'Foi injusta. Eu só apanho e não fazem nada', diz Guerrero

'Foi injusta. Eu só apanho e não fazem nada', diz Guerrero

Guerrero disse que não achou justa sua expulsão

Guerrero disse que não achou justa sua expulsão

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

O atacante Guerrero, um dos jogadores mais queridos da torcida do Timão, não teve uma noite boa nessa quarta-feira. Ele foi expulso ainda no primeiro tempo do jogo contra o Once Caldas após um lance perigoso com Pérez.

Para o atacante, a expulsão não foi justa.

"Foi injusta. Eu já até falei para o juiz. Eu pulei para pegar a bola, senti uma pancada na cabeça e para me proteger deixei a mão. O cara simulou o golpe e eu tomei a expulsão. Não acho certo", declarou.

Antes de ser expulso o jogador estava sendo alvo de muitas faltas do time colombiano. Um dos mais marcados também contra o Marília, no último domingo, o camisa 9 desabafou.

"O que eu sei é que os jogadores de outros times vivem me provocando, vem me bater e eu fico apanhando, apanhando. Os juízes não fazem nada. Eu tenho que me proteger".

Ao ser expulso na metade do primeiro tempo, Guerrero deixou a torcida e os companheiros muito preocupados. Ele é a principal arma do ataque do Timão. Mas o jogador contou que no vestiário, no intervalo da partida, ele foi tranquilizado pelos companheiros.

"Estou agradecido pelo esforço dos meus companheiros. Eles me disseram 'fica tranquilo que você já decidiu muitas vezes por nós e agora nós vamos correr po você'".

Guerrero não viaja para a Colômbia com os seus companheiros para o jogo de volta, na próxima quarta-feira, em Manizales.

Veja Mais:

  • Sob comando de Coelho, Timãozinho cai nas oitavas da Copinha

    Falhas individuais custam caro, e Corinthians é eliminado da Copinha

    ver detalhes
  • Alessandro é homem forte do futebol corinthiano neste início de 2018

    Alessandro abre o jogo sobre Henrique Dourado e busca do Corinthians por camisa 9

    ver detalhes
  • Carille poderá contar com 21 jogadores nesta quarta-feira

    Com apenas um reforço, Corinthians relaciona 21 jogadores contra a Ponte Preta

    ver detalhes
  • Jô foi vendido pelo Corinthians ao futebol japonês neste começo de 2018

    Após notícia de colunista, Corinthians confirma valor real da venda de Jô ao Japão

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes