Seguro, meia afirma: 'Vamos fazer o jogo da nossa vida para classificar'

Seguro, meia afirma: 'Vamos fazer o jogo da nossa vida para classificar'

Por Meu Timão

Renato Augusto também acredita na força da torcida

Renato Augusto também acredita na força da torcida

Foto: Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians

Na próxima quarta-feira, o Corinthians precisará vencer o Guaraní-PAR na partida de volta das oitavas de final da Libertadores. Após a derrota por 2 a 0 fora de casa, o Timão deverá ter a vantagem de três gols para conseguir a classificação para a próxima fase.

Como a maioria dos jogadores do elenco, o meia Renato Augusto mostrou-se confiante em relação à partida da próxima semana, vista como "o jogo da vida" dos corinthianos pelo próprio atleta.

"Erramos algumas coisas. Infelizmente, o que a gente treinou não fizemos em alto nível. Mas não acabou, temos o jogo na nossa casa, com apoio da nossa torcida, ficamos mais fortes. Vamos para esse jogo. Vamos fazer o jogo da nossa vida para classificar", afirmou Renato Augusto.

Mesmo relatando a necessidade do ocorrido, o camisa 8 reconheceu que o Corinthians chegou ao auge antes do que devia.

"Pode ser que sim (chegou ao auge antes do ideal). Mas a gente precisava chegar no auge cedo, porque tinha pré-Libertadores, depois grupo da morte... Tinha que estar pronto rápido. Demos uma caída, mas tenho certeza de que vamos retomar e no próximo jogo faremos uma grande partida", disse.

Apesar do resultado desfavorável ao clube do Parque São Jorge, o meia reconheceu a boa atuação da equipe paraguaia.

"Não voltamos a jogar o que a gente estava jogando, com alto nível, triangulações, jogo rápido... Mas teve mérito do Guaraní, que fez uma grande partida, defendeu muito bem, teve pressão alta boa. Eles dificultaram nosso trabalho, teve mérito deles também", concluiu.

Veja Mais:

  • Carille comandou o treino do Corinthians deste sábado, no CT Joaquim Grava

    Pablo treina, e Carille define escalação do Corinthians contra o Atlético-GO

    ver detalhes
  • Clayson foi relacionado pela primeira vez no Corinthians

    Com estreia de Clayson e Pablo, Corinthians relaciona 22 contra Atlético-GO

    ver detalhes
  • Roberto (à esq.) está pessimista por negócio com Cicinho

    Roberto de Andrade esclarece especulações, vê Cicinho distante e abre o jogo sobre Nenê

    ver detalhes
  • Nenê foi oferecido nos últimos dias para a diretoria do Corinthians

    Nenê é oferecido ao Corinthians; até troca com dois jogadores alvinegros é sugerida

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes