Nas duas competições, Timão está invicto contra o Atlético Mineiro em 2014

Nas duas competições, Timão está invicto contra o Atlético Mineiro em 2014

Por Larissa Emanuelle

Timão pode manter tabu caso segure o Atlético Mineiro, no Mineirão.

Timão pode manter tabu caso segure o Atlético Mineiro, no Mineirão.

Prestes à enfrentar o Atlético Mineiro pelo jogo de volta da Copa do Brasil, o Corinthians pode manter um 'tabu' no ano, caso consiga vencer ou pelo menos empatar no jogo decisivo.

Em três jogos já disputados em 2014 pelas duas equipes, o time de Mano Menezes não possui nenhuma derrota, tendo em vista a vitória por 1 à 0 na Arena Corinthians, com gol de Petros, além do empate no estádio independência em 0 à 0, pelo Campeonato Brasileiro. Na Copa do Brasil, o clube paulista venceu o jogo de volta por 2 à 0 (Luciano e Guerrero marcaram) e agora segura a vantagem para se classificar.

Para triunfar novamente diante da equipe de Levir Culpi, o Timão conta com a volta de Paolo Guerrero, um dos artilheiros do time este ano, além de Renato Augusto e Ralf, que também devem estar a disposição do treinador Corinthiano. A presença de Gil e Elias, convocados para servir a Seleção Brasileira, também podem ser confirmadas.

Desejando uma vaga na semifinal da Copa do Brasil, o Corinthians enfrenta o Atlético Mineiro, nesta quarta-feira, às 22h. O jogo acontecerá no Mineirão e a equipe paulista pode se classificar com um empate ou até mesmo uma derrota por 1 à 0.

Veja Mais:

  • Corinthians volta a jogar nesta segunda pela Liga Nacional

    Corinthians encara 'reforçado' Sorocaba na primeira final da Liga Nacional

    ver detalhes
  • Pelada registrada no Amapá, onde Caio presenciou o tradicional 'futilama'

    Do Amapá à Antártida: torcedor do Corinthians, fotógrafo percorre o mundo em busca de peladas

    ver detalhes
  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes