Sobre invencibilidade do Timão, Elias brinca: 'Deixa para perder no Brasileiro'

Sobre invencibilidade do Timão, Elias brinca: 'Deixa para perder no Brasileiro'

Por Meu Timão

Elias deverá ser titular contra Ponte Preta, neste sábado

Elias deverá ser titular contra Ponte Preta, neste sábado

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Após treino na manhã desta sexta-feira, o técnico Tite confirmou a equipe que enfrentará a Ponte Preta neste sábado, às 16h20, na Arena Corinthians. A partida, que garante vaga à semifinal do Campeonato Paulista, contará com os titulares da equipe.

Elias, que completará 200 jogos vestindo o manto alvinegro nesta partida, comparou a qualidade das duas equipes, lembrando que em campo todos devem se esforçar.

"Eu considero a Ponte o melhor time do interior, pelo fato de disputar a série A do Brasileiro, já ter montado um time forte. E a nossa equipe sim, dos quatro grandes, é a equipe que está mais preparada, já vem disputando decisões desde o começo do ano. Isso é teoria, na prática você tem que fazer por merecer", afirmou o volante em coletiva de imprensa no CT Dr. Joaquim Grava.

Ainda sobre o adversário do interior, falou sobre a responsabilidade de enfrentar seu ex-clube: "Com muita seriedade, muita responsabilidade. Dos quatro jogos vai ser o mais difícil na teoria, a Ponte tem uma grande equipe, sempre complica, então, a gente vai estar preparado para não ter nenhuma surpresa".

A respeito do confronto, ressaltou a importância do descanso do elenco e reconheceu o peso que a boa fase corinthiana exerce sobre os adversários. Para superar mais esse oponente, a equipe comandada por Tite deve estar ainda mais preparada para qualquer situação.

"A gente sabe que enfrentar o Corinthians em qualquer situação é motivação muito grande para jogadores. Temos que estar iguais ou melhores que eles para superar o jogo que é importante. Descansamos, semana muito boa de treinamento e a motivação de jogar as quartas já é grande", confessou.

Acerca do descanso, o time, vindo de uma longa e cansativa sequência de jogos, sentiu, principalmente no último clássico contra o Santos, a exaustão. Ainda assim, o elenco trabalha para manter o bom nível já apresentado.

"Estamos bem. É difícil você manter o nível de atuação, o nível de competitividade, esse jogo com o Santos foi o que a gente mais sentiu, principalmente no segundo tempo. A folga serviu para descansar, preparar também, fizemos uma parte de musculação muito forte", revelou.

Visando utilizar a vantagem da melhor campanha de forma assertiva, reconheceu a relevância da Arena, "nossa casa" em suas palavras, e dos torcedores corinthianos, sempre presentes no estádio.

"A gente vem jogando bem em casa, vencendo em casa, já se adaptou ao gramado. Espero que a nossa Arena esteja cheia como sempre e que nosso torcedor nos empurre a buscar a classificação", disse.

Como o Corinthians ainda não perdeu em jogos oficiais nessa temporada, muitos se perguntam quando essa derrota virá. Os jogadores sabem que ela virá, mas Elias, mesmo reconhecendo a qualidade do rival, torce para que não seja neste sábado.

"Eu prefiro não perder (risos). Deixa para perder no Brasileiro que é um campeonato longo e dá pra recuperar lá na frente", concluiu.

Veja Mais:

  • Cerca de 200 integrantes de organizadas foram ao Pacaembu neste domingo

    Ato de organizadas tem gritos de 'Vamo Chape' e pedido por liberdade nos estádios

    ver detalhes
  • Kalil, à direita de Roberto de Andrade, pediu licença de 60 dias

    Vice-presidente solicita licença do cargo e dispara contra diretoria do Corinthians

    ver detalhes
  • Bruno César anotou o segundo gol na vitória por 2 a 0

    Ex-jogador do Corinthians marca golaço de falta e dedica à Chapecoense; veja o vídeo

    ver detalhes
  • Maycon conta com o aval de Oswaldo de Oliveira para retorno

    Retorno de Maycon minimiza necessidade por contratação de volante no Corinthians

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes