Muita calma com os números do acordo entre Corinthians e Odebrecht

Marco Bello

Setorista do Corinthians desde 2009 pela Rádio Transamérica, Marco Bello acompanha o dia a dia do clube

ver detalhes

Muita calma com os números do acordo entre Corinthians e Odebrecht

Coluna do Marco Bello

Opinião de Marco Bello

22 mil visualizações 93 comentários Comunicar erro

Muita calma com os números do acordo entre Corinthians e Odebrecht

Andrés Sanchez prometeu acordo com a construtora responsável pela Arena

Foto: Rodrigo Gazzanel - Agência Corinthians

A notícia de um acerto entre Corinthians e construtora Odebrecht pegou muita gente de surpresa e animou os torcedores do Corinthians. Porém, é preciso cautela para analisar os números que foram apontados pelo presidente Andrés Sanches na reunião do conselho.

Primeiro, o acordo anunciado pelo presidente ainda não foi assinado. A própria construtora, em nota oficial, desmentiu que estivesse tudo acertado, mas sim que há “conversas construtivas” .

É importante deixar claro também, em um período de muita desinformação, que o Corinthians não conseguiu um DESCONTO de 85% no valor. O que houve foi uma negociação de valores, com ABATIMENTO do montante por meio de CIDs, obras inacabadas, etc.

Os CIDs, em explicação bem resumida, são papéis cedidos pela prefeitura que, comprados pelas empresas, podem ser abatidos do imposto de renda.

A Construtora Norberto Odebrecht comprou 4076 destes papéis, cada um no valor médio de R$ 70 mil. Mas o Corinthians só se beneficiará desde valor quando a empresa de fato utiliza-los para abater do imposto. Até lá, são apenas papéis.

Assim que a construtora utilizar os CIDs, e isso pode demorar anos, por uma cláusula restritiva da prefeitura, o valor chegará a cerca de R$ 280 milhões que serão abatidos da dívida corinthiana.

Além disso, o Corinthians alega que a Odebrecht deixou algumas obras inacabadas e pediu um abatimento de cerca de R$ 150 milhões.

Segundo Andrés, além destes dois abatimentos, ainda restam R$ 130 milhões de reais a serem pagos.

Somando tudo, o Corinthians estaria pagando ao todo R$ 560 milhões à construtora.

E esta é apenas uma parte da dívida. A outra, com a Caixa Econômica, segundo o próprio presidente do Corinthians, está em R$ 470 milhões.

Este valor já está calculado com o que o Corinthians já pagou nestes 5 anos de Arena, cerca de R$ 150 milhões. Ou seja, ao todo, somando os juros que estão calculados para 12 anos, o Corinthians pagará à Caixa um total de R$ 620 milhões, de uma dívida que era inicialmente de R$ 400 milhões.

Bem, ainda na matemática, somando as duas dívidas, o estádio custará ao cofre do clube, tudo segundo palavras do presidente na reunião do conselho, um total de R$ 1,180 bilhão.

Isto quando o acordo estiver assinado, o que ainda não aconteceu.

O acordo é sempre bom, e quando acontecer deverá realmente ser festejado. O pagamento para a Caixa está sendo realizado e o estádio é viável financeiramente, provam os números.

Mas é preciso ter calma ao achar que foi barato, ou que há alguma pechincha, que a construtora estaria recebendo bem menos do que pediu ou que há alguma fórmula mágica para o Corinthians quitar o pagamento da Arena.

Veja mais em: Arena Corinthians e Diretoria do Corinthians.

Coluna do Marco Bello

Por Marco Bello

Marco Bello é jornalista, apresentador e repórter da Rede Transamérica de Rádio, setorista do Corinthians desde 2009

O que você achou do post do Marco Bello?

  • Comentários mais curtidos

    Foto do perfil de rafael

    Ranking: 1381º

    Rafael 842 comentários

    por @rpereira

    'A Construtora Norberto Odebrecht comprou 4076 destes papéis, cada um no valor médio de R$ 70 mil. Mas o Corinthians só se beneficiará desde valor quando a empresa de fato utiliza-los para abater do imposto. Até lá, são apenas papéis.'

    Não são apenas papéis... São títulos de crédito, que serão usados no abatimento de dívidas. Se a Odebrecht se comprometer a adquirir todos os CIDs, isso poderá ser contabilizado como baixa na dívida, e enquanto isso não acontece, o valor deles entra na contabilidade da arena como um ativo.

  • Foto do perfil de Rafael

    Ranking: 753º

    Rafael 1376 comentários

    por @rafa.235

    Começou com pinta de quem sabia alguma coisa que ninguém mais soubesse, deu voltas, e no fim falou a mesma coisa que já foi noticiada pelo site após a reunião do conselho...

    Isso fora que tá querendo arranjar motivo para criticar, ''no total o clube tirará dos seus cofres 1,180 bilhão'', como que o estádio vai custar isso ao clube sendo que os CID'S, que representam quase metade do montante, sempre foram para essa finalidade, nunca foram receitas que entraram?

    Andrés sempre falou que o clube ia pagar esse valor de 700-800 milhões, justamente descontado dos CID´s..

    Se vocês ''precisam'' criticar o clube, ou o Andrés, arranjem motivos válidos (que existem), não inventem essas conjecturas que ofendem a inteligência dos leitores.

  • Últimos comentários

    Foto do perfil de Rafael

    Ranking: 6546º

    Rafael 151 comentários

    93º. por @rafael.lopes41

    Marco anti Bello, vai se #[email protected]%, torce para dar errado, repórter fraco, só trás notícias negativas

  • Foto do perfil de Paulo

    Ranking: 118º

    Paulo 5037 comentários

    92º. por @pc.olimpia

    Tá na cara que não era tudo aquilo que nossa Diretoria propalou, ainda bem que termos jornalistas imparciais tipo Marco Bello, que apesar de ser Corinthiano roxo, prima pelo jornalismo sério e responsável.

  • Foto do perfil de Fabricio

    Ranking: 15º

    Fabricio 23345 comentários

    91º. por @alemaoocz

    Bem isso.

    Foto do perfil de Rafael

    Rafael 1376 comentários

    14/08/2019 às 13h28 por @rafa.235

    Começou com pinta de quem sabia alguma coisa que ninguém mais soubesse, deu voltas, e no fim falou a mesma coisa que já foi noticiada pelo site após a reunião do conselho...

    Isso fora que tá querendo arranjar motivo para criticar, ''no total o clube tirará dos seus cofres 1,180 bilhão'', como que o estádio vai custar isso ao clube sendo que os CID'S, que representam quase metade do montante, sempre foram para essa finalidade, nunca foram receitas que entraram?

    Andrés sempre falou que o clube ia pagar esse valor de 700-800 milhões, justamente descontado dos CID´s..

    Se vocês ''precisam'' criticar o clube, ou o Andrés, arranjem motivos válidos (que existem), não inventem essas conjecturas que ofendem a inteligência dos leitores.

  • Foto do perfil de Fabricio

    Ranking: 15º

    Fabricio 23345 comentários

    90º. por @alemaoocz

    Exatamente.

    Foto do perfil de rafael

    rafael 842 comentários

    14/08/2019 às 13h04 por @rpereira

    'A Construtora Norberto Odebrecht comprou 4076 destes papéis, cada um no valor médio de R$ 70 mil. Mas o Corinthians só se beneficiará desde valor quando a empresa de fato utiliza-los para abater do imposto. Até lá, são apenas papéis.'

    Não são apenas papéis... São títulos de crédito, que serão usados no abatimento de dívidas. Se a Odebrecht se comprometer a adquirir todos os CIDs, isso poderá ser contabilizado como baixa na dívida, e enquanto isso não acontece, o valor deles entra na contabilidade da arena como um ativo.

  • Foto do perfil de Fabinho

    Ranking: 83º

    Fabinho 6313 comentários

    89º. por @biozzy

    E vamos esperar...

  • Foto do perfil de Jônatas

    Ranking: 5444º

    Jônatas 195 comentários

    88º. por @jodapefre

    Https://esporte.uol.com.br/futebol/ultimas-noticias/2017/01/09/corinthians-tirou-dinheiro-do-clube-para-pagar-juros-da-arena-diz-andres.htm

    Só um exemplo. O Corinthians não coloca a Arena no seu balanço anual.

    Foto do perfil de Conde

    Conde 2254 comentários

    15/08/2019 às 07h58 por @carlos.vilagran

    Não brother. Não tirou dinheiro do caixa pra pagar a arena. Tirou foi pra pagar social de parque São Jorge e da base. Aliás eles que dão prejuízo.

  • Foto do perfil de Conde

    Ranking: 404º

    Conde 2254 comentários

    87º. por @carlos.vilagran

    Não brother. Não tirou dinheiro do caixa pra pagar a arena. Tirou foi pra pagar social de parque São Jorge e da base. Aliás eles que dão prejuízo.

    Foto do perfil de Jônatas

    Jônatas 195 comentários

    14/08/2019 às 14h26 por @jodapefre

    Se fosse tudo fácil assim. Postergar a dívida é aumentá-la. Banco nenhum vai postergar a dívida sem cobrar mais juros. O Corinthians, em três anos seguidos, tirou dinheiro do clube para complementar pagamento da Arena. Ou seja, mal estava cobrindo as parcelas do financiamento com o BNDES, ainda tem a dívida com a construtora. Depois desse anúncio, que se ocorrer, será importante (qualquer diminuição de dívida é importante), as pessoas passaram a se colocar como se a Arena já estivesse paga. Bem longe disso, bem longe.

  • Foto do perfil de kaio

    Ranking: 4734º

    Kaio 234 comentários

    86º. por @hideo

    Ou seja Marco Belo, o Corinthians está fazendo uma engenharia financeira.

  • Foto do perfil de Francisco Jr.

    Ranking: 132º

    Francisco 4713 comentários

    85º. por @francisco.jr.silva

    Tudo está meio obscuro ainda, nas torci para dar tudo certo, mas com certeza fico com meus pezinhos vem atrás, não confio nessa gente da direção, nas que façam as coisas certas nesse quesito.

  • Foto do perfil de SAMARONE

    Ranking: 9446º

    Samarone 87 comentários

    84º. por @muca1983

    Matéria boa no Globo esporte que explica bem tudo isso. Não sei se está tudo certo, mas achei interessante.

    Https://globoesporte.globo.com/futebol/times/corinthians/noticia/arena-corinthians-o-que-sabemos-sobre-a-renegociacao-da-divida-do-clube-com-a-odebrecht.ghtml