Corinthiano, Técnico da Costa Rica pede Demissão

Corinthiano, Técnico da Costa Rica pede Demissão

Por Meu Timão

Jorge Luis Pinto cumprimenta a torcida após a Costa Rica ser eliminada pela Holanda

Jorge Luis Pinto cumprimenta a torcida após a Costa Rica ser eliminada pela Holanda

Foto: AFP PHOTO / RONALDO SCHEMIDT

O técnico colombiano Jorge Luis Pinto, que levou a seleção da Costa Rica às quartas de final da Copa do Mundo, anunciou nesta quinta-feira que não continuará à frente da seleção depois de as negociações com a federação fracassarem.

Em entrevista para a imprensa e acompanhado por membros da Federação de Futebol da Costa Rica, o técnico disse que não tem o futuro definido e negou que a questão financeira tenha sido problema na hora da renovação de contrato.

Segundo ele, desavenças sobre a comissão técnica foram as responsáveis pela saída da seleção. "Não compartilho atitudes delicadas. E um integrante da comissão pediu que me tirassem. Que tal? É onde não há acordo. Se não posso escolher uma equipe de meu gosto, não posso continuar", reclamou.

Apesar das discussões, o técnico comemorou a surpreendente campanha na Copa e disse que sai feliz do cargo. "Vou feliz, agradecido, não quero brigar, não quero discutir, é um momento muito bonito da minha vida", disse emocionado.

O treinador disse que não vai voltar atrás em sua decisão e que começará a ver a partir de agora quais são as melhores opções para seu futuro profissional.

A Costa Rica ficou hospedada em Santos durante o Mundial e o técnico chegou a dizer que torce para o Corinthians. "Fiquei muito tempo no Parque São Jorge. Tenho respeito por Santos, estou aqui e sou tratado muito bem, mas tenho carinho pelo Corinthians", disse Pinto, que virou corintiano quando estudava na USP na década de 70.

Veja Mais:

  • Jô marcou os dois gols do Corinthians no Brasileirão até aqui

    Já de olho na ponta do Brasileirão, Corinthians visita lanterna neste domingo

    ver detalhes
  • Clayson deve estrear com a camisa do Corinthians neste domingo

    Relacionado pela primeira vez, Clayson faz declaração à torcida do Corinthians em rede social

    ver detalhes
  • Pablo e Malcom se juntaram durante viagem do atacante ao Brasil

    Campeões pelo Corinthians, Pablo e Malcom se reencontram: 'Resenha fera'

    ver detalhes
  • Tevez marcou 46 gols com a camisa do Corinthians

    Ídolo no Corinthians, Tevez detona futebol chinês: 'Diferente em relação a tudo que joguei'

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes