Emocionado, Sheik fala da eliminação da Libertadores e agradece Fiel

Emocionado, Sheik fala da eliminação da Libertadores e agradece Fiel

Contrato de Emerson está próximo do fim e diretoria ainda não se decidiu sobre renovação

Contrato de Emerson está próximo do fim e diretoria ainda não se decidiu sobre renovação

Foto: Daniel Augusto Jr. / Agência Corinthians

O Corinthians voltou a vencer depois da eliminação da Libertadores e, pelo menos, por essa noite dorme líder do Campeonato Brasileiro. Na saída do gramado, o atacante Emerson Sheik que entrou no segundo tempo, no lugar de Mendoza, desabafou sobre os últimos jogos do Timão.

Muito emocionado, o atacante agradeceu o apoio da torcida, que vibrou e aplaudiu muito a sua entrada na segunda etapa.

"Pouco mais de quatro anos no Corinthians e a gente entende perfeitamente o sentimento desse torcedor, porque talvez seja esse o motivo do Corinthians ser tão grande, talvez seja esse o motivo da camisa ser tão importante, do clube ter uma história linda no cenário mundial. Enquanto eles entenderem que está errado e que somos capazes, que eles possam ir ao CT e ao estádio cobrar da maneira que estão cobrando, uma maneira por mim considerada válida. Que bom que a gente tem eles. Essa cobrança é extremamente importante para a retomada e para o nosso crescimento", declarou.

"Até 31 de julho, o torcedor vai ver o Emerson da mesma maneira, com a camisa suada e suando muito", completou, lembrando que seu contrato com o Timão está próximo do fim.

O atacante também falou sobre a importância do resultado contra a Chapecoense para a retomada da confiança da equipe alvinegra.

"Uma eliminação precoce, onde a gente entende que podia avançar um pouco mais dentro da competição. Mas passou e agora a vida segue, continua o trabalho. Numa competição importante também, que é o Brasileiro, que pode nos dar chance no próximo ano", explicou.

Essa é a segunda partida do Campeonato Brasileiro que o jogador inicia no banco de reservas. Emerson também ficou fora das duas últimas partidas do Timão na Libertadores, cumprindo punição por uma expulsão contra o São Paulo, ainda na fase de grupos da competição.

Veja Mais:

  • Drogba quer conversa com técnico e presidente antes de decisão

    Avaliando proposta, Drogba quer contato direto com técnico e presidente do Corinthians

    ver detalhes
  • Corinthians e Juventus se encontram neste domingo, às 19h45

    Corinthians encara 'clássico da Zona Leste' por vaga na final da Copinha

    ver detalhes
  • Final da Flórida Cup 2017, único revés em mata-mata para o Corinthians no Século 21

    Após seis triunfos, Timão perde primeiro mata-mata para o São Paulo no Século 21

    ver detalhes
  • Não agradou - Titular no Majestoso, Guilherme teve atuação discreta na decisão da Florida Cup

    Meia do Corinthians tem nota próxima do zero após empate

    ver detalhes

Comente a notícia:

  • 1000 caracteres restantes