um produto, esse quer assistir sentado, não quer pegar fila, e muito menos ficar rouco no fim da partida.

    A culpa disso, na minha opinião, foi da gestão do clube que se projetou para esse tipo de torcedor, e não para o povo, que foi quem fez o time.

    Foto do perfil de Leandro

    Leandro 150 comentários

    19/10/2016 às 16h35 por @leandro.oliveira42

    Quanto custava o ingresso? !
    Eu lembro muito bem que nesse dia tive que ir para o morro atrás da numerada pra tentar assistir. Estádio lotado.
    Temos o problema também do custo que temos hoje pra ir nos estádios. Um absurdo!

  • Foto do perfil de Leandro

    Ranking: 6585º

    Leandro 150 comentários

    374º. por @leandro.oliveira42

    Quanto custava o ingresso? !
    Eu lembro muito bem que nesse dia tive que ir para o morro atrás da numerada pra tentar assistir. Estádio lotado.
    Temos o problema também do custo que temos hoje pra ir nos estádios. Um absurdo!

  • Foto do perfil de Paulo

    Ranking: 1309º

    Paulo 882 comentários

    373º. por @paulo.henrique.oliv3

    Não consigo mais ver jogo na leste inferior, da raiva dos modinhas, de verdade, me apaixonei pelo Corinthians e virei corintiano por amar essa torcida, incrível como isso tá mudado depois da Arena

  • Foto do perfil de Ramon

    Ranking: 17º

    Ramon 22592 comentários

    372º. por @ramon.felipe1

    Certinho, direto na ferida.

  • Foto do perfil de Thomaz

    Ranking: 231º

    Thomaz 3213 comentários

    371º. por @thomdobando

    Ontem passei raiva na Leste, brother.

    Nunca mais esqueço de pagar meu boleto, pra não ter que ir lá outra vez.

  • Foto do perfil de Son

    Ranking: 11211º

    Son 67 comentários

    370º. por @son.sccp

    Xingar vaiar é do jogo... A verdade é que nesse ano não tem como aplaudir esse time que além de limitado tecnicamente não há raça na maioria dos jogadores o time de 2007 era horroroso mais corriam lutavam e é isso que o corinthiano preza a luta à disposição a entrega a vontade de vencer... E isso esse time não tem não vejo isso infelizmente... Por outro lado também acho que muita coisa mudou de 07 pra cá e que a torcida se acostumou a ver times vencedores em campo... Mais não tem como aplaudi o que esses caras fazem em campo e a administração do sr Roberto de Andrade que é o maior culpado de td isso não virei modinha mais estou cansado de ver esse cidadão tratando o Corinthians que sempre foi do povo como se fosse dele... é isso o que mais mi revolta time sem comando diretoria omissa

  • Foto do perfil de Nick

    Ranking: 4529º

    Nick 248 comentários

    369º. por @jhofp

    O pessoal só quer saber de críticar, Não sabe ou não quer mais Abraçar o Time, Só quero até ond isso vai.