Corinthians tem melhor defesa da história dos pontos corridos

Corinthians tem melhor defesa da história dos pontos corridos

Por Meu Timão

1.1 mil visualizações 16 comentários Comunicar erro

Gil na esquerda e Paulo André na direita: assim joga a defesa do Corinthians

Gil na esquerda e Paulo André na direita: assim joga a defesa do Corinthians

Com seis gols sofridos em 14 jogos, o Corinthians tem a melhor defesa da história do Campeonato Brasileiro com pontos corridos com uma média de 0,42 gol por jogo, superando o São Paulo de 2007 que sofreu 19 gols em 38 jogos (média de 0,5 gol por jogo).

A consistência da equipe alvinegra na marcação é evidente, e tornou-se uma marca registrada do técnico Tite. Desde que chegou ao Corinthians, para sua segunda passagem pelo clube, no fim de 2010, o comandante imprimiu seu estilo à formação tática do Timão. Todos, até mesmo os atacantes, são responsáveis pela marcação. As estatísticas refletem o senso coletivo de pressão sem a posse de bola. Emerson Sheik, por exemplo, é um dos maiores 'ladrões de bola', mesmo atuando no setor ofensivo.

A dupla de zaga titular, atualmente, é composta por Gil e Paulo André. Enquanto o primeiro chegou ao Corinthians no início desta temporada, tomou a vaga de Chicão e se tornou um dos maiores destaques da equipe (é recordista de jogos em 2013, com 45 disputados), o outro completou quatro anos de clube e se firmou após a venda de Leandro Castán - titular na conquista da Taça Libertadores da América - ao Roma.

Dos dez Brasileiros disputados por pontos corridos até hoje, em cinco deles o campeão teve a melhor defesa: São Paulo (2006 e 2007), Fluminense (2010 e 2012) e Corinthians (2011). Tite evita elogios ou comentários setorizados em seu time. Ele julga que a defesa pouco vazada seja trunfo mais da consistência da equipe como um todo do que da boa fase de jogadores específicos. No esquema 4-2-3-1, o treinador faz com que até mesmo o pivô, isolado no ataque, volte para ajudar no combate à saída de bola adversária.

O bom desempenho da defesa do Corinthians não vem de hoje. Campeão paulista, o Timão também foi o menos vazado do torneio estadual, com 18 gols sofridos em 23 jogos. Na Libertadores do ano passado, a equipe teve uma das melhores defesas da história da competição continental, com apenas quatro gols sofridos em 14 jogos.

Na história do Campeonato Brasileiro - sob esta nomenclatura, ou seja, desde 1971 - a defesa mais eficiente de todos os tempos foi a do Palmeiras de 1973, que conquistou o bicampeonato brasileiro naquele ano. A escalação da retaguarda alviverde, composta por Leão, Eurico, Luís Pereira, Alfredo e Zeca é lembrada até hoje por torcedores. Foram apenas 13 gols sofridos em 40 jogos, uma média de 0,32.

Veja Mais:

  • Antonio Roque Citadini quase não concorreu na eleição de fevereiro

    Citadini lamenta sobre eleição no Corinthians: 'Essa campanha sangrenta me tirou as chances'

    ver detalhes
  • Jean (ao centro) deve sair; lateral Romão também não convenceu comissão técnica

    Entenda por que diretoria do Corinthians ainda não se desfez de jogadores 'encostados' do elenco

    ver detalhes
  • Matheus Matias (à esq.) foi assunto na entrevista coletiva do diretor adjunto Duílio Monteiro

    Corinthians confirma porcentagem adquirida de Matheus e alerta: 'Tendência é ir devagar'

    ver detalhes
  • Mauro da Silva (auxiliar), Duílio Monteiro Alves (diretor-adjunto de futebol) e Alessandro (gerente) durante um dos treinos no CT

    Diretoria assume dificuldade por um 9: 'Futebol na América do Sul pagando salários de Europa'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes