Jogador do Timão é o líder de desarmes do Campeonato Brasileiro

Jogador do Timão é o líder de desarmes do Campeonato Brasileiro

Por Larissa Emanuelle

22 mil visualizações 79 comentários Comunicar erro

Petros se mantém líder nos desarmes do campeonato

Petros se mantém líder nos desarmes do campeonato

Contratado recentemente e hoje titular, o volante Petros tem sido peça fundamental no meio campo de Mano Menezes. Mesmo com o nome pouco citado durante os jogos, o volante mantém um recorde de desarmes desde que iniciou o Campeonato Brasileiro: É o jogador que mais desarma na competição.

Quando o Corinthians estava a três rodadas sem vencer, o 'ladrão de bolas' era constantemente criticado, mas foi a partir da goleada em cima do Sport que tudo voltou ao normal. Hoje, Petros lidera ' o campeonato' com 33 desarmes, com uma roubada de bola à frente de Deivid, jogador do Atlético-PR. Além do volante, o zagueiro Cléber também tem sido importante neste quesito: são 13 roubadas de bola.

As cobranças que atingiram o time nos últimos dias afetaram o volante, que tenta provar a sua importância tática na equipe.

"Eu tenho uma função tática muito importante, e, às vezes, o torcedor não percebe isso. Tenho uma forma muito agressiva de marcar. Por isso, sou o maior roubador de bolas. Pouca gente sabe disso. Às vezes, as pessoas cobram muito para que eu chegue ao ataque, mas estou roubando a bola e entregando aos armadores. Conseguir roubar a bola e ir ao ataque com a mesma consciência ninguém vai conseguir fazer", afirmou o jogador.

Em um dos jogos mais fracos do Corinthians no campeonato, a partida contra o Figueirense, Petros sequer entrou em campo. Os números desta partida provam a 'falta' que o volante faz: o time só conseguiu desarmar cinco vezes. Quando voltou ao time contra o Atlético-PR, a estatística evoluiu, chegando à dez bolas roubadas. Agora contra o Sport, este quesito chegou à 12.

Sobre fazer uma função parecida com as dos volantes que passaram e ficaram na lembrança do torcedor como o próprio Paulinho, Petros não se vê chegando bem ao ataque.

"As pessoas têm cobrado um pouco de mim para fazer a função do Paulinho ou do Elias, mas cada um tem a sua forma de jogar. Eu não jogo da maneira como eles jogam. Não tenho nada a ver com a função do Elias." completou Petros.

Com a possível saída de Ralf, o volante ainda pode continuar como titular da equipe, mesmo com a entrada do próprio Elias, tão idolatrado pelo torcedor.

*Estatísticas: footstats

Veja Mais:

  • Sub-20 Corinthians enfrenta São Paulo em primeiro jogo da final da Copa do Brasil

    Na Arena, Corinthians desafia São Paulo em final inédita na Copa do Brasil Sub-20

    ver detalhes
  • Técnico da equipe colombiana não poupou elogios ao Corinthians

    Técnico do Millonarios se impressiona com Corinthians: 'Um dos favoritos ao título'

    ver detalhes
  • Paulo Roberto deve ser titular diante do Internacional

    Reapresentação do Corinthians indica um único titular contra Internacional; Sheik é ausência

    ver detalhes
  • Rodriguinho jogou amistoso pelo Brasil em junho de 2017, contra Austrália

    Rodriguinho, do Corinthians, compõe lista de suplentes da Seleção para Copa do Mundo

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes