[Roberto Zanin] Dois defeitos do Corinthians quando joga na Arena

Roberto Gomes Zanin

Jornalista, diretor da RZ Assessoria, Bicampeão do mundo. Não sou ligado a nenhuma corrente política do clube. Quero apenas o melhor para o Timão. Discorde à vontade, mas com o respeito aos irmãos

ver detalhes

Dois defeitos do Corinthians quando joga na Arena

Dois defeitos do Corinthians quando joga na Arena

A foto não mostra, mas Romero perderá mais um contra-ataque

Foto: Danilo Augusto Jr. Agência Corinthians.

Todos estamos satisfeitos com o título paulista e com a bela atuação no Chile.

Todos reconhecemos a competência de Carille e a dedicação dos jogadores.

Mas o jogo de estreia no Brasileirão leva a alguns questionamentos.

Noves fora o fato de termos vários jogadores "baleados", o Timão apresentou os dois problemas de fundo quando joga em casa.

1) Dificuldade e falta de repertório para furar as retrancas

2) Quando consegue furar o bloqueio e abre o placar, falta qualidade para matar o jogo.

Contra a Chape, parecia que a abertura do placar seria difícil, até que Jô recebeu assistência de Rodriguinho e fez 1 a 0.

O adversário, inteligentemente, não saiu com tudo para empatar. Apostou que conseguiria levar o jogo no 1 a 0 até surgir a chance do empate.

As poucas chances de puxar os contragolpes caíram nos pés de Romero.

Contra Inter, São Paulo e Ponte, o Corinthians teve o jogo à sua mercê, mas desperdiçou os contra-ataques para liquidar as faturas. A maioria começa e termina nos pés de Romero.

Reconheço a raça e a importância tática dele, mas até hoje não sei se o paraguaio se coloca bem ou se é o adversário que o deixa livre, apostando na falta de habilidade do rapaz.

Volto a bater na mesma tecla. Depois de longos anos, surgiu na base um jogador diferente, moleque, no bom sentido: Pedrinho. Por que ele é sempre a última opção?

Entra Jabá, entra Clayton, entra Kazim, mas o garoto, não.

Vejo nele o ponto de desequilíbrio diante de uma defesa fechada e o toque de qualidade para puxar os contra-ataques e matar os jogos.

Veja mais em: Arena Corinthians.

Coluna do Roberto Gomes Zanin

Por Roberto Gomes Zanin

Jornalista, diretor da RZ Assessoria, Bicampeão do mundo. Não sou ligado a nenhuma corrente política do clube. Quero apenas o melhor para o Timão. Discorde à vontade, mas com o respeito aos irmãos

O que você achou do post do Roberto Zanin?

  • 1000 caracteres restantes