Treinador Tite admite desejo de voltar ao Corinthians

Treinador Tite admite desejo de voltar ao Corinthians

Por Meu Timão

Tite quer retornar ao Corinthians

Tite quer retornar ao Corinthians

Em entrevista publicada pela Folha de São Paulo neste sábado, o ex-treinador do Timão, Adenor Tite, admitiu o desejo de retornar a ser treinador de Corinthians:

- Se eu gostaria? Gostaria. Mas gostaria que fosse limpo: "porque ele ganhou aquilo, tem de voltar." Não. Quero voltar porque é o momento. Não quero voltar como resposta ao momento - admitiu Tite.

Além do seu possível retorno ao Corinthians, Tite também comentou que não entendeu o critério da CBF para escolher Dunga como o treinador da seleção. Segundo o treinador, ele imaginava 5 nomes em potencial para assumir o comando da seleção depois da demissão de Felipão: Muricy, Abel, Marcelo Oliveira, Cuca e ele mesmo.

Questionado novamente se ele gostaria novamente de treinar o Timão, Tite enfatisou: "eu particularmente gostaria sim".

Nesta semana, Tite foi um dos convidados do programa Fox Sports, na ocasião o treinador negou que já esteja negociando nesse momento seu retorno a equipe.

O segundo treinador no ranking de quem mais vezes esteve comandando o Corinthians, Tite conquistou o Campeonato Brasileiro de 2011, a primeira libertadores do Corinthians em 2012 (título invicto), o Mundial de 2012, assim como o Campeonato paulista e a Recopa de 2013.

Veja Mais:

  • Dupla Jô-Rodriguinho já não se mostra mais tão efetiva quanto em outros tempos

    Corinthians leva dois gols de bola área, perde do Botafogo e fica pressionado no Brasileirão

    ver detalhes
  • Clayson falou com a imprensa brevemente: 'Não foi nada demais'

    Atacante do Corinthians é conduzido por policiais a prestar esclarecimentos no Rio

    ver detalhes
  • Corinthians de Carille perdeu do Botafogo na noite dessa quarta-feira

    Torcida 'perdoa' cinco jogadores e dá pior nota a Carille após derrota do Corinthians no Rio

    ver detalhes
  • Acorda, presidente!

    [Walter Falceta] Acorda, presidente!

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes