Vamos falar da evolução de Manoel

Victor Gomes

Analista de mídias sociais no Meu Timão. Mistura a paixão pela profissão e pelo Corinthians em um só lugar.

ver detalhes

Vamos falar da evolução de Manoel

Coluna do Victor Gomes

Opinião de Victor Gomes

3.5 mil visualizações 61 comentários Comunicar erro

Vamos falar da evolução de Manoel

Vamos falar da evolução de Manoel

Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians

Manoel, natural de Bacabal-MA, revelado pelo Athlético-PR, de 29 anos, chegou ao Corinthians por empréstimo do Cruzeiro (válido até dezembro deste ano) e não teve um bom início de temporada no Timão.

O beque chegou ao Corinthians lesionado, ficou fora de grande parte da pré-temporada por conta de uma catapora e ganhou sequência com Carille nas decisões do Paulista e Copa do Brasil.

Aposto que você, torcedor, também não acreditaria na reviravolta do defensor após essa parada da Copa América. Eu também não acreditei, confesso. Mas superando qualquer expectativa, o cara está jogando bem e está confiante ao lado de seu novo companheiro de zaga.

Antes de listar os motivos da evolução do atleta, vamos falar do scout individual contra o Palmeiras que define bem o crescimento do zagueiro. Se liga:

  • 90 minutos em campo
  • 1 finalização
  • 1 gol
  • 3 faltas cometidas
  • 46 toques na bola
  • 4 cortes
  • 30 (81,1%) passes certos - 2/6 em passes longos
  • 1 bloqueio
  • 1/2 desarmes

Apesar do empate, precisamos confessar que ele jogou bem!

Outro adendo, Manoel marcou três gols nessa temporada e adivinha contra quem? Palmeiras, Santos e São Paulo. O cara está com moral em clássico. Mostramos esses três gols aqui, confira!

Como de costume, separei em tópicos os motivos de Manoel ter evoluído:

1 - Gil
O zagueiro chegou da China, desbancou Henrique para o banco de reservas e formou uma dupla consistente com Manoel. É um monstro sagrado, não tem muito o que falar.

2 - Evolução do time
Carille está conseguindo encaixar mais o time, estão mais compactos, com uma defesa mais segura. Temos bons volantes, Gabriel e Ralf (lesionado) conseguem dar uma segurança maior.

3 - Confiança
Desde seu segundo gol, contra o Santos, pelo Paulistão, a confiança aumentou e jogou mais bola. Tá chegando mais firme nas jogadas.

4 - Torcida
Alguns torcedores também pararam de pegar no pé do zagueiro após esse gol (inclusive eu) e deixou ele mais a vontade pra trabalhar.

5 - Deixo esse pra você, torcedor! Tem mais algum motivo pra listar aqui? Deixe nos comentários abaixo.

Esperamos que o futebol do beque continue crescendo, que consiga desenvolver um bom trabalho nesse segundo semestre e quem sabe possa renovar seu contrato com o clube alvinegro. O empresário dele já falou que o zagueiro quer permanecer no clube. Vamos aguardar.

VAI, CORINTHIANS!

Veja mais em: Manoel.

Coluna do Victor Gomes

Por Victor Gomes

Analista de mídias sociais no Meu Timão. Mistura a paixão pela profissão e pelo Corinthians em um só lugar.

O que você achou do post do Victor Gomes?