Com pessimismo, Timão estabelece prazo para fechar ou não com Marcelo

Com pessimismo, Timão estabelece prazo para fechar ou não com Marcelo

Por Larissa Emanuelle

Marcelo pode estar mais distante do Timão

Marcelo pode estar mais distante do Timão

Tentando trazer o último reforço para fechar o elenco de vez e colocá-lo nas mãos de Mano Menezes, o Corinthians demonstra mais pessimismo com o desfecho da negociação com o Atlético-PR. O clube ainda não conseguiu definir a vinda ou não do atacante Marcelo.

A novela foi gerada graças à um entrave na forma de pagamento, já que os salários e outras pendências já estariam acertadas. A esperança alvinegra estava baseada na venda de Guilherme e Ramon, mas até o momento, não pôde utilizar o dinheiro para fechar o negócio para ter o atacante. O Timão mantém a expectativa agora com a ajuda de investidores.

O clube paranaense 'bateu o pé' e não diminui o valor pedido pelo jogador, que seriam 5 milhões de euros. Assim como não aceita a ideia de pagamento do Corinthians, que seria de forma parcelada. Com isso, a negociação acaba esfriando.

Mesmo com o pessimismo claro, o clube alvinegro já definiu um prazo para trazer ou não o atacante: a próxima segunda-feira. Marcelo seria o quinto reforço alvinegro, mas para isso, o clube precisa fechar de vez o acordo o mais rápido possível.

Veja Mais:

  • Pedrinho foi internado na noite deste domingo

    Pedrinho passa por cirurgia e fica fora do Corinthians por até dez dias

    ver detalhes
  • Elenco volta a treinar nesta segunda-feira de olho no jogo contra a Chapecoense

    Corinthians define programação para semana de jogo remarcado e duelo na Arena

    ver detalhes
  • Corinthians é líder do Brasileirão de forma isolada

    Palmeiras perde em casa, Santos tropeça fora, e Corinthians segue líder isolado do Brasileirão

    ver detalhes
  • Vagner Mancini teria ofendido jornalista da Rádio Bandeirantes

    Vaza suposto áudio de Mancini festejando vitória com ofensa a jornalista: 'Babaca corinthiano'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes