Eu sempre estive aqui com você(s)

Yule Bisetto

Não dou notícia, não sei de bastidores, não faço análise tática. Sou CORINTHIANS de coração e adoro escrever sobre isso. Qualquer coisa além disso, não vai encontrar aqui.

ver detalhes

Eu sempre estive aqui com você(s)

Coluna da Yule Bisetto

Opinião de Yule Bisetto

7.9 mil visualizações 154 comentários Comunicar erro

Eu sempre estive aqui com você(s)

Eu sempre estive aqui com você(s)

Pode passar o tempo que for. Posso conhecer a pessoa que for. Visitar o lugar que for. Ouvir as palavras que for. Fazer o que for. Pode ser o que for. O.QUE.FOR. O que quer que seja, em qualquer circunstância, você sempre será, Corinthians.

Sempre será o meu amor, o meu motivo, a minha causa, a minha alegria. A minha vida, o meu objetivo, a minha razão, a minha paixão. Será, para sempre. Sempre.

Será sempre porque uma vez que se é, sempre se foi e sempre será. Se algum dia não fosse, não teria sido nunca. Se não é agora ou se vier a não ser, nunca foi. Quando se é, nunca se deixa de ser, em momento algum, em hipótese alguma, desde que se nasce, até quando não se é mais nada.

Quando eu fui, você já era. E você será até meu último instante, será até o meu suspiro final.

Por algum tempo eu tenho sido em silêncio. Tenho trocado confidências apenas com você, em pensamentos. Temos nossos desentendimentos silenciosos, nossas alegrias discretas.

Mas nem por isso eu deixei de ser. Isso, nunca!

Aliás, tenho pensado bastante e estou com vontade de ser mais alto. De gritar que sou. De bater no peito e espalhar o orgulho que tenho de levar tuas cores. De falar que ainda somos, eu e você, muito. E encontrar outros tantos que sejam, para sermos juntos. Sermos juntos, mais uma vez.

E, sabe, venha o jogador que seja, o presidente que seja, o patrocinador que seja, o jornalista que seja. O cartola que seja, o político que seja, o naming rights que seja, o chinês que seja... nós que nunca vamos deixar de ser. Nós, os que realmente somos.

Então, que sejamos mais. Que sejamos maiores. Que sejamos mais fortes. Que sejamos mais alto e mais intenso. Que, juntos, voltemos a ser o que éramos antes de tudo deixar de ser como era.

Você(s) vem ser comigo?

Coluna da Yule Bisetto

Por Yule Bisetto

Não dou notícia, não sei de bastidores, não faço análise tática. Sou CORINTHIANS de coração e adoro escrever sobre isso. Qualquer coisa além disso, não vai encontrar aqui.

O que você achou do post da Yule Bisetto?