Corinthians 1 x 1 Santo André - Paulista 2020

Paulista 2020 - Corinthians 1 x 1 Santo André

Partida de futebol entre Corinthians 1 x 1 Santo André nPaulista 2020

https://www.meutimao.com.br/jogo/1424/paulista_2020/corinthians-1-x-1-santo_andre

02:00

2020-02-26T21:30:00

48000

Neo Química Arena

Endereço: Avenida Miguel Ignácio Curi, São Paulo, SP, Brasil

Corinthians 1 X 1 Santo André

Paulista 2020
26 de fevereiro de 2020, 21:30
Corinthians 1 x 1 Santo André
Neo Química Arena

Sobre a Partida

Corinthians busca empate heroico com o Santo André em noite de 'duelo aquático' na Arena

Bastante pressionado pelos resultados ruins neste início de temporada, o Corinthians voltou a campo nesta quarta-feira. Em casa, a equipe alvinegra encarou o Santo André, pela oitava rodada do Campeonato Paulista. E para lamento da Fiel, que protestou horas antes do duelo, os comandados de Tiago Nunes ficaram no empate por 1 a 1 e não voltaram a vencer no estadual.

Com o gramado encharcado e pouca condição para desenvolver jogadas, o Timão tomou um gol de bola parada no início do embate e só conseguiu a reação nos acréscimos, diante do pior público da Casa do Povo em 2020 - pouco mais de 17 mil torcedores foram ao estádio.

Com o resultado, o Corinthians continua na segunda colocação do Grupo D do Paulistão, com apenas nove pontos conquistados - pode perder a posição ainda nesta rodada.

Agenda - Agora, o Timão tem um longo período sem jogos e só volta a jogar no dia 7 de março, domingo, contra o Novorizontino, fora de casa - serão, então, dez dias de intervalo entre as partidas.

Escalação

Além da saída dos suspensos Cássio e Camacho, Tiago Nunes também tirou Mauro Boselli do time titular. O Timão, então, foi a campo com Walter; Fagner, Pedro Henrique, Gil e Lucas Piton; Gabriel, Cantillo, Pedrinho, Luan e Yony González; Vagner Love.

Boselli deixou o time para a entrada de Pedrinho

Meu Timão

Primeiro tempo

Mesmo mostrando muita vontade nos primeiros minutos, o Corinthians teve dificuldades para sair da marcação amarrada dos visitantes. Atacando muito pelo lado esquerdo, a equipe chegou pelo outro lado, em chute de fora da área de Pedrinho, sem perigo para o goleiro adversário.

Aos dez minutos, Piton tabelou com Yony e foi bem ao fundo. Seu cruzamento, porém, não achou ninguém dentro da área. O Timão seguiu rodando a bola, com completo domínio da partida em Itaquera.

Mesmo mandando no jogo, a equipe alvinegra só voltou a criar aos 15 minutos. Em cobrança de falta, Gil subiu mais alto que a defesa e cabeceou rente ao travessão de Fernando Henrique.

Em uma rara escapada ao ataque, o Santo André foi quem abriu o placar. Em falta forte de Fagner, aos 28 minutos, o time visitante aproveitou a cobrança e marcou com Ronaldo, que desviou de cabeça e tirou qualquer chance de Walter.

Empurrado pela torcida, que passou a cantar ainda mais após o gol, o Corinthians reagiu imediatamente e chegou com perigo em finalização de Pedrinho. A chuva apertou em Itaquera e o nível do jogo caiu, passando a ficar muito brigado no meio de campo.

Sem conseguir trocar passes por conta do gramado, que não permitia que a bola rolasse, o Corinthians tentou chegar pelo alto. Em rara tentativa pelo chão, porém, Yony arriscou de fora e levantou a Fiel aos 42 minutos.

Segundo tempo

Insatisfeito com o resultado e com o desempenho do seu time, Tiago Nunes promoveu uma alteração já no intervalo: Yony González deu lugar ao argentino Mauro Boselli, que entrou para fazer dupla com Vagner Love.

Com mais gente na área, o Timão quase empatou aos três minutos. A boa finalização de Love, porém, parou na poça de água e facilitou a defesa de Fernando Henrique. Depois dessa tentativa inicial, o ritmo novamente caiu, com o Santo André gastando muito tempo a cada parada.

Em jogo muito truncado, o Corinthians só voltou a criar aos 15, em chute colocado de Mauro Boselli - a jogada começou em recuperação de bola de Piton que só aconteceu por conta da condição do gramado.

Pouco participativo e sofrendo demais com o campo molhado, Pedrinho foi o segundo a deixar o campo. Aos 19 minutos da etapa final, Tiago Nunes colocou o garoto Janderson no lugar do camisa 10.

Três minutos depois, a melhor chanca alvinegra do segundo tempo. Na entrada da área, Boselli girou bem e bateu forte no pé da trave do Santo André. No rebote, Luan pegou no susto e chutou para fora.

Aos 33 minutos, Gil subiu mais alto que a defesa e cabeceou por cima. Sem grandes resultados após a segunda troca, Tiago promoveu mais uma alteração aos 34 minutos: desta vez, Everaldo entrou no lugar do volante Gabriel, lançando o time ao ataque.

Aos 41, o time voltou a criar uma grande chance. Em linda jogada, Janderson bateu forte e, no rebote, Vagner Love finalizou mal, desperdiçando oportunidade inacreditável com o gol aberto.

O Timão seguiu e, logo na sequência, Everaldo soltou uma bomba de fora da área, parando em grande defesa de Fernando Henrique. Pouco depois, o gol enfim saiu: Janderson bateu escanteio e Boselli aproveitou sobra na área para marcar e garantir o ponto heroico para o Timão.

Na última jogada, Janderson ainda marcou um gol, mas o jogo já estava parado por conta de um impedimento marcado pela arbitragem. Com o apito final, tanto Tiago Nunes quanto os jogadores cobraram muito a equipe responsável pelo duelo.

Ficha técnica de Corinthians 1 x 1 Santo André

Competição: Campeonato Paulista
Local: Arena Corinthians, São Paulo, SP
Data: 26 de fevereiro de 2020 (quarta-feira)
Horário: 21h30 (de Brasília)
Árbitro: Salim Fende Chavez
Assistentes: Neuza Ines Back e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa
Gols: Mauro Boselli (Corinthians); Ronaldo (Santo André)
Cartões amarelos: Fagner, Yony González e Everaldo (Corinthians); Rodrigo (Santo André)
Público: 17.128 pagantes (público total: 17.401)
Renda: R$ 660.629,69

CORINTHIANS: Walter; Fagner, Pedro Henrique, Gil, Lucas Piton, Gabriel (Everaldo), Cantillo, Pedrinho (Janderson), Luan, Yony González (Mauro Boselli) e Vagner Love.
Técnico: Tiago Nunes

SANTO ANDRÉ: Fernando Henrique; Ricardo Luz, Luizão, Rodrigo e Marlon; Nando Carandina e Dudu Vieira; Branquinho (Odair Lucas), Ronaldo e Vitinho (Zé Antônio); Douglas Baggio (Ramon).
Técnico: Paulo Roberto Santos

Quem Atuou

Títulares

Reservas

Técnico

Árbitro

Comente a partida: Corinthians 1 x 1 Santo André