Palmeiras 0 x 1 Corinthians - Paulista 2019

Paulista 2019 - Palmeiras 0 x 1 Corinthians

https://www.meutimao.com.br/jogo/02-02-2019/paulista_2019/palmeiras-0-x-1-corinthians

02:00

2019-02-02T17:00:00

Corinthians Corinthians 1 x 0 Palmeiras Palmeiras

Paulista 2019

Sobre a Partida

Corinthians vence Palmeiras com gol de Avelar e mantém supremacia em Dérbis

É freguesia que fala?! A exemplo do que vem acontecendo anualmente nos primeiros Dérbis das temporadas, o Corinthians, mesmo desacreditado, venceu o arquirrival Palmeiras, desta vez no Allianz Parque, por 1 a 0, com gol de... Danilo Avelar!

O palco do título paulista do Corinthians do ano passado voltou a ganhar atmosfera alvinegra!

Escalação - Carille não havia divulgado previamente a escalação. E surpreendeu quando anunciou: Jadson deslocado para a ponta, Ramiro e Sornoza centralizados e Vital como válvula de escape. O Timão entrou em campo com: Cássio, Fagner, Manoel, Henrique e Danilo Avelar; Ralf; Jadson, Ramiro, Sornoza e Mateus Vital; Gustagol.

Escalação Corinthians x Palmeiras

Meu Timão

Classificação - Com a vitória deste sábado, o Corinthians voltou, ao menos parcialmente, à zona de classificação ao mata-mata do Paulistão, somando agora sete pontos - mesma pontuação da líder Ferroviária, que enfrenta o Red Bull neste domingo. Na mesma data, o Bragantino pega a Ponte Preta e pode passar o Timão, cabe o alerta.

Agenda - O Corinthians agora dá uma pausa em seus compromissos estaduais. O próximo jogo é contra o Ferroviário-CE, pela primeira fase da Copa do Brasil, quinta-feira, às 21h, no Estádio do Café, em Londrina (PR). Pelo Paulistão, o Timão volta a campo domingo, às 17h, diante do Novorizontino, no Jorjão, em Novo Horizonte.

Primeiro tempo

Cássio não fez uma defesa sequer. O Corinthians acertou todas que tentou.

Cada um vê como quer...

A verdade é que o resumo do primeiro tempo passou por uma superioridade do Palmeiras em posse de bola e número de chegadas ao ataque. E parou por aí. Os rivais não acertaram nada na meta defendida por Cássio. O Corinthians, com apenas uma chance real de gol, não perdeu a chance de estufar as redes do goleiro Weverton.

Eram seis minutos apontados no placar quando Mateus Vital foi derrubado por Bruno Henrique. No mesmo lance, Felipe Melo deu um chutão na bola, acertando o já caído meia corinthiano. Principio de confusão formado... E o gol sairia na sequência!

Vital foi derrubado por Bruno Henrique e provocado por Felipe Melo

Vital foi derrubado por Bruno Henrique e provocado por Felipe Melo

Reprodução/TV

Sornoza bateu falta mirando cruzamento para Gustagol. O centroavante do Timão venceu os defensores no jogo aéreo e subiu livre para testar firme. Weverton fez grande defesa em cima da linha. A zaga palmeirense afastou a bola com carrinho. Quiserem os deuses do futebol que a sobra caísse nos pés de Danilo Avelar: bomba e redes estufadas! Gol do Corinthians!

Na sequência, o Corinthians tentava em vão segurar o jogo quando tinha a bola nos pés. O Palmeiras foi quem mostrou-se mais incisivo, insistindo principalmente com Dudu. Mas nem Borja, nem Carlos Eduardo, nem nenhum outro palmeirense conseguiu aproveitar. E olha que não faltaram bons passes/cruzamentos de Dudu, que acertou ele mesmo a trave de Cássio.

Em alguns lances, a defesa corinthiana chegou junto e atrapalhou os atacantes palmeirenses. Em outros, teve mais sorte do que juízo vendo os rivais desperdiçarem chances de gol.

No último lance, num contra-ataque do Corinthians, Mateus Vital recebeu belo lançamento de Jadson, avançou pela esquerda, gingou para cima do zagueiro Luan, conseguiu espaço e optou por bater cruzado - poderia ter devolvido o presente ao camisa 10. Weverton defendeu sem maiores dificuldades, e Luiz Flávio de Oliveira encerrou a etapa inicial.

Segundo tempo

Para a etapa final, um primeiro ponto a se destacar no lado corinthiano é a inversão de lados entre Jadson e Mateus Vital. O camisa 10 foi deslocado para a ala esquerda; o 22, direita.

Na prática, o Corinthians seguiu sendo pressionado pelo Palmeiras. Quando tinha oportunidade de puxar um contra-ataque, acabava se livrando da bola com chutões travestidos de lançamentos para Gustagol - que mais defendia do que atacava...

Somente aos 20 minutos, porém, Cássio faria sua primeira grande defesa no jogo. Dudu sambou em frente a Danilo Avelar e chutou. A bola desviou no lateral e forçou o goleiro a se esticar todo para espalmá-la no canto esquerdo.

Na sequência, Carille trocou o cansado Mateus Vital pelo renovado Gustavo Silva. Pouca coisa mudou. Não demorou para as outras duas alterações serem executadas: Ramiro saiu para a entrada de Richard; Jadson, para a de Pedrinho.

E aí sim o Corinthians criou suas primeiras oportunidades de gol! Primeiro com Sornoza, em cobrança de falta defendida por Weverton aos 33 minutos. Cinco minutos depois, Pedrinho foi lançado pela direita e deu bela enfiada de bola para Richard, que bateu cruzado tirando tinta da trave direita do goleiro palmeirense. Não é que o Timão também ataca?!

Houve ainda tempo para o Deyverson ser expulso. Ele havia sofrido falta de Henrique, que inclusive levara cartão amarelo. Na mini confusão generalizada gerada pelo lance, o palmeirense cuspiu no corinthiano Richard. Lamentável! Na sequência, Felipe Melo ainda tentou arranjar confusão com Sornoza. Ê, rival...

Melhor para o Corinthians! Deixou o campo com dignidade, três pontos e a freguesia dos últimos anos debaixo do braço!

Ficha técnica de Palmeiras 0 x 1 Corinthians

Competição: Campeonato Paulista
Local: Allianz Parque, São Paulo, SP
Data: 02 de fevereiro de 2019 (sábado)
Horário: 17h00 (de Brasília)
Árbitro: Luiz Flavio de Oliveira
Assistentes: Marcelo Van Gasse e Miguel Cataneo da Costa
Gol: Danilo Avelar (Corinthians)
Cartões amarelos: Mayke, Felipe Melo e Bruno Henrique (Palmeiras); Fagner, Henrique, Danilo Avelar e Jadson (Corinthians)
Cartão vermelho: Deyverson (Palmeiras);

PALMEIRAS: Weverton; Mayke, Luan, Gustavo Gómez e Diogo Barbosa; Felipe Melo e Bruno Henrique (Gustavo Scarpa); Lucas Lima, Dudu e Carlos Eduardo (Felipe Pires); Borja (Deyverson).
Técnico: Luiz Felipe Scolari

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Manoel, Henrique e Danilo Avelar; Ralf; Ramiro (Richard), Sornoza, Jadson (Pedrinho) e Mateus Vital (Gustavo Silva); Gustavo.
Técnico: Fábio Carille

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a partida: Palmeiras 0 x 1 Corinthians

  • 1000 caracteres restantes