A Fiel ganhou o Dérbi na véspera

Roberto Gomes Zanin

Jornalista, diretor da RZ Assessoria, Bicampeão do mundo. Não sou ligado a nenhuma corrente política do clube. Quero apenas o melhor para o Timão. Discorde à vontade, mas com o respeito aos irmãos

ver detalhes

A Fiel ganhou o Dérbi na véspera

3.3 mil visualizações 67 comentários Comunicar erro

A Fiel ganhou o Dérbi na véspera

Corinthians treina perante 32 mil almas fiéis. Torcida sustentou o time quando ele mais precisou

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

Quando a FIEL se levanta, a força do povo se mostra como é, irresistível, irrefreável, invencível.

Quando a FIEL se levanta, se multiplica e carrega o time por 22 dois anos.

Quando a FIEL se levanta, invade e domina o Maracanã.

Quando a FIEL se levanta, invade e domina o Japão.

Sábado, 04 de novembro de 2017, foi um daqueles dias.

A FIEL se levantou.

32 mil almas em sintonia, qual transe coletivo, sentiram que era hora de ir ao seu Santuário, em procissão, para celebrar e suportar.

Celebrar o orgulho de ser corinthiano. Muitos não têm voz e nem vez na sociedade. Não têm nem ouro, nem prata, mas isso ninguém lhes pode tirar: são do escudo de Jorge, são sim, os únicos que têm um time. E que time!

O “suportar” aqui mencionado não significa aguentar.

Significa dar suporte, apoiar. Qual o profeta Moisés.

O líder que levou o povo hebreu à Terra Prometida, durante uma batalha em Rafidim, levantou os braços aos céus intercedendo pelo povo. Enquanto ele mantinha os braços erguidos, Israel vencia. Quando, cansado, abaixava os braços, seu povo perdia a batalha.

Eis que Arão e Hur, que estavam com o profeta, vieram em seu auxílio e sustentaram os braços de Moisés. O povo eleito venceu a batalha.

Pois bem. Os “braços” do time penderam para baixo. A equipe parecia sem forças.

E a FIEL sustentou os atletas.

No coração e na mente dos jogadores ecoou uma voz silenciosa: “Não estarei sozinho que em cada dividida, em cada drible, passe ou chute. Uma força descomunal estará comigo. Ninguém poderá me deter”.

A FIEL se levantou. Sábado vencemos o Dérbi.

Domingo apenas soubemos o placar.

(Lógico que o apoio durante o jogo foi fundamental, mas isso já fazemos desde 1910).

Veja mais em: Dérbi e Campeonato Brasileiro.

Coluna do Roberto Gomes Zanin

Por Roberto Gomes Zanin

Jornalista, diretor da RZ Assessoria de imprensa, bicampeão do mundo. Não sou ligado a nenhuma corrente política do clube. Quero apenas o melhor para o Timão. Discorde à vontade, mas com o respeito.

O que você achou do post do Roberto Zanin?