Dérbi: O Corinthians foi Corinthians

Roberto Gomes Zanin

Jornalista, diretor da RZ Assessoria, Bicampeão do mundo. Não sou ligado a nenhuma corrente política do clube. Quero apenas o melhor para o Timão. Discorde à vontade, mas com o respeito aos irmãos

ver detalhes

Dérbi: O Corinthians foi Corinthians

5.6 mil visualizações 94 comentários Comunicar erro

Dérbi: O Corinthians foi Corinthians

AJÔelhou tem que rezar

Foto: Danilo Augusto Jr. Agência Corinthians.

Amigos fieis, o derby centenário entrou para a história. Sim, foi apenas um jogo em fase inicial do Campeonato Paulista.

Mas os historiadores dos séculos futuros dirão que o Corinthians jogou 100 minutos com um jogador a menos, graças à mais absurda expulsão já vista por estas bandas.

Dirão que o Corinthians resgatou suas origens. Dirão que os filhos de São Jorge, Arana, Léo Jabá e Maycon foram gigantes.

Dirão que o turco Kazim parecia ter nascido no Bom Retiro, tal foi a sua identificação com o manto.

Dirão que o que faltou em talento sobrou em alma para Romero.

Dirão que o Corinthians voltou a encarar um clássico como uma batalha e cada dividida como a luta pela sobrevivência.

Dirão que o Corinthians do campo espelhou o Corinthians da arquibancada, das fábricas, dos escritórios, das lojas, da rua, do povo.

Dirão que jogadores indolentes e sem identificação com o clube, deram lugar para quem deixa tudo no campo.

Dirão que Jô, que antes teve tantas chances e até pênalti perdeu, entrou nos minutos finais do clássico e, em dois toques na bola, fez seu primeiro gol na Arena.

O Corinthians precisa qualificar o elenco? Sim, a meu ver.

Mas quando eu pedia os garotos da base no time, pedia, em primeiro lugar, a alma corinthiana na ponta da chuteira. Doía ver um Guilherme correndo para não chegar, ou um Marquinhos Gabriel da vida criticando a Fiel.

Por tudo isso, valeu Carille! Você fez o que ninguém teve peito para fazer!

Com essa garotada, com esse espírito, podemos até perder; mas não deixaremos de lutar.

Vimos que um filho nosso não foge à luta!

Com esse espírito guerreiro, ninguém virá mais à nossa casa fazer gracinha.

Aqui é Corinthians!

Veja mais em: Campeonato Paulista.

Coluna do Roberto Gomes Zanin

Por Roberto Gomes Zanin

Jornalista, diretor da RZ Assessoria de imprensa, bicampeão do mundo. Não sou ligado a nenhuma corrente política do clube. Quero apenas o melhor para o Timão. Discorde à vontade, mas com o respeito.

O que você achou do post do Roberto Zanin?