Corinthians faz primeiro corte no futebol profissional

Corinthians faz primeiro corte no futebol profissional

Por Meu Timão

88 mil visualizações 153 comentários Comunicar erro

Roberto de Andrade ainda deve fazer mais cortes para diminuir gastos no clube

Roberto de Andrade ainda deve fazer mais cortes para diminuir gastos no clube

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Desde que assumiu a presidência do Corinthians, Roberto de Andrade, adiantou que faria cortes no quadro de funcionários do Timão. Nesse final de semana, o supervisor de futebol Saulo Magalhães foi demitido e não faz mais parte do departamento de futebol do Corinthians.

“Disseram que foi um corte para diminuir as despesas, mas, para mim, não colou”, declarou Saulo, em entrevista ao colunista Jorge Nicola.

O dirigente era responsável por organizar a logística de viagens e hospedagem da equipe principal e estava no cargo desde 2007. Essa já era sua segunda passagem pelo clube - a primeira durou dez anos.

Quem o contratou para retornar ao clube, há oito anos, foi Andrés Sanchez. Curiosamente, ele foi demitido no sábado, semanas após Sanchez ser nomeado superintendente de futebol. “O Andrés certamente teve participação na decisão”, afirmou Saulo.

Na semana passada, o Corinthians oficializou a demissão de cinco funcionários do departamento de marketing.

Veja Mais:

  • Quinto andar do Parque São Jorge ferve em busca de cargos

    Com 38 vagas em cinco órgãos do Corinthians, quinto andar vira o 'Congresso'; Andrés quebra a cabeça

    ver detalhes
  • Com lesão no joelho, Marquinhos precisará de um mês de recuperação

    Corinthians confirma lesão de Marquinhos Gabriel; veja prazo de recuperação

    ver detalhes
  • Arena recebeu ação emergencial da Sangue Corinthiano

    Unidos pela causa! 'Celebridades' corinthianas vão à Arena e apoiam edição da Sangue Corinthiano

    ver detalhes
  • Jogador assinou contrato de dois anos com o Corinthians

    Ralf assina contrato com Corinthians e oficializa retorno após passagem pela China

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes