A dança dos 22

Walter Falceta

Walter Falceta Jr. é paulistano, jornalista, neto de Michelle Antonio Falcetta, pintor e músico do Bom Retiro que aderiu ao Time do Povo em 1910. É membro do Núcleo de Estudos do Corinthians (NECO).

ver detalhes

A dança dos 22

Coluna do Walter Falceta

Opinião de Walter Falceta

3.4 mil visualizações 33 comentários Comunicar erro

A dança dos 22

Romero: astro do bailado vitorioso

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

DANÇA DOS 22

1) É a dança dos 22 em campo. Uma quadrilha de São Pedro com muitos deslizes dos bailantes. Dança que gera os 22 pontos. E, opas, um erro de passe.

2) O Independência é bonitinho, quadradinho, mas a iluminação na laterais parece feita por velas. Opa, mais um erro de passe.

3) Neste estádio bacaninha não há quase torcida da casa. Justamente os coelhos, que são tão prolíficos. Uma pena. Mas, olha aí, mais um erro de passe.

4) E que juizinho meia boca, hein? Enquanto ele apita para o lado errado, mais um erro de passe.

5) E o paraguaio não perdoa. Mais um tento do artilheiro corinthiano da temporada. Segue a dança: "alavantú"! A bola vai ao meio de campo e... ah, mais um erro de passe.

6) Agora, o Timão recua, toca pouco na bola e permite o avanço do adversário. Mas se não somos nós são eles a... errar o passe. "Otrefoá"!

7) Ah, Minas Gerais, quem tem conhece não esquece jamais... dos 7 a 1. E os times em campo honram nossa maior proeza futebolística. É já segundo tempo e a atração do espetáculo é o erro de passe.

8) Dois escanteios e Adalberto sobe mais e melhor que a zaga. A bola teima em não entrar. Mas aí o jogo volta à vaca fria, uma vaca que teima em pastar errando o passe.

9) Marquinhos Gabriel tem ginga e técnica, mas parece ter fome demais. Um segundo a mais com a bola no pé. E até ele entra na dança de São João, errando o passe.

10) "Changê"! Camacho, coitado, entra para sair. O sobrenome dele ainda é contusão. Deu boa bola a Bruno Henrique, que errou o passe. A dança é essa, mesmo sem o campeão do passo equivocado, o dançarino Rodriguinho.

11) Agora é o estabanado Luciano na área, o confuso árbitro e o doido contra-bailarino Adalberto, ele de novo, e eclode um pênalti, sobre o qual não vale debate. Típico "anarriê"! Gol 2, passaporte aos 22, da co-liderança. Reinicia-se o prélio e erramos o passe, eles também, e nós, e eles!

12) Fim da dança e, para desespero de parte da Nação, Cassio não tomou nenhum e não errou o passe! Domingão, é botar o Mengo na roda. Baile geral!

Coluna do Walter Falceta

Por Walter Falceta

Walter Falceta Jr. é paulistano, jornalista, neto de Michelle Antonio Falcetta, pintor e músico do Bom Retiro que aderiu ao Time do Povo em 1910. É membro do Núcleo de Estudos do Corinthians (NECO).

O que você achou do post do Walter Falceta?